Thaisa Galvão

24 de março de 2020 às 17:58

FAB diz que notícia da Veja não está correta pois chamada de registro de preço para compra de 1.100 litros de vinho foi suspensa [0] Comentários | Deixe seu comentário.

A Força Aérea Brasileira no Rio Grande do Norte enviou carta à redação da revista Veja, pedindo reparação sobre nota publicada na coluna Radar, afirmando que a FAB havia comprado 1.100 litros de vinho tinto e branco…

Segundo a Comunicação da Ala 10, a informação publicada pela revista não está correta.

E a revista já informou que publicará uma ‘errata’ na próxima edição.

Segundo a Comunicação, o pregão não chegou a ocorrer.

Era apenas uma tomada de preços para vinho culinário (galões de 4,6L) que foi suspensa antes de ocorrer. A Veja viu a chamada para o registro de preço, mas não viu a suspensão.

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

*