Thaisa Galvão

14 de março de 2020 às 9:58

Morre de infarto Gustavo Bebianno, o ex-auxiliar mais próximo de Jair Bolsonaro [0] Comentários | Deixe seu comentário.

Coordenador da campanha quando comandava o PSL, e auxiliar mais próximo do gabinete presidencial no primeiro momento do Governo Bolsonaro, até começar a sofrer ataques dos filhos de Jair, Gustavo Bebianno morreu de infarto na madrugada.

Ele estava com o filho em um sítio em Teresópolis, região serrana do Rio de Janeiro, quando passou mal, caiu, foi levado a um hospital mas a morte foi confirmada.

Gustavo Bebianno tinha 56 anos e no dia 5 foi anunciado pelo governador de São Paulo, João Doria, como o pré-candidato do PSDB a governador do Rio.

Ele era advogado de formação e faixa-preta em jiu-jitsu.

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

*