Thaisa Galvão

26 de maio de 2020 às 11:13

Prefeitura de Natal executa ampla reforma no Mercado da Seis [0] Comentários | Deixe seu comentário.

Um dos mais tradicionais mercados públicos da cidade, o Mercado Antônio Carneiro, popularmente conhecido como Mercado da Seis, no Alecrim, chega aos 50 anos de história sendo completamente recuperado pela Prefeitura de Natal, que executa uma série de serviços no equipamento.

Com 2.641 m², o local será modernizado com a reforma. A expectativa é de que os trabalhos se encerrem na segunda quinzena de junho.

Os investimentos são executados com recursos próprios da Prefeitura, dentro do contrato de manutenção dos espaços públicos da Secretaria Municipal de Serviços Urbanos (Semsur).

A cobertura do local está passando por uma revisão dos perfis metálicos e trocas de telhas.

A parte elétrica também foi toda refeita, com a instalação de quadros novos de medições e a individualização de leitura do consumo de cada box.

Está sendo feita ainda a pintura externa e interna do local, revitalização do piso, instalação de ventiladores na praça de alimentação, recuperação dos banheiros, revisão das tubulações pluviais e, na área externa, todo o perímetro da calçada foi refeito, adequando o Mercado às normas de acessibilidade vigentes.

“Esse é um dos espaços mais tradicionais da cidade e, há algum tempo, necessitava dessa recuperação. São 50 anos fazendo parte da história do bairro e a Prefeitura resolveu celebrar essa data, executando todas essas melhorias no Mercado da Seis”, destaca o secretário municipal de Serviços Urbanos, Irapoã Nóbrega.

“O local tem uma importância social e econômica enorme para a cidade e agora tanto os permissionários quanto os clientes terão à disposição um espaço mais moderno, confortável e acessível. A gestão municipal tem efetuado um grande trabalho na recuperação dos mercados públicos e essa obra é mais uma da série entregue pela Prefeitura”, completa ele, citando reformas já realizadas no Mercado das Quintas e Mercado do Peixe.

Considerada a principal área de comércio de frutos do mar de Natal, aliás, o Mercado do Peixe segue recebendo investimentos e teve sua câmara fria reinstalada recentemente, assim como outras melhorias que garantem maior qualidade em serviços para os usuários e permissionários.

O espaço ficou mais atrativo para a comercialização dos produtos e obedece a todos os padrões exigidos pelos órgãos de saúde e vigilância sanitária.

26 de maio de 2020 às 10:41

Número 2 da PF no RN, Larissa Perdigão assume superintendência no lugar de Tânia Fogaça que foi comandar o Depen em Brasília [0] Comentários | Deixe seu comentário.

Número 2 na Polícia Federal do Rio Grande do Norte, a delegada Larissa Freitas Carlos Perdigão, assumiu a superintendência da instituição no Estado.

Ela substitui a ex-titular Tânia Fogaça, que nesta segunda-feira tomou posse, em Brasília, como diretora-geral do Departamento Penitenciário Nacional (Depen), como a primeira mulher que assume o cargo na história do Departamento.

Antes de ser superintendente no RN, Fogaça passou pela Força-tarefa Penitenciária Federal de Mossoró (RN), e atuou nos trabalhos de combate à rebelião na Penitenciária de Alcaçuz (PR).

*

A Polícia Federal também trocou os superintendentes de Goiás, Paraíba, Rio Grande do Sul e Tocantins.

Posse de Tânia Fpgaça nesta segunda-feira em Brasília

26 de maio de 2020 às 10:01

Deputada aliada de Bolsonaro adiantou operação da PF contra governador [0] Comentários | Deixe seu comentário.

A deputada Carla Zambelli (PSL-SP), mais nova queridinha do presidente Jair Bolsonaro desde que ele rompeu com a deputada Joyce Hasselmann, já sabia que o governador do Rio de Janeiro seria alvo de operação da Polícia Federal.

Em entrevista a uma rádio do Rio Grande do Sul, Zambelli adiantou: “A gente já teve algumas operações da Polícia Federal que estavam ali, na agulha, para sair, mas não saíam. E a gente deve ter, nos próximos meses, o que a gente vai chamar, talvez, de ‘Covidão’ ou de… não sei qual vai ser o nome que eles vão dar… mas já tem alguns governadores sendo investigados pela Polícia Federal”.

Zambelli está sendo sendo acusada de ter informações privilegiadas da nova PF…

26 de maio de 2020 às 8:23

Wilson Witzel só foi alvo de operação porque virou adversário de Bolsonaro [0] Comentários | Deixe seu comentário.

Perguntinha besta que não quer calar.

Se o governador do Rio de Janeiro, o ex-juiz federal Wilson Witzel, eleito pelo PSC com apoio de Bolsonaro, não tivesse botado a cabeça de fora na intenção de disputar a Presidência da República…estaria sendo alvo dessa operação da Polícia Federal hoje?

Ou estaria sendo poupado como poupado foram os casos Queiroz, Kopenhagen, porteiro…?

26 de maio de 2020 às 8:03

Novo comando da PF no Rio faz operação em endereços do governador Wilson Witzel [1] Comentários | Deixe seu comentário.

Como já era esperado, o governador do Rio de Janeiro, Wilson Witzel, é alvo de operação da Polícia Federal na manhã desta terça-feira.

A Operação Placebo apura denúncias de desvios de dinheiro aplicado em ações de combate ao coronavírus.

A PF cumpre 12 mandados de busca e apreensão, sendo um deles no Palácio Laranjeiras, residência oficial do governador.

A operação foi autorizada pelo Superior Tribunal de Justiça (STJ).

A casa onde Witzel morava antes de ser eleito, no bairro Grajaú, e o escritório de advocacia do governador, que é ex-juiz federal, também foram visitados por policiais.

A Operação Placebo apura suspeitas de desvios ligados ao Instituto de Atenção Básica e Avançada à Saúde para a construção de hospitais de campanha no Rio de Janeiro.

*

Coincidentemente, a operação contra o governador carioca foi deflagrada logo depois da troca de comando da PF no Rio, pelo presidente Jair Bolsonaro.

Bolsonaro há muito vem tentado se vingar de Wilzon Witzel, acusando-o de envolver seus filhos em casos como a morte de Marielle e o esquema de laranja na loja Kopenhagen do senador Flávio Bolsonaro.

Vale lembrar que Wilson Witzel apoiou Bolsonaro na campanha para presidente e foi candidato no Rio pelo PSL, com apoio do então candidato a presidente da República.

Tipo assim…os dois se merecem.

26 de maio de 2020 às 7:53

Decisão do Grupo Globo de tirar repórteres do ‘cercadinho’ do Alvorada não impede cobertura [0] Comentários | Deixe seu comentário.

A decisão do Grupo Globo de não mais cobrir a rotina besta do presidente Jair Bolsonaro, na frente do Palácio da Alvorada, foi mais do que sensata.

Além de não ter segurança frente a apoiadores escolhidos pelo grupo pessoal do presidente, que vão todos os dias bater palmas e seguir um roteiro escrito pelo gabinete do ódio, os jornalistas não podem perder tempo para cobrir até fake News anunciadas pelo próprio presidente.

Como no caso do churrasco que faria para sei lá quantos convidados.

Quando um presidente fala, a imprensa séria sabe que não é mentira…

Mas ali no ‘cercadinho’ montado em frente ao Palácio, o próprio presidente chegou ao ponto de anunciar mentiras, como o caso do churrasco que disse que faria.

Agora…

O fato de não estar no local exposto a atos de violência contra seus repórteres, o Grupo Globo não está dizendo que não vai cobrir mais a agenda.

Um jornalista não precisa estar no local para fazer a melhor cobertura.

O grupo do presidente não sabe disso.