Thaisa Galvão

16 de novembro de 2020 às 14:32

Entre a Assembleia e a Câmara, Robério Paulino deverá optar pelo mandato de vereador por 4 anos [0] Comentários | Deixe seu comentário.

Outro caso na Câmara de Natal.

O Professor Robério Paulino, eleito pelo PSOL com 1.886 votos, está com um pé na Assembleia Legislativa, numa ação que tira do mandato o deputado Sandro Pimentel, que teve o mandato cassado por erros técnicos na sua prestação de contas.

Robério vai fazer uma discussão aberta nas suas páginas públicas nos próximos dias, pedindo para as pessoas opinaram.

Foi o que ele disse ao Blog, mas adiantando que está inclinado a ficar na Câmara, portanto, o cenário desenhado neste domingo não teria uma segunda alteração.

Decisão mais do que sensata.

Caso assuma a cadeira de deputado, terá uma nova eleição daqui a dois anos, e uma campanha para se eleger deputado lhe custará muito mais do que custou para se eleger vereador.

E não apenas em recursos, mas em tempo, em construção de grupos, em campanha além de Natal.

Para quem obteve 1.886 votos, de repente daqui a dois anos terá que subir para uns 20 mil…

Na Câmara, Robério terá seu gabinete por 4 anos, livre de qualquer decisão judicial que porventura viesse a acontecer, caso assumisse a polêmica vaga do PSOL na Assembleia.

Por essas razões, o Blog não aposta um centavo na possibilidade de Robério Paulino abrir mão do seu mandato legítimo de vereador de Natal por 4 anos.

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado.