Thaisa Galvão

27 de março de 2021 às 20:28

Prefeito Allyson Bezerra diz que vacinação está acelerada em Mossoró e pede mais doses ao governo federal [0] Comentários | Deixe seu comentário.

O prefeito de Mossoró, Allyson Bezerra, acompanhou neste sábado o ritmo da vacinação nas unidades de saúde onde o atendimento aos idosos é agendado, e em muitos casos a vacina é levada em casa.

https://youtube.com/shorts/11ijKEiwMZU

https://youtube.com/shorts/Atokjw3ecI4

27 de março de 2021 às 20:16

Governo do RN recebe oxigênio do Ministério da Saúde para atender unidades de saúde de municípios [0] Comentários | Deixe seu comentário.

Da governadora Fátima Bezerra, sobre a chegada de cilindros de oxigênio, solicitados ao Ministério da Saúde pelo governo do Estado, e que serão encaminhados aos municípios que tem apresentado problemas com o fornecimento de oxigênio.

27 de março de 2021 às 15:44

Retrato do RN: enquanto muitos morrem, políticos atacam em busca de um mandato em 2022 [2] Comentários | Deixe seu comentário.

Se a queda de braço entre os comitês científicos da Prefeitura de Natal e do Governo do RN já estava feia, essa guerra travada pelos bolsonaristas contra o governo do Rio Grande do Norte está mais feia ainda.

Nas redes sociais, falsos patriotas que já comeram no tacho de socialistas e petistas, cobram da governadora Fátima Bezerra que ela se posicione como se o presidente Jair Bolsonaro tivesse depositando dinheiro da conta pessoal dele para a conta pessoal dela, dando milhões ou bilhões de presente à pessoa da governadora.

Os repasses constitucionais da União são para o Estado do Rio Grande do Norte, mas os bolsonaristas falam como se o presidente estivesse dando dinheiro a Fátima.

O que se vê são ataques partidos de pessoas cada vez mais encalacrados com a justiça, contra a governadora potiguar que, até que se prove o contrário, não foi denunciada, investigada, não virou ré nem recebeu a visita da Polícia Federal em casa, e exatamente por isso, tem conseguido tomar decisões em conjunto com o Ministério Público, Tribunal de Justiça, Tribunal de Contas…

É isso o que mais tem incomodado o bolsonarismo.

É isso o que tem incomodado quem nega vacina, nega a doença, nega o uso de máscara, mas luta desesperado por um mandato em 2022.

A guerra contra Fátima tem o sentido único de desqualificá-la como gestora, já que na disputa judicial ela parece ser a a única entre os que brigam, que não responde a processos por improbidade, desvio de dinheiro ou caixa 2.

Não há como negar que no Rio Grande do Norte há, sim, trabalho para acolher e tratar doentes de covid.

Prefeito de Natal, Álvaro Dias mantém há quase um ano um hospital de campanha, até bem pouco tempo com 20 e agora com 40 leitos.

Também tornou exclusivas para atendimento de covid, unidades de saúde do município como o Hospital dos Pescadores, e abriu unidades com atendimento de pacientes com sintomas mais leves…

A governadora contabiliza as ações estaduais como a abertura de mais de 600 leitos em todo o estado, mantendo leitos de UTIs nos hospitais regionais e em unidades privadas.

Em Natal reforçou o atendimento com abertura de mais leitos no Hospital Giselda Trigueiro, Hospital da PM e Hospital João Machado, com vagas suficientes para ser tratado como um hospital de campanha.

Tudo o que a população do Rio Grande do Norte NÃO precisa, nesse momento em que pessoas se infectam mais, adoecem mais, se internam mais e morrem mais, é desse pensamento doentio de quem olha o tempo todo para o próprio umbigo, com um olhar pequeno, medíocre, egoísta, interesseiros e com um rastro sem tamanho de muita sujeira.

A hora é de poder público se unir, e do povo orar.

A eleição é só no próximo ano, lembrando que o modelo antigo de fazer política tirou muita gente do páreo em 2018.

27 de março de 2021 às 11:29

Profissionais de saúde que não estão na linha de frente na pandemia dizem que se vacinam porque nos drive thrus a checagem não é rígida [0] Comentários | Deixe seu comentário.

O Ministério Público e a Defensoria Pública estão questionando casos de vacinação em profissionais e trabalhadores da saúde.

As instituições pedem que além da comprovação de vínculo profissional, sejam apresentados documentos que atestem o efetivo exercício de atividade em serviços de assistência à saúde e que provem que os profissionais estejem em exposição ao risco de contaminação pelo coronavírus.

Porque é grande o número de profissionais de categorias que estão nos grupos de prioridades, DESDE QUE NA LINHA DE FRENTE, que está se vacinando sem estar na linha de frente.

Nos grupos de whats app, os profissionais comentam que conseguem se vacinar porque os técnicos que recebem a documentação nos drive thrus não checam direito e deixam passar.

Uma manobra que tem dado certo.

27 de março de 2021 às 11:06

Fátima diz que novo ministro da Saúde tem seu voto de confiança [1] Comentários | Deixe seu comentário.

A governadora Fátima Bezerra parece ter gostado, pelo menos no primeiro contato, do novo ministro da Saúde, Marcelo Queiroga.

O fato dele defender a saúde com a obrigação de medidas sanitárias como o uso da máscara, animou os governadores que participaram de reunião remota com o novo auxiliar do governo Jair Bolsonaro.

A governadora também reiterou a Marcelo Queiroga, um pedido que já fez ao presidente Bolsonaro e também ao ex-ministro Eduardo Pazuello: inserir os educadores no grupo de prioridades na intenção de retomar as aulas presenciais em todo o Brasil.

27 de março de 2021 às 10:31

Sesap começa a distribuição de vacinas indicadas para conclusão de quilombolas e faixa de 70/74 e início da faixa 65/69 [0] Comentários | Deixe seu comentário.

O governo do Rio Grande do Norte recebeu na tarde desta sexta-feira (25) mais um carregamento de vacinas contra a Covid-19.

A carga entregue à Secretaria de Estado da Saúde Pública (Sesap) já começou a ser distribuída aos municípios na manhã deste sábado (27).

Chegaram 66,1 mil doses sendo 48,2 mil da CoronaVac e 17,9 mil da Oxford AstraZeneca.

Serão entregues aos municípios 62.820 doses, sendo 45.790 da CoronaVac e 17.030 da Oxford AstraZeneca.

O restante das vacinas irá para a reserva técnica como indica o Ministério da Saúde.

A orientação da Sesap é de que as vacinas atendam à população quilombola, encerrem a imunização da população entre 70 e 74 anos e inicie o processo de vacinação dos idosos entre 65 e 69 anos.

A distribuição das vacinas segue a nova diretriz do Ministério da Saúde para a utilização do total das doses entregues.

Com esse novo quantitativo, o RN passa a contar com 536.640 doses do imunizante contra a Covid-19. Segundo o RN+ Vacina mais de 221 mil pessoas já receberam pelo menos a primeira dose, representando 84% de cobertura do público-alvo da primeira fase, e outros 24% (63,8 mil pessoas) receberam a segunda dose. A estimativa é de que pelo menos 90% desse grupo seja alcançado pelo plano de imunização.

A Sesap já entregou aos municípios 444.027 doses de vacinas, sendo 360.894 da CoronaVac e 82.810 da AstraZeneca, além de mais 323 para reposiçãoe por perdas técnicas.