Thaisa Galvão

30 de outubro de 2020 às 3:23

No Maranhão, Bolsonaro preconceituoso toma bebida cor de rosa e diz que virou boiola [0] Comentários | Deixe seu comentário.

Que falta de respeito.

Com o estado do Maranhão, com a classe empresarial daquele estado, com a população LGBT ou simpatizante…

Na visita ao Maranhão, o presidente Jair Bolsonaro encarnou a ministra Damares com aquela loucura que diz que menino veste azul e menina veste rosa.

Bastou tomar uns goles do típico guaraná Jesus, que é cor de rosa, para botar todo seu preconceito e espírito homofóbico para fora.

Preconceito, desrespeito, homofobia…ou simplesmente algo pessoal mal resolvido mesmo?

Confira a idiotice do dia, para fechar com chave de ouro os outros episódios governistas da maria fofoca, nhonho, fura teto..,

À noite, depois da segunda repercussão negativa contra ele em dois dias – a primeira foi sobre o SUS – o presidente pediu desculpa:

“Se alguém se ofendeu, me desculpa, eu fiz uma brincadeira com a cor do guaraná Jesus, que é cor-de-rosa. E a brincadeira que eu fiz não foi para a televisão, eu estava falando com um cara lá. Falei uns troços e divulgaram como se eu estivesse ofendendo o pessoal do Maranhão. Muito pelo contrário. Com quem eu tava brincando era um maranhense, que levou na esportiva. Agora, a maldade está aí”, declarou Bolsonaro.

Tipo assim…se não for pra televisão ele pode ser homofóbico, desrespeitoso, ruim..,

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado.