Thaisa Galvão

7 de abril de 2021 às 2:43

Um dia depois do Brasil registrar recorde de mais de 4 mil mortes por covid, Bolsonaro participará de aglomeração sem uso de máscara com empresários poderosos de São Paulo [0] Comentários | Deixe seu comentário.

Ministro das Comunicações e pré-candidato a senador no Rio Grande do Norte, Fábio Faria programou uma noite aglomerada nesta quarta-feira, reunindo 20 dos maiores empresários de São Paulo com o presidente Jair Bolsonaro.

Um risco nesse período da pandemia onde a justificativa de já ter contraído o vírus não justifica nada, vez que o coronavírus tem feito aparecer novas variantes.

Um risco e um mau exemplo, um dia depois em que o Brasil registra mais um recorde infeliz: mais de 4 mil mortes em 24 horas.

Qual o motivo do jantar?

Aproximar Bolsonaro do PIB.

Ano que vem tem campanha de reeleição, e a aproximação se dará disfarçada em discussões sobre vacina e reformas.

Uma lista de 14, entre os 20 convidados, que já confirmaram, foi publicada pelo colunista do Globo, Lauro Jardim.

Além dos empresários, os ministros da Economia, Paulo Guedes, e da Infraestrutura, Tarcísio de Freitas, também deverão comparecer.

Ah..

O jantar, onde a máscara não será utilizada, acontecerá na casa do empresário Washington Cinel, dono da companhia de segurança Gocil, e já tem confirmadas as seguintes presenças:

André Esteves (BTG)

Candido Pinheiro (Hapvida)

Luiz Carlos Trabuco (Bradesco)

Carlos Sanchez (EMS)

Alberto Saraiva (Habib’s)

Flavio Rocha (Guararapes)

João Camargo (grupo Alpha de comunicação)

João Carlos Saad (Band)

Alberto Leite (F5 Securities)

Claudio Lottenberg (Hospital Albert Einstein)

Ricardo Faria (Granja Faria)

Tutinha Carvalho (Jovem Pan)

José Roberto Maciel (SBT)

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado.