#JornalismoSemFakeNews

24 de agosto de 2021 às 4:28

Fábio Faria não tem sido ouvido pela direita do RN

[2] Comentários | Deixe seu comentário.

Considerado bom articulador dentro do Palácio do Planalto, tanto pelo presidente Jair como pelos filhos Flávio, Carluxo e Eduardo, o ministro Fábio Faria tem gastado as conversas só no plano nacional.

É que no Rio Grande do Norte, onde tem planos de se eleger senador, Fábio não está sendo procurado para conversar. Foi o que ele disse em entrevista na 98FM nesta segunda-feira.

Fábio revelou que não foi ouvido pelo grupo que criou a candidatura do deputado Benes Leocádio ao governo.

Candidatura de direita que não passou por ele, porta-voz do presidente Bolsonaro.

Fábio disse na rádio que soube da candidatura por amigos prefeitos.

Sem ter sido procurado para fazer parte do grupo adversário ao governo Fátima Bezerra, Fábio segue sozinho na intenção de derrotá-la.

Daí ter procurado o ex-prefeito Carlos Eduardo Alves, que em 2018 foi candidato a governador contra o então governador Robinson Faria, seu pai, e que na campanha não economizou nas porradas em Robinson.

Se sentindo isolado, Fábio apagou essa parte do HD e foi atrás de Carlos, que só desagrada Faria ao continuar falando mal de Bolsonaro.

Carlos até teve seu período de recaída quando declarou apoio a Bolsonaro, mas depois virou adversário.

Pois bem…

Fábio procurou Carluxo Eduardo, que por não ter uma posição, segue num direita-esquerda, direita-esquerda, lhe desanimou.

E o ministro segue sem grupo, sem palanque e sem ser ouvido.

Mas pré-candidato a senador.

“Meu ciclo como deputado federal terminou”, disse Faria na entrevista.

2 respostas para “Fábio Faria não tem sido ouvido pela direita do RN”

  1. VICENTE MAURICIO PEIXOTO disse:

    O ciclo desse pária vai acabar ano que vem. Nunca fez nada pela região que ele e seu pai supostamente representa, o agreste, e ainda será o fiador de um crime de lesa-pátria que é dar de graça os correios.

  2. Anônimo disse:

    É verdade, esse sujeito é uma vergonha para o RN!

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado.