#JornalismoSemFakeNews

19 de julho de 2021 às 11:40

Pesquisa seguida de declaração na mídia repete estratégia de Carlos Eduardo Alves para ser candidato a senador

[2] Comentários | Deixe seu comentário.

A quem interessa a publicação de uma pesquisa apontando o ex-prefeito de Natal, Carlos Eduardo Alves na frente para o Senado, e o primo ex-deputado Henrique Alves, na segunda colocação para deputado federal?

Foi assim que uma pesquisa rodou as redes sociais neste domingo, exatamente um dia depois da esposa de Carlos Eduardo, Andréa Ramalho Alves, ter postado um vídeo tentando amealhar pessoas para fazer parte de uma #hashtag contra a governadora Fátima Bezerra.

Carlos Eduardo tem feito assim…

Sempre, com cara de quem não sabe de nada, contrata pesquisas e publica aleatoriamente em blogs do interior.

E as publicações vem sempre seguidas de uma entrevista, uma aparição na mídia.

Estratégia que ele utiliza desde a campanha para prefeito, quando pediu ao marketing do prefeito Álvaro Dias para aparecer na propaganda eleitoral do então candidato, mesmo não dando um prego numa barra de sabão para apoiar Álvaro, que se reelegeu em primeiro turno sem precisar da ajuda de Carlos.

Carlos apareceu na propaganda eleitoral no momento em que amigos dele publicavam uma pesquisa, ainda em 2020, apontando que ele era o melhor nome para o Governo em 2022. Pesquisa feita em Natal e arredores.

Depois, já em 2021, Carlos reapareceu dando entrevistas.

Coincidentemente, no mesmo período em que uma pesquisa dizia que ele seria o senador dos sonhos dos norte-rio-grandenses.

Agora a mesma estratégia, com alteração no personagem da mídia.

A mulher, Andréa, protagonizou as declarações, enquanto a pesquisa apontando Carlos como o melhor senador, publicada no interior, tentava ganhar eco no estado todo.

Faltou marqueteiro para construir uma boa narrativa para o texto de Andréa, publicado na rede social, prontamente desconstruído pelo Ministério Público.

Faltou veículo de peso para divulgar a pesquisa enaltecendo Carlos e Henrique.

Ah…

A pesquisa do instituto Sensus mostrou que, para o Senado, Carlos Eduardo tem 24% das intenções de votos contra 13% de Rogério Marinho, 12% de Garibaldi Filho e 7% de Fábio Faria.

Carlos vinha tentando ser candidato a senador na chapa de reeleição da governadora Fátima Bezerra, chegando até a rasgar elogios à governadora.

Mas o vídeo de Andréa fechou a porta.

2 respostas para “Pesquisa seguida de declaração na mídia repete estratégia de Carlos Eduardo Alves para ser candidato a senador”

  1. Oliveira disse:

    Querida Quem apareceu com essa pesquisa foi Fábio, melhore as fontes

  2. Uma manobra claramente rasteira, mas profundamente ingênua e , como se viu, frustada.

    Querem um vaga no parlamento federal??? Que a conquistem nas urnas, e não no grito nem na malandragem.

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado.