Thaisa Galvão

22 de janeiro de 2021 às 22:53

Beto Rosado diz em nota que não entendeu decisão do TRE e vai recorrer [6] Comentários | Deixe seu comentário.

Do deputado Beto Rosado, que deverá ter que devolver o mandato ocupado por ele ao eleito e não empossado em 2018, Fernando Mineiro.

A nota publicada em suas redes sociais:

NOTA

Como deputado federal pelo Progressistas, ocupando o cargo diplomado e garantido pelo TSE, recebi com surpresa a decisão do julgamento desta sexta-feira (22) no TRE. Respeito os renomados desembargadores da corte, mas o julgamento deixou muitas dúvidas acerca do processo em questão.
Nosso mandato segue em Brasília, respaldado pela vontade de mais de 71 mil potiguares e pelas regras previstas na Lei Eleitoral.

Sigo com a consciência tranquila de quem cumpre seu dever, com um trabalho sério e comprometido com o povo. Esse trabalho que é campeão em destinação de recursos para o interior. Que luta por bandeiras importantes e que geram empregos, nos setores produtivos do sal, fruticultura e petróleo. Que ajudou a salvar muitas vidas na pandemia destinando 28 respiradores, dezenas de ambulâncias e mais de R$ 10 milhões em recursos para a Saúde do RN em 2020. Entre tantas outras ações nos quatro cantos do Estado.

O compromisso do nosso mandato é com o RN. O povo que me elegeu sabe que pode contar com um deputado que não está em Brasília para alimentar disputa de esquerda x direita, mas para trabalhar e fazer o que precisa ser feito. Para ajudar os municípios, chegando junto quando mais precisam.

Não recebi ainda nenhum comunicado, mas quando isso ocorrer, tomarei as medidas cabíveis e necessárias. Confio na justiça! Confio na vontade de Deus!

Beto Rosado
Deputado Federal – Progressistas

*

Do Blog: eis o resultado da votação anunciado pelo TRE/TSE em outubro de 2018:

22 de janeiro de 2021 às 19:17

Recurso de Beto Rosado – não seria de Kericlis? – não deve impedir Mineiro de ser diplomado após recálculo de votos e publicação de acórdão [0] Comentários | Deixe seu comentário.

A decisão do TRE, na sessão desta sexta-feira (22), devolvendo a Fernando Mineiro, o mandato de deputado federal conquistado no voto (foi o terceiro mais votado do RN), virou polêmica e incertezas para uns…

É que se fala, desde que terminou a votação, no recurso ao qual o deputado Beto Rosado teria direito.

E tem.

Beto pode entrar com uma medida cautelar para dar efeito suspensivo à diplomação de Mineiro.

Porém, juristas comentam que o Direito de Mineiro é muito evidente para que alguém consiga suspender sua posse.

Mineiro conseguiu provar, com documentos assinados pelas prefeituras de São José do Seridó e de Monte Alegre, que o candidato Kericlis Alves, que teve os votos anulados, mas depois validados por uma manobra jurídica, garantindo a posse de Beto Rosado na vaga de Mineiro, estava totalmente irregular e seus votos realmente não poderiam ter sido contados.

Então…

Mineiro deverá sim, ser diplomado e empossado.

E Beto seguirá por fora recorrendo.

Mas fica a pergunta:

Beto recorrendo?

Mas a ação na justiça não foi impetrada por Kericlis?

22 de janeiro de 2021 às 19:07

Governadora Fátima comemora decisão do TRE que devolve a Mineiro mandato conquistado no voto em 2018 [0] Comentários | Deixe seu comentário.

A governadora Fátima Bezerra postou em suas redes sociais, a alegria pelo resultado da sessão desta sexta-feira no Tribunal Regional Eleitoral do Rio Grande do Norte.

22 de janeiro de 2021 às 17:48

Mineiro se pronuncia e diz que aguarda TRE publicar acórdão ‘o mais rápido possível’ [0] Comentários | Deixe seu comentário.

Do candidato a deputado federal Fernando Mineiro, que foi eleito e nunca assumiu, tendo o cargo ocupado pelo mossoroense Beto Rosado, com base nos votos de Kericlis Alves, que foram indeferidos pelo TRE nesta sexta-feira:

Nota

Em primeiro lugar, agradecer à militância, aos advogados, e a cada um e a cada uma das pessoas que – independente de serem do PT ou ter votado em mim – se somaram nesse verdadeiro movimento pelo respeito à democracia. E à imprensa que publicou a verdade dos fatos.
Minha expectativa sempre foi a de que o TRE manteria a mesma posição que teve em 2018, assim como o MPE fez.

Agora, estou no aguardo que o TRE publique a decisão o mais rápido possível, faça a recontagem dos votos e a diplomação para que eu possa tomar posse e me somar com a bancada do PT na trincheira da Câmara Federal.

22 de janeiro de 2021 às 17:05

Rosado sempre distante do rosalbismo, vereadora Larissa é a sobrevivente no cenário da tradicional família mossoroense [0] Comentários | Deixe seu comentário.

Uma sobrevivente.

A ex-deputada Larissa Rosado, eleita vereadora em Mossoró, é o mandato de sobrenome Rosado em Mossoró.

Larissa deverá disputar mandato de deputada estadual em 2022.

A ex-prefeita Rosalba Ciarlini e o ex-deputado Beto Rosado também deverão disputar uma vaga no legislativo, federal ou estadual.

Aceno para a família voltar a caminhar dividida como sempre aconteceu.

Larissa como parte do tradicional ‘Rosado de Laíre e Sandra’, e Beto e Rosalba parte do tradicional ‘Rosado do rosalbismo’.

Sem o mandato de Sandra na Câmara Federal e sem o de Larissa na Assembleia Legislativa, os Rosado se uniram.

Mas tem tudo para voltar a se dividir no rumo de 2022.

No ato falho do Blog, onde Larissa nunca foi rosalbista, o esquecimento da sobrevivente.

Rosalba e Beto

22 de janeiro de 2021 às 16:48

Família Rosado perde o último mandato depois que Beto tem que devolver cargo conquistado no voto por Fernando Mineiro [0] Comentários | Deixe seu comentário.

Termina aqui a oligarquia política da família Rosado no Rio Grande do Norte.

Em dois exatos 2 meses e 7 dias, os dois últimos mandatos da tradicional família mossoroense saem do cenário político.

No dia 15 de novembro a então prefeita de Mossoró, Rosalba Ciarlini, que tentava reeleição, foi derrotada pelo atual prefeito Allyson Bezerra.

Nesta sexta-feira, após sessão no plenário do Tribunal Regional Eleitoral, ficou comprovado o que o próprio TRE anunciou no dia do pleito de 2018: Beto Rosado não foi eleito deputado federal, ficando na primeira suplência.

Com prejuízo de 2 anos fora do cargo para o qual foi eleito, Fernando Mineiro assume o mandato que lhe foi literalmente tomado.

Mais uma vergonha para a conta da política potiguar.

22 de janeiro de 2021 às 16:33

Por 3×2 TRE indefere registro de Kerinho e recontagem de votos deverá trocar Beto Rosado por Fernando Mineiro na bancada do RN [0] Comentários | Deixe seu comentário.

Terminou agora o julgamento do caso Beto Rosado.

E por 3 votos contra 2, ficou decidido que os votos do candidata deputado federal Kericlis Alves, que garantiram a posse de Beto Rosado como deputado, foram indeferidos.

O placar determina recontagem de votos no pleito de 2018 no Rio Grande do Norte, na disputa para deputado federal, sem os quase 9 mil votos de Kericlis – Kerinho.

O que deverá devolver a Fernando Mineiro, o mandato conquistado por ele como 3º mais votado, mas sem direito a tomar posse devido a manobra jurídica levantada pelo então suplente Beto Rosado.

Com os votos indeferidos, o TRE volta ao primeiro placar anunciado no dia do pleito, com Mineiro anunciado como deputado federal.

22 de janeiro de 2021 às 14:36

Prefeito Paulinho pede que governo solicite reforço da Força Nacional para reduzir violência em São Gonçalo do Amarante [0] Comentários | Deixe seu comentário.

O prefeito de São Gonçalo do Amarante, Paulinho Emídio, pediu, “penhoradamente”, que a governadora Fátima Bezerra solicite reforço da Força Nacional de Segurança Pública para combater o crime organizado no município.

O prefeito fez um desabafo em nota emitida nesta sexta-feira.

Confira a nota com pedido de urgência por parte do prefeito.

NOTA URGENTE

Há algum tempo venho solicitando às forças de segurança do Estado uma maior atenção com policiamento ostensivo e investigativo para São Gonçalo do Amarante, sem sucesso.

Os últimos episódios com mortes violentas em circunstâncias que demonstram o domínio e poderio do crime organizado sobre a polícia em nossa cidade, deixaram nossa população em pânico.

E não podemos continuar assim. São Gonçalo do Amarante não merece e não aceita conviver com tanta insegurança.

Peço penhoradamente à governadora Fátima Bezerra que solicite a urgente atuação da FORÇA NACIONAL DE SEGURANÇA PÚBLICA para São Gonçalo do Amarante, já que a força estadual não está conseguindo controlar a situação da violência que se torna avassaladora em nosso município e na região metropolitana de Natal.

Paulo Emídio de Medeiros
Prefeito de São Gonçalo do Amarante

22 de janeiro de 2021 às 12:46

O silêncio da OAB [0] Comentários | Deixe seu comentário.

O silêncio da Ordem dos Advogados do Brasil na crise política na pandemia, tem colocado os advogados militantes em dificuldade.

Quem escreveu sobre isso foi o advogado Erick Pereira, em artigo publicado nesta sexta-feira na Tribuna do Norte.

Para Erick, a ‘timidez’ da OAB não combina com o símbolo protetor que ela representa.

22 de janeiro de 2021 às 12:09

Caso Kerinho ou Caso Beto: quem vai declarar no imposto de renda o pagamento de honorários milionários a advogados? [0] Comentários | Deixe seu comentário.

Suspensa a sessão do TRE para julgamento do caso Kerinho, que está movimentando a classe política nesta sexta-feira, bem mais do que os fura-filas da vacina contra covid.

Parada para o almoço com previsão de reinício da sessão para 14 horas.

O caso Kerinho…

O Blog prefere chamar de ‘caso Beto Rosado’.

Com pouco menos de 9 mil votos numa disputa para deputado federal, com chance ZERO de assumir um mandato na Câmara em Brasília, o ex-candidato Kericlis Alves jamais entraria na justiça para que seus votos que não o levarão a lugar nenhum, sejam contados.

Também não teria como nem porque, pagar honorários aos advogados mais caros de Natal, e ainda a um time caro de Brasília onde consta até ex-ministro do Tribunal Superior Eleitoral.

Complicado para Kerinho declarar tudo isso em seu imposto de renda.

Então não há como se atribuir o caso a ‘caso Kerinho’, muito menos a defesa à ‘defesa de Kerinho’.

Talquei?

22 de janeiro de 2021 às 11:19

TRE não retira de pauta processo que julga se mandato será de Mineiro ou de Beto Rosado [0] Comentários | Deixe seu comentário.

A estratégia da defesa do mandato do deputado Beto Rosado através dos votos dos ex-candidato Kericlis Alves, de tirar de pauta o julgamento do processo marcado para ser apreciado hoje no TRE…não vingou.

Mas por pouco.

Por 3 votos a 2, a retirada de pauta da sessão de hoje foi rejeitada.

Na sessão do TRE, segue o julgamento, com as provas apresentadas pela defesa do candidato eleito e não empossado Fernando Mineiro.

Provas que mostram que o ex-candidato Kerinho não poderia ter os votos contados, como o próprio TRE decidiu em 2018, ao não permitir a contagem dos votos de Kerinho…mas depos mudou de ideia.

Aguardar como se posicionarão os juízes/desembargadores diante das provas…

22 de janeiro de 2021 às 9:11

Covid-Manaus: Pesquisa Exame/Ideia aponta queda de 11 pontos na popularidade de Bolsonaro [0] Comentários | Deixe seu comentário.

Da revista Exame, resultado de uma pesquisa que aponta queda de popularidade do presidente Jair Bolsonaro, e a possibilidade de uma reeleição ameaçada.

Mas vale lembrar que em um momento do seu primeiro mandato, o presidente Lula se viu numa situação bem parecida, também com a possibilidade de reeleição ameaçada.

Mas aí ele foi ali e comprou um bocado de deputado, senador, partido…e não só se reergueu, como foi candidato e ganhou.

Porque no Brasil é assim que funciona e a receita o presidente Bolsonaro tem.

Os partidos são os mesmos.

E Bolsonaro tem tempo para repetir Lula.

Confira a reportagem.

Com a crise de saúde pública em Manaus e desencontros sobre o cronograma de vacinação, a aprovação à gestão do presidente Jair Bolsonaro caiu de 37% para 26%, a maior queda semanal desde o início de seu governo. Agora, está no mesmo nível de junho de 2020, um dos momentos mais críticos da pandemia. A queda acentuada fez com que a desaprovação ao governo saltasse para 45%.

É o que mostram os novos resultados de uma pesquisa exclusiva de EXAME/IDEIA, projeto que une Exame Research, braço de análise de investimentos da EXAME, e o IDEIA, instituto de pesquisa especializado em opinião pública. Clique aqui para ver o relatório completo.

A desaprovação do presidente é maior nos estratos de maior renda e de maior escolaridade: entre os que ganham mais de cinco salários mínimos, 58% não aprovam a gestão do presidente. No grupo dos que têm ensino superior, 64% desaprovam o governo federal.

Já em relação à aprovação do presidente, ela segue maior entre os que moram no Centro-Oeste e os evangélicos. Entre os que moram no Centro-Oeste, 36% aprovam o governo Bolsonaro — nas outras regiões do Brasil, esse índice varia de 22% a 27%.

Entre os evangélicos, 38% apoiam o governo Bolsonaro, ante 20% dos católicos e 23% dos que declaram seguir outra religião.

O levantamento foi realizado por telefone, em todas as regiões do país, entre os dias 18 e 21 de janeiro. A margem de erro é de três pontos percentuais, para mais ou para menos.

“A dinâmica dos sérios problemas em Manaus junto a falta de perspectivas sobre um cronograma de vacinação e o fim do auxílio emergencial constituem os principais fatores que levam à queda de popularidade do presidente”, diz Maurício Moura, fundador do IDEIA.

Os dados de avaliação do governo mostram um desempenho similiar: o percentual de pessoas que considera o governo ótimo ou bom passou de 38% para 27%. Do mesmo modo, o grupo que avalia a gestão Bolsonaro como ruim ou péssima subiu de 34% para 45%.

Manaus

A pesquisa também perguntou se a crise de saúde pública em Manaus, que vive uma deficiência no fornecimento de oxigênio para os hospitais e um aumento substancial de casos de covid-19, poderia influenciar a avaliação do governo. Para 60% dos entrevistados, o quadro atual na capital amazonense deve impactar o modo como analisam o trabalho do presidente. Para outros 22%, não deve fazer diferença

Quando se observa o aspecto regional, 66% dos que moram no Nordeste dizem que a avaliação do governo deve ser influenciada pela crise em Manaus, enquanto que 57% dos que moram no Sudeste e no Norte – epicentro da atual crise – compartilham da mesma opinião.

O impacto dos acontecimentos em Manaus também repercute mais na população de alta escolaridade e renda: 71% dos que têm ensino superior dizem que a avaliação do governo deverá ser impactada, assim como 67% das pessoas com rendimentos superiores a cinco salários mínimos têm a mesma opinião.

“As classes média e alta, que poucas vezes usam o sistema público de saúde por ter plano particular, está insatisfeita porque as vacinas, a cargo do governo, não chegam e não há, até agora, uma definição sobre o calendário da campanha de imunização”, diz Moura. “Ao mesmo tempo, o fim do auxílio é visto negativamente por boa parte da população.”

Pazuello

A pesquisa EXAME/IDEIA também perguntou sobre como a população avalia o trabalho do ministro da Saúde, Eduardo Pazuello. Enquanto 28% dos entrevistados consideram o trabalho do ministro como bom ou ótimo, outros 32% consideram a gestão de Pazuello ruim ou péssima. Outros 33% avaliam como regular.

Os dados mostram que a avaliação do ministro é melhor do que a do presidente Bolsonaro (27% consideram bom ou ótimo; 45% acham ruim ou péssima).

“A população com menos instrução geralmente não sabe quem são os ministros, mas conhecem o presidente. Por isso, o governo federal tende a ser mais responsabilizado em momentos de grave crise”, diz Moura, do IDEIA.

22 de janeiro de 2021 às 8:48

Governo do RN convoca novos 726 professores [0] Comentários | Deixe seu comentário.

A governadora Fátima Bezerra assinou a nomeação de mais 726 novos professores para a rede pública estadual.

Foram convocados 709 professores temporários, 14 efetivos e 3 especialistas em educação, que atuarão nas áreas de linguagem, matemática, ciências humanas e ciências da natureza.

As nomeações foram publicadas na edição desta sexta-feira do Diário Oficial.

Os professores temporários substituirão educadores afastados por motivo de licença médica, licença para estudo e nos casos em que o titular assume função de direção.

22 de janeiro de 2021 às 7:48

Com provas de que votos de Kerinho não poderiam ter sido contados, TRE/RN pode julgar caso hoje mas advogados de Beto Rosado tentam tirar processo da pauta [0] Comentários | Deixe seu comentário.

Previsto para ser julgado nesta sexta-feira pelo TRE/RN, o processo que poderá devolver ao ex-deputado estadual Fernando Mineiro (PT), o mandato conquistado pelo voto nas eleições de 2018.

Candidato a deputado federal, Mineiro foi o terceiro mais votado, mas acabou não tomando posse e perdendo o mandato para o suplente, de acordo com a votação, Beto Rosado.

Beto não foi eleito, mas numa manobra jurídica comprovou que os votos do candidato Kericlis Alves, que não haviam sido contados porque o TRE apontou irregularidades no registro de candidatura, já poderiam ser contados, desfazendo o que havia sido comprovado pelo Tribunal.

Com os votos de Kerinho – como é conhecido – a coligação elegeria Beto, o que foi feito.

O processo correu e o deputado Beto contratou um exército de grandes advogados, entre eles o ex-ministro do TSE, Fernando Neves, para defender “Kerinho”… ou melhor, o seu mandato.

A defesa de Mineiro conseguiu provar as irregularidades que o TRE do Rio Grande do Norte já tinha constatado quando se negou a contar os votos de Kerinho.

Entre as provas, estão documentos assinados por prefeitos de Monte Alegre e São José do Seridó, que atestam que Kerinho não estava desincompatibilizado e recebeu salários de prefeituras mesmo estando candidato.

Porém…

O exército de advogados de Kerinho…ops…de Beto, apelou para que o julgamento de hoje fosse adiado e a tática é ganhar tempo.

Na segunda-feira o atual juiz relator do caso será substituído.

A defesa de Mineiro rebateu ainda ontem, apontando a estratégia de ‘tumultuar’ o andamento do processo.

Aguardar agora se os juízes/desembargadores do TRE do Rio Grande do Norte vai mudar de ideia ou vai fazer valer a irregularidade apontada pelo próprio Tribunal quando, no dia da eleição, em 2018, se negou a contar os votos de Kerinho.

22 de janeiro de 2021 às 7:04

Potiguares que brilham em Sampa na capa da Vejinha/SP [0] Comentários | Deixe seu comentário.

Potiguares estão na capa da edição desta semana da Veja São Paulo, a Vejinha, que circula especificamente naquele estado mas que pode ser acessada pelo assinante digital.

O Blog reproduz a reportagem que aponta São Paulo como a capital do Nordeste, mostrando profissionais dos estados nordestinos brilhando na maior cidade do país, ao contrário dos tempos antigos, onde ir para São Paulo terminava sendo uma possibilidade de salvação para o trabalhador braçal do Nordeste.

Confira a reportagem que registra o trabalho do arquiteto natalense Felipe Bezerra e do sócio, designer de produtos André Gurgel, que criaram a Mula Preta em Natal e levaram para São Paulo.

Também na capa da Vejinha/SP o diretor do café 3 Corações, potiguar Paulo Tarso Rêgo de Lima.

CAPA

Reportagem completa

A revista também mostra produtos e serviços dos nordestinos em São Paulo.