Thaisa Galvão

21 de maio de 2020 às 17:47

Adiamento de eleições começa a ser debatido e caso pleito seja suspenso atual prefeito não se manterá no cargo [3] Comentários | Deixe seu comentário.

Começa a ser desenhado um Plano B para as eleições municipais, com novas datas sendo articuladas.

Duas possíveis datas foram levantadas para a realização do primeiro turno das eleições: ou 15 de novembro ou 6 de dezembro.

O segundo turno, ainda sem discussão de data, teria um espaço menor do que o que estava definido no calendário eleitoral, que teria 21 dias entre 4 de outubro (1º turno) e 25 de outubro (2º turno).

*

Se não houver eleição, segundo disse hoje o presidente da Câmara Rodrigo Maia *DEM), no dia primeiro de janeiro do próximo ano, terpa que ser alguém previsto na lei orgânica do município, e aí vai depender de cada legislação local.

Maia citou como exemplo o Rio de Janeiro, que a lei orgânica prevê que quem assumiria em um caso como, seria o presidente do Tribunal de Contas do Município (TCM).

“Não vejo na Constituição espaço para prorrogar um dia de mandato. É muito sensível do ponto de vista institucional você abrir essa janela. Porque no futuro, daqui a dois, três, quatro mandatos, alguém pode se sentir muito forte, ter muito apoio no parlamento, criar uma crise e prorrogar o seu próprio mandato”, explicou Rodrigo Maia, ressaltando que sem eleições o atual gestor não permanecerá no cargo.

3 respostas para “Adiamento de eleições começa a ser debatido e caso pleito seja suspenso atual prefeito não se manterá no cargo”

  1. Rodrigues disse:

    Como ficaria a Câmara de vereadores após 01 de Janeiro ?

  2. Smiter disse:

    Gostaria muito que não tivesse alteração que com organização se realizem a política pois não sou eu que resolvo mas vocês altoridades saber o que está fazendo mas que esse ano tenha a política falo por também se político mas sabemos que não tão pensando só em política mas na saúde dos eleitores mas sei que vão com sabedoria resolver está citação obrigado.

    • Smiter disse:

      Falo mas uma vez se não tiver eleição como vai se a citação das cidade como vai se a forma de trabalho tem muitas cidade que vevi citação complicada imagine sem gestou uma cidade sem equipe e uma cidade sem bandeira ficaria uma bagunça só Penco a todos políticos que pensse com carinho pra não fazer a coisa errada.

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

*