#JornalismoSemFakeNews

24 de setembro de 2021 às 23:25

Fábio Faria e Rogério Marinho continuam se estapeando para chegar a lugar nenhum

[0] Comentários | Deixe seu comentário.

Os ministros Fábio Faria e Rogério Marinho continuam se estapeando pelo apoio do rejeitado presidente Bolsonaro no Rio Grande do Norte.

Não dá para entender muito como se briga tanto por um apoio que poderá derrotar, em vez de eleger.

Lembrando que em 2018, no augíssimo de Bolsonaro, ele perdeu feio no Rio Grande do Norte do Norte.

Foi 36% dos votos contra 63% de Fernando Haddad, o candidato do PT que à época representava Lula, preso em Curitiba.

Agora, com Bolsonaro cada vez mais caindo nas pesquisas, e Lula candidato, ter o apoio do presidente pode não ser grande coisa.

Isso no Rio Grande do Norte.

Bolsonaro está capenga, mas nada impede de se recuperar e dar a volta por cima.

Mas isso pode acontecer no resto do Brasil, não no Rio Grande do Norte.

Por isso é difícil compreender essa briga entre os dois ministros pelo apoio do presidente.

Fábio tem usado a mídia nacional contra Rogério, imprimindo digitais, inclusive.

Rogério tem usado a mídia nacional contra Fábio.

Fábio conseguiu agendar o leilão 5G, o que agrada a Bolsonaro e poderá torná-lo mais forte.

Forte com Bolsonaro, o que não significa forte com o eleitor potiguar.

Rogério segue ao lado de Bolsonaro entregando obras pelo Brasil afora.

O que não lhe garante a simpatia do eleitor do Rio Grande do Norte.

Nem mesmo a entrega de tratores a prefeitos garante a simpatia do eleitor.

A briga dos dois chega a ser engraçada.

Resta saber qual deles vai desistir primeiro.

E se algum desistir, duvido que apoie o outro.

Os cacos não se juntam mais.

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado.