Thaisa Galvão

20 de abril de 2021 às 18:27

Governadora atende pedido do prefeito de Natal e setor do tranporte público de se livra de impostos [0] Comentários | Deixe seu comentário.

A governadora Fátima Bezerra anunciou nesta terça-feira, aos empresários do setor de transporte público de Natal, a ampliação de até 100% da isenção do ICMS cobrado sobre o óleo diesel.

A intenção é reduzir custos do setor para garantir maior disponibilidade na frota para a população da capital, que anda se aglomerando dentro dos ônibus, que circulam em Natal com frota reduzida.

O setor de transporte não atende determinação da justiça, não respeita o que promete quando tem a autorização para aumentar tarifas, mas…os benefícios chegam a passos largos.

O Governo do Estado já tinha reduzido em 50% o ICMS e a Prefeitura de Natal em 50% o ISS.

Mas aí o Governo Bolsonaro aumentou e aumentou e aumentou o preço do combustível e, segundo os empresários, a isenção de Governo e Prefeitura foram para o espaço.

Como foram para o espaço muitos empregos, muitas empresas, muitas vidas durante a pandemia.

Mas…em Natal…quem pode mais do que Deus? O setor de transporte público.

Que promete melhorar a frota, instalar ar-condicionado nos veículos, melhorar as paradas e até a frota que é sucateada, a cada vez que a Prefeitura autoriza o aumento na tarifa.

Pois com isenção de 50% dos impostos, redução na frota e desobediência às recomendações do Ministério Público e decisões da Justiça, o setor foi mais beneficiado nesta terça-feira.

O Governo, atendendo a uma solicitação do prefeito Álvaro Dias, vai ampliar a benesse.

Caso seja possível, em até 100%.

Zerar o ICMS para ICMS comprado pelas empresas para botar a frota na rua.

Eis o documento encaminhado pelo prefeito Álvaro à governadora Fátima.

Quem pode mais do que Deus em Natal?

O setor de transporte público.

E ponto final.

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado.