Thaisa Galvão

30 de março de 2021 às 23:52

Governadora Fátima destaca decisão do Ministério da Saúde para vacinar agentes da segurança e reforça pedido pelos profissionais da Educação [1] Comentários | Deixe seu comentário.

Da governadora Fátima Bezerra sobre a inclusão dos profissionais de segurança na primeira fase de prioridades para tomar vacina contra covid:

No Rio Grande do Norte, centenas de agentes das forças estaduais da segurança pública já testaram positivo para o coronavírus, e 15 perderam a vida para a covid.

Nesta terça-feira o Ministério da Saúde acatou a resolução proposta pela Comissão Intergestores Tripartite (CIT), composta recentemente pelo órgão federal, em conjunto com o Conselho Nacional de Secretários de Saúde e Conselho Nacional de Secretarias Municipais de Saúde, para gerir a crise sanitária causada pelo coronavírus.

Os governadores apresentaram o pleito ao novo ministro, Marcelo Queiroga, em reunião virtual na sexta-feira (26).

O pedido foi reforçado nesta terça pelo Consórcio Nordeste, em carta endereçada ao presidente da República Jair Bolsonaro.

Além dos 15 agentes de segurança na ativa que foram mortos, outros 30 aposentados ou da reserva também perderam a luta contra o coronavírus.

A decisão do Ministério será oficializada nesta quarta-feira (31) e incluirá também os profissionais de salvamento, que fazem o transporte de pacientes com Covid-19, dão suporte às ações de vacinação e atuam na vigilância e no monitoramento das medidas de distanciamento social.

30 de março de 2021 às 18:49

Governadora discute com representante de escolas privadas do RN sobre retomada de aulas presenciy [0] Comentários | Deixe seu comentário.

E as escolas privadas? Vão abrir para o ensino presencial ou vão continuar com o ensino remoto e híbrido?

A governadora Fátima Bezerra dialogou nesta terça-feira com representantes do setor privado de ensino para tratar sobre as medidas restritivas adotadas para combater o avanço da pandemia e a possibilidade de retomada das aulas.

O decreto que determinou o fechamento das escolas tem validade até 2 de abril.

Fátima recebeu sugestões do segmento e apresentou o cenário atual da pandemia, ainda com elevadas taxas de ocupação de leitos críticos, apesar da expansão de UTIs promovida pelo Governo. “Nosso dever é escutar a sociedade civil. O Pacto em Defesa da Vida não é um slogan, é um exercício da nossa gestão. E significa isso que estamos fazendo, diálogo permanente com todos os poderes, sociedade civil, setor produtivo, empresarial, no caso aqui as escolas privadas”, disse Fátima, avisando que tudo será considerado para a tomada de novas decisões.

“A nossa proposta seria de trabalhar o modo híbrido, com 50% dos alunos, o que diminuiria 50% a circulação. Não vou dizer que na escola não tem Covid, mas o risco é menor, porque temos acompanhamento de protocolo”, disse o presidente do Sindicato das Escolas Particulares de Natal, Alexandre Marinho.

Fátima salientou que entende que a suspensão das aulas gera impacto financeiro para os donos de estabelecimentos escolares e para o emprego de centenas de pessoas e que as decisões consideram esse aspecto junto à crise sanitária.

“Eu não faço essa dicotomia entre vida, emprego e economia. Sem vida não vai ter economia e emprego. Respeito os que pensam diferente, mas não consigo enxergar essa divergência”, ponderou a governadora.

A governadora lembrou ainda que parte dos estudantes de escolas públicas estão sem qualquer atividade há mais de um ano por não terem acesso à internet e que é urgente ampliar a vacinação para a retomada das aulas em todas as escolas.

“O país vai muito mal no enfrentamento à pandemia. Nós da Educação entendemos a importância da ciência. Demos o azar de ter a maior autoridade do país desprezando a ciência, desdenhando do uso da máscara, incentivando aglomeração, e não dando atenção ao Plano Nacional de Imunização”, destacou.

30 de março de 2021 às 18:31

Servidores públicos com salários nas contas [0] Comentários | Deixe seu comentário.

Hoje foi dia de dinheiro na conta para servidores públicos do Governo do RN e da Prefeitura de Natal.

Anúncios feitos nas redes sociais pela governadora Fátima Bezerra e pelo prefeito Álvaro Diasz

30 de março de 2021 às 18:21

Presidente da Assembleia Ezequiel Ferreira enaltece posse do potiguar Edilson Nobre como presidente do TRF-5 [0] Comentários | Deixe seu comentário.

Do presidente da Assembleia Legislativa, deputado Ezequiel Ferreira, na sessão desta terça-feira, enaltecendo a posse do magistrado potiguar Edilson Pereira Nobre Júnior como presidente do Tribunal Regional Federal da 5ª Região, com sede em Recife.

“É uma honra ter o nosso natalense Edilson Pereira Nobre Júnior na direção da Corte. Potiguar dos bons, Edílson nos orgulha com seu trabalho e trajetória pessoal”.

“Edilson é uma lenda no Rio Grande do Norte, na Justiça Federal, também. O conhecimento é enciclopédico. A produção intelectual de Edilson, jurídica ou não, é impressionante. Seus processos possuem a muito difícil característica de serem céleres e substanciosos”.

“A Casa Legislativa do RN, em nome dos 24 deputados, deseja pleno êxito aos futuros gestores do TRF5”, finalizou Ezequiel.

A nova Mesa Diretora do TRF5 para o biênio 2021-2023 é formada ainda pelos desembargadores federais Alexandre Luna, vice-presidente, e Élio Siqueira, corregedor-regional.

Foto João Gilberto/ALRN

30 de março de 2021 às 13:09

Alegando uso político das Forças Armadas pelo governo Bolsonaro, comandantes do Exército, Marinha e Aeronáutica entregam os cargos [0] Comentários | Deixe seu comentário.

Como previsto desde ontem…

Do Antagonista:

Os comandantes do Exército, da Marinha e da Aeronáutica decidiram entregar seus cargos. A decisão irrevogável foi tomada em reunião há pouco com o novo ministro da Defesa, Walter Braga Netto.

Edson Leal Pujol (Exército), Ilques Barbosa (Marinha) e Antônio Carlos Bermudez (Aeronáutica) decidiram sair juntos, numa decisão inédita.

Como O Antagonista revelou ontem, Pujol convocou uma reunião do Alto Comando logo depois do anúncio da saída de Fernando Azevedo e Silva. Na conversa, os generais avaliaram que sua permanência não era mais possível, diante das manifestações públicas de Bolsonaro.

Pujol comunicou sua decisão aos demais comandantes, que resolveram manter a unidade de ação que caracterizou a gestão de Azevedo e Silva com as demais Forças.

Na reunião há pouco, Braga Netto ofereceu a Pujol a possibilidade de indicar um substituto e tentou dissuadir Barbosa e Bermudez, mas não foi possível. Todos demonstraram descontentamento com a mudança no Ministério da Defesa e deixaram isso claro ao novo ministro.

Braga Netto alegou que não haverá mais interferência do presidente, mas ninguém se convenceu. O clima ficou tenso, com críticas explícitas ao uso político das Forças Armadas.

30 de março de 2021 às 12:11

Prefeitura de Mossoró comunica à Polícia o desaparecimento de 20 doses de CoronaVac da UBS de Belo Horizonte [0] Comentários | Deixe seu comentário.

Os ladrões de vacina de Natal fizeram escola…

A Prefeitura de Mossoró emitiu nota informando sobre desaparecimento de 20 doses da CoronaVac da UBS do Belo Horizonte.

Nota à imprensa

A Prefeitura de Mossoró comunicou à Polícia Civil, na manhã desta terça-feira (30), o desaparecimento de dois frascos da vacina Coronavac, cada um contendo 10 doses do imunizante, da Unidade Básica de Saúde (UBS) Caic, localizada na Rua José Major Romão, nº 5, bairro Belo Horizonte.

As vacinas foram entregues ontem (29) à UBS, que não apresenta sinais de arrombamento.

Paralelo ao inquérito policial, a Secretaria Municipal de Saúde determinou abertura de sindicância administrativa para apurar o caso.

É de total interesse da gestão municipal a elucidação do fato, o qual considera crime contra a saúde pública de Mossoró.

Prefeitura Municipal de Mossoró
Terça-feira, 30 de março de 2021

30 de março de 2021 às 11:46

Estudante do CEI Romualdo é um dos 28 de todo o Brasil com nota Mil na redação [0] Comentários | Deixe seu comentário.

Entre as 28 notas MIL na Redação do Enem 2020, uma é de um aluno do Colégio CEI Romuado, em Natal.

O estudante Aécio Pinheiro Fernandes fechou a prova.

No Enem 2019 foram 53 redações com notas máximas em todo Brasil.

Na edição atual, a queda foi de quase metade.

30 de março de 2021 às 11:20

Com levantamentos de dados divulgados em 3 boletins, Tribunal de Contas avaliza uso de recursos da União pelo governo do RN em ações de combate à pandemia [0] Comentários | Deixe seu comentário.

Para quem – assim como os ministros potiguares- questiona os repasses constitucionais da União para o governo do Rio Grande do Norte…

O boletim isento do Tribunal de Contas do Estado do Rio Grande do Norte, presidido pelo conselheiro Paulo Roberto Alves (irmão do ex-senador Garibaldi Alves Filho), revela que está tudo kits entre governo do Estado e governo federal.

Confira o que foi enviado ao Blog pela assessoria do TCE:

O Tribunal de Contas do Estado (TCE-RN) produziu mais um boletim com a avaliação dos impactos da pandemia do coronavírus nas finanças do Rio Grande do Norte. O Boletim Extraordinário 01/2021, elaborado por Auditores de Controle Externo da Diretoria de Administração Direta – DAD, traz os dados consolidados sobre as transferências federais feitas para o Estado em 2020, com o intuito de enfrentar os efeitos da Covid-19, assim como os dados das despesas realizadas pelo Governo do Estado na área da saúde pública.

Segundo os dados publicados, o Estado recebeu do Governo Federal R$ 1,1 bilhão em transferências extraordinárias em 2020, destinados às ações de saúde, assistência social e compensação financeira em razão da queda na arrecadação. Além disso, o boletim apresenta o panorama das despesas realizadas pelo Governo do Estado relativas a estas áreas.

Do total de recursos disponibilizados ao Estado, a maior parte é de livre alocação, ou seja, podem ser usados livremente pelo Governo. Foram R$ 750,9 milhões. Esse valor é incorporado à Fonte 100, que congrega os recursos ordinários do Estado, incluindo a arrecadação própria, e foi transferido por força da Lei Complementar 173/2020, que estabelece o Programa Federativo de Enfrentamento ao Coronavírus, bem assim, pela Medida Provisória nº. 938/2020, que dispôs sobre o apoio financeiro para compensar a queda no repasse do Fundo de Participação dos Estados (FPE).

O Governo do Estado também recebeu transferência extraordinária de recursos via SUS, na ordem de R$ 172,2 milhões e auxílio financeiro para saúde e assistência social, no valor de R$ 145,2 milhões. Por fim, foram enviados mais de R$ 33 milhões via Lei Aldir Blanc, que prevê auxílio ao setor cultural.

A Lei Complementar 173/2020 também permitiu que o Estado suspendesse, durante os meses de março a dezembro de 2020, o pagamento de dívidas com a União, o que possibilitou o remanejamento de R$ 162 milhões para despesas com ações de enfrentamento da calamidade pública decorrente da pandemia. Os valores investidos na área da saúde ainda contam com transferências legais obrigatórias para o SUS, de caráter ordinário, na ordem de R$ 317 milhões.

Das despesas

O Governo do Estado realizou despesas na ordem de R$ 1,9 bilhão com ações e serviços públicos de saúde, assistência social dentre outras destinadas ao enfrentamento à pandemia e mitigação de seus efeitos. Como foi apurado, a maior parte das despesas foi executada utilizando a Fonte 100 (R$ 1,3 bilhão). A referida fonte de recursos, no caso, contempla além das receitas de arrecadação própria, parte das transferências extraordinárias da União, como o auxílio financeiro do Programa Federativo de Enfrentamento ao Coronavírus (LC 173/2020) e o apoio financeiro em razão da queda no FPE (MP 938/2020).

CLIQUE AQUI PARA CONFERIR A ÍNTEGRA DO BOLETIM

Em SETEMBRO do ano passado, o Tribunal de Contas divulgou boletim com PROJEÇÕES sobre repasses e gastos.

CLIQUE AQUI PARA CONFERIR

E em dezembro, um novo boletim atualizou as projeções anteriores.

CLIQUE AQUI PARA CONFERIR

O boletim de agora consolida o acompamhamento feito pelo TCE desde o início da pandemia.

30 de março de 2021 às 9:31

Ministros potiguares apoiam medidas reacionárias do presidente Bolsonaro? [0] Comentários | Deixe seu comentário.

Pergunta que não quer calar e a quem interessar possa no Rio Grande do Norte:

Essa história do presidente Jair Bolsonaro demitir o ministro da Defesa, Fernando Azevedo e Silva, porque ele não colocou as Forças Armadas à disposição para o Palácio do Planalto decretar Estado de Sítio…e a demissão do advogado Geral da União, José Levi do Amaral Junior, por ter se recusado a assinar a ação de Bolsonaro contra os governadores brasileiros no STF…

Essas medidas reacionárias tem o apoio dos ministros potiguares, Rogério Marinho e Fábio Faria?

Porque pelo que se sabe, os dois são queridinhos do presidente.

Fábio até diz que aconselha politicamente o amigo Jair.

E Rogério representa Bolsonaro na região Nordeste.

Então…

Eles apoiam isso?

Só pra saber mesmo.

Os dois trabalham para viabilizar uma candidatura a senador com apoio do presidente.

Ou da ditadura.

#

Atualizando: os comandantes do Exército, Marinha e Aeronáutica entregaram os cargos alegando interferência política.

Pergunta reforçada: os ministros do Rio Grande do Norte que querem ser senadores….apoiam?

Lembrando que só é queridinho de Bolsonaro quem reza na cartilha dele com todas as letras.

30 de março de 2021 às 4:10

Fátima assina carta em que governadores pedem fim de ataques e de fake news [0] Comentários | Deixe seu comentário.

A potiguar Fátima Bezerra foi uma entre os 16 governadores que assinaram uma carta aberta nesta segunda-feira (29), pedindo “verdade e paz” durante o pior momento da pandemia no país.

Os governadores dizem no documento que agentes políticos “espalham mentiras sobre dinheiro jamais repassado aos Estados, fomentam tentativas de cassação de mandatos e tentam manipular policiais contra a ordem democrática”.


Para os gestores estaduais, estimular motins policiais (como no caso do policial na Bahia), divulgar fake news, agredir governadores e adversários políticos são procedimentos “repugnantes”, que não podem prosperar em um país livre e democrático.


A manifestação dos governadores vem um dia depois de a deputada Bia Kicis (PSL-DF), presidente da Comissão de Constituição e Justiça (CCJ) da Câmara, ter estimulado motim de policiais militares na Bahia.

A publicação no Twitter da deputada foi apagada após horas no ar…

Leia a íntegra do documento:


CARTA DOS GOVERNADORES: QUEREMOS VERDADE E PAZ!
Os governadores manifestam sua indignação em face da crescente onda de agressões e difusão de Fake News que visam a criar instabilidade institucional nos Estados e no País. Vivemos um período de emergência na saúde, e a vida de todos os brasileiros está em grave risco.
Os governadores, juntamente com os servidores públicos e profissionais do setor privado, estão lutando muito para garantir atendimento de saúde e apoio social à população. Enquanto isso, alguns agentes políticos espalham mentiras sobre dinheiro jamais repassado aos estados, fomentam tentativas de cassação de mandatos, tentam manipular policiais contra a ordem democrática, entre outros atos absurdos.
Registramos especialmente o nosso protesto quando são autoridades federais, inclusive do Congresso Nacional, que violam os princípios da lealdade federativa.
Conclamamos o Presidente da República, os Presidentes da Câmara dos Deputados e do Senado Federal, bem como o Presidente do Supremo Tribunal Federal, para que adotem todas as providências de modo a coibir tais atos ilegais e imorais.
Os Estados e todos os agentes públicos precisam de paz para prosseguir com o seu trabalho, salvando vidas e empregos. Estimular motins policiais, divulgar Fake News, agredir Governadores e adversários políticos, são procedimentos repugnantes, que não podem prosperar em um país livre e democrático.
Finalmente, sublinhamos a nossa gratidão a todos os servidores públicos e profissionais que têm atuado incessantemente para vencermos a pandemia. Merecem especial destaque as forças policiais, que têm a nossa solidariedade e apoio em relação a reivindicações justas quanto à vacinação, pleito em análise no âmbito do Ministério da Saúde pela Comissão Intergestores Tripartite – CIT.
Brasília, 29 de março de 2021.”

*

A carta foi assinada pelos governadores Fátima Bezerra RN), Rui Costa (BA), Flavio Dino (MA), Helder Barbalho (PA), Paulo Câmara (PE), João Doria (SP), Ronaldo Caiado (GO), Mauro Mendes (MT), Eduardo Leite (RS), Camilo Santana (CE), João Azevedo (PB), Renato Casagrande (ES), Wellington Dias (PI), Belivaldo Chagas (SE), Reinaldo Azambuja (MS) e Waldez Goés (AP).

30 de março de 2021 às 3:26

Prefeito Álvaro Dias implanta plano de cargos e salários da Guarda Municipal [0] Comentários | Deixe seu comentário.

Depois de 28 anos de espera, a Guarda Municipal de Natal passa a contar com um Plano de Cargos, Carreiras e Salários.

O prefeito Álvaro Dias formalizou o ato que consolida o reconhecimento da atividade em solenidade nesta segunda-feira.

O Plano permitirá à categoria a reorganização da carreira funcional, permitindo mobilidade funcional com progressão salarial ao longo da carreira.

“Sinto muita alegria e honra em implantar este Plano de Cargos, Carreiras e Salários, o que representa o cumprimento de um compromisso que assumimos para fazer justiça para esta categoria tão necessária para a segurança do Município e da população de Natal”, disse o prefeito.

A Lei que institui o Plano de Carreira da Guarda Municipal do Natal (GMN) foi sancionada em março de 2020, mas sua implementação não foi possível à época, devido ao início da pandemia e aos custos que a Prefeitura teve com o enfrentamento à Covid-19.

Agora foi possível implantar o PCCS como uma exceção à Lei Complementar 173/2020, que impede a criação de novas despesas com pessoal até o fim deste ano.

A exceção legal é possibilitada pelo fato da lei municipal ter sido aprovada antes da normatização federal.

“Conseguimos um parecer favorável da Procuradoria Geral do Município e estamos agora implementando esse benefício que faz justiça histórica à categoria”, explicou Álvaro.

A solenidade contou com a presença do presidente, Paulinho Freire.

30 de março de 2021 às 3:15

Colunista do UOL diz que ministro da Defesa caiu porque não concordou com estado de sítio proposto por Bolsonaro [0] Comentários | Deixe seu comentário.

De Ricardo Kotscho, no UOL:

A falta de apoio das Forças Armadas na sua tentativa de decretar o Estado de Sítio foi a principal razão para Bolsonaro demitir sumariamente o ministro da Defesa, Fernando Azevedo e Silva, segundo fontes militares ouvidas pela coluna. Bolsonaro queria que os militares pressionassem o Congresso a aprovar o estado de exceção, que suspende garantias individuais e dá plenos poderes ao presidente.

Há várias semanas o capitão já vinha preparando o terreno para adotar essa medida extrema, ao fracassar no combate à pandemia e anunciar que “o caos vem aí”.

Azevedo e Silva ainda tentou argumentar que as Forças Armadas são instituições de Estado e não de governo, mas o presidente estava decidido a tocar em frente seu plano para dar um autogolpe.

Foi o mesmo motivo da demissão do advogado Geral da União, José Levi do Amaral Junior, que se recusou a assinar a ação de Bolsonaro contra os governadores no STF.

A ação, recusada pelo Supremo, foi entregue na semana passada só com a assinatura do presidente da República.

30 de março de 2021 às 1:58

Bolsonaro troca seis por meia dúzia [0] Comentários | Deixe seu comentário.

O “pega o beco” pregado pelo senador Jean Paul Prates e outros senadores contra o ministro Ernesto Araújo, das Relações Exteriores, provocou um troca troca no governo Bolsonaro nesta segunda-feira 29 com cara de sexta-feira 13 no Palácio do Planalto.

De repente uma reforma ministerial onde o presidente trocou seis por meia dúzia no primeiro escalão do governo.

Confira o xadrez do governo com o quem entra e quem sai:


CASA CIVIL
Entra o general da reserva Luiz Eduardo Ramos, atual ministro da Secretaria de Governo
Sai o general da reserva Braga Netto, transferido para o Ministério da Defesa


JUSTIÇA E SEGURANÇA PÚBLICA
Entra o delegado da Polícia Federal Anderson Torres, atual secretário de Segurança Pública do Distrito Federal
Sai André Mendonça, transferido para a Advocacia-Geral da União (AGU)

DEFESA
Entra o general da reserva Walter Souza Braga Netto, atual chefe da Casa Civil
Sai o general da reserva Fernando Azevedo e Silva

RELAÇÕES EXTERIORES
Entra o embaixador Carlos Alberto Franco França, diplomata de carreira que estava na assessoria especial da Presidência
Sai o embaixador Ernesto Araújo

SECRETARIA DE GOVERNO
Entra a deputada federal Flávia Arruda (PL-DF)
Sai o general da reserva Luiz Eduardo Ramos, transferido para a Casa Civil

ADVOCACIA-GERAL DA UNIÃO
Volta André Mendonça, que já chefiou a AGU no início do governo e está atualmente no Ministério da Justiça
Sai José Levi, procurador da Fazenda Nacional

30 de março de 2021 às 1:43

Revista Premiere de Toinho Silveira tem edição bilíngue [0] Comentários | Deixe seu comentário.

O jornalista Toinho Silveira manda para suas listas de transmissão a segunda edição de sua revista ‘Premiere’, que também terá edição impressa limitada.

Apostando num público de fora do Brasil, a edição é bilíngue (português/inglês).

30 de março de 2021 às 1:00

Prefeitura de Upanema já vacina idosos entre 65 e 69 anos [0] Comentários | Deixe seu comentário.

Com um mutirão de vacinação realizado no final de semana, a Prefeitura de Upanema já imunizou mais de 1.200 idosos, com mais de 500 já com a segunda dose.

O município já está vacinando pessoas na faixa etária entre 65 e 69 anos.

“O mutirão foi idealizado pra gente avançar no trabalho de imunização, principalmente agora com essa nova expectativa de que a União passe a mandar mais vacinas para os municípios, com novas negociações e também com as produções no Brasil. É um momento importantíssimo para Upanema. Só tenho a agradecer aos nossos profissionais pela disponibilidade e pelo bom trabalho realizado”, disse o prefeito Renan.

A campanha de vacinação continuou nesta segunda-feira (29).