Thaisa Galvão

20 de julho de 2018 às 17:24

Monte Alegre: Prefeito aliado de Raniere Barbosa confirma apoio ao projeto de reeleição do governador Robinson Faria [0] Comentários | Deixe seu comentário.

Acompanhado do presidente da Câmara, vereador Raniere Barbosa (Avante), o prefeito de Monte Alegre, Severino Rodrigues (Avante), se reuniu hoje com o governador Robinson Faria e o deputado federal Fábio Faria, do PSD.

Na ocasião, o prefeito confirmou apoio ao projeto de reeleição de Robinson.

Pré-candidato a deputado estadual, Kleber Rodrigues também participou da conversa.

20 de julho de 2018 às 15:29

Território vigiado: Jornalista Allan Darlyson ganha ação na Justiça contra ataques a ele no twitter [0] Comentários | Deixe seu comentário.

O juiz João Henrique Bressan de Souza julgou procedente ação impetrada pelo jornalista Allan Darlyson contra Edmo Sinedino, por postagens no twitter contra o autor da ação.

Veja trechos da sentença que cabe recurso:

Abaixo a jurisprudência, que mostra que a rede social é livre mas até a página 5…

A justiça não considera as redes um território tão livre assim..

20 de julho de 2018 às 11:55

MDB volta a dar as cartas no Ministério da Saúde no RN e Nelter Queiroz indica o cargo [0] Comentários | Deixe seu comentário.

Mudança na Delegacia do Ministério da Saúde no Rio Grande do Norte.

Sai Francisco Júnior do Rêgo, que foi indicado para o cargo pelo deputado Getúlio Rêgo (DEM), com aval do federal Beto Rosado (PP), e entra Luciana Clédina Bezerra Lopes.

A nova representante do Ministério da Saúde no RN é filha do ex-prefeito de Jucurutu, Luciano Lopes, e foi indicada pelo deputado Nelter Queiroz (MDB).

Historicamente o MS no Rio Grande do Norte era comandado pelo PMDB, e somente na gestão que se encerra passou para DEM/PP.

Coincidência ou não, a volta da representação do Ministério ao MDB acontece no exato momento em que o ex-deputado Henrique Alves (MDB) volta a atuar como articulador.

Coincidência…ou não.

O cargo em questão é um DAS 4 com remuneração de R$ 9.600.

*

Atualizando

So coincidência.

O MDB volta sim, a dar as cartas no Ministério da Saúde no RN, vez que o indicador do cargo, deputado Nelter Queiroz é do MDB.

Mas o padrinho-mor, em Brasília, continuou sendo o senador José Agripino Maia, do DEM.

Então o cargo que antes tinha como carimbo DEM/PP, agora tem DEM/MDB.

Quanto ao ex-deputado Henrique Alves, só coincidência.

20 de julho de 2018 às 10:58

Delegado Sérgio Leocádio é o vice do pré-candidato a governador Brenno Queiroga [0] Comentários | Deixe seu comentário.

Definido o vice do pré-candidato a governador Brenno Queiroga.

É o delegado Sérgio Leocádio.

Ele é filiado ao PSC.

20 de julho de 2018 às 9:05

Dono da Coteminas e filho de vice de Lula, Josué Alencar pode ser o vice de Geraldo Alckmin [0] Comentários | Deixe seu comentário.

Pré-candidato a presidente da República, Geraldo Alckmin (PSDB) quer ter como vice o empresário Josué Gomes.

Que já começa a ser chamado de Josué Alencar.

O empresário que comanda a Coteminas, é filho de José Alencar, que foi vice do presidente Lula e morreu em 2011.

Os dois tem um encontro marcado agora no final de semana.

20 de julho de 2018 às 4:09

Deputados Rafael Motta e Ricardo Motta fecham com Carlos Eduardo [0] Comentários | Deixe seu comentário.

Nos bastidores da campanha de Carlos Eduardo Alves (PDT) já é dado como certo.

O PSB dos deputados federal Rafael Motta e estadual Ricardo Motta, e do vice-governador Fábio Dantas, vai se integrar ao projeto.

20 de julho de 2018 às 4:04

#ficaadica: limpe as redes sociais depois de cada campanha [0] Comentários | Deixe seu comentário.

O vídeo postado pelo deputado Kelps Lima (SD), com o ex-prefeito se Natal Carlos Eduardo Alves (PDT) criticando a agora aliada Rosalba Ciarlini (PP), está no facebook da campanha do ex-deputado Henrique Alves (MDB).

E um trechinho foi publicado no instagram de Henrique…onde permanece até hoje.

E #ficaadica para o pós eleição

Terminado o pleito apague as emoções da campanha.

Porque quem fala mal hoje pode precisar muito na próxima eleição.

20 de julho de 2018 às 3:46

Deputado Kelps Lima critica acordos familiares e mostra vídeo com críticas de Carlos Eduardo Alves a Rosalba Ciarlini [0] Comentários | Deixe seu comentário.

Na véspera de registrar sua candidatura e da nominata de seu partido, na convenção marcada para esta sexta-feira, o presidente do Solidariedade, deputado Kelps Lima, fez críticas à chapa do ex-prefeito de Natal, Carlos Eduardo Alves (PDT), que foi fechada com o nome do publicitário Kadu Ciarlini (PP) como vice.

E em seu instagram, publicou trechos de um vídeo em que Carlos atacava Rosalba e a apontava como governadora que atrasava salário

20 de julho de 2018 às 3:24

Solidariedade faz convenção sem registrar candidatura de Capitão Styvenson [0] Comentários | Deixe seu comentário.

O Partido Solidariedade é o primeiro do Rio Grande do Norte a fazer convenção e registrar as candidaturas.

A convenção do SD acontecerá das 10 horas ao meio-dia desta sexta-feira, na sede do partido, no bairro Lagoa Nova, em Natal.

Serão registradas, para homologação da justiça eleitoral, as candidaturas de Brenno Queiroga a governador, Magnólia Figueiredo à senadora, e nominatas de candidatos a deputado federal e a deputados estaduais.

Registrando apenas uma candidatura ao Senado, o SD ainda poderá mexer na chapa caso haja alguma mudança.

O prazo para fechar as informações definitivas é dia 5 de agosto.

Até essa data, o SD pode, inclusive, apresentar mais um nome para o Senado.

O Capitão Styvenson, por exemplo, se decidir pelo Solidariedade, terá esse tempo para integrar a lista encaminhada pelo SD à justiça eleitoral.

20 de julho de 2018 às 3:00

Capitão Styvenson reafirma pré-candidatura ao Senado mas ainda não definiu partido: “Ainda falta essa peça pra encaixar” [0] Comentários | Deixe seu comentário.

O Capitão Styvenson está decidido a disputar uma vaga no Senado.

Nesta quinta-feira ele foi a Caicó, onde concedeu entrevistas, e cumpre agenda esses dias, também para entrevistas, em Assu e Currais Novos , podendo estender a viagem a Apodi e Mossoró.

“Vou onde me chamarem”, disse Styvenson ao Blog já no começo da madrugada.

O Capitão da PM que surgiu em pesquisa com mais de 10%, tem repetido nas entrevistas que é pré-candidato a senador, mas que ainda não definiu por qual partido.

“A última peça do quebra-cabeça é o partido. Ainda falta essa peça pra encaixar”, disse Styvenson ao Blog, confirmando uma conversa recente com o Partido Novo.

“Apenas ouvi o presidente do partido. Ainda não decidi sobre partido”, reafirmou o pré-candidato. “Apenas conversamos como todos os outros e os que ainda falta conversar”.

Contrariando o que tem sido divulgado, Styvenson disse que não conversou com o PSD do governador Robinson Faria e que sequer foi procurado pelo partido.

Sobre o Solidariedade, com o qual tem conversado, e que já faz convenção na manhã desta sexta-feira, Styvenson disse que o fato de não ter uma resposta ainda sobre partido, não significa ter descartado a legenda.

Ele disse que se decidir até o dia 5 pelo SD comandado pelo deputado Kelps Lima, e ainda for recebido, é para lá que ele vai.

“Se não quiserem mais, é vida que segue”, disse o Capitão, reafirmando que só tomará decisão quando tiver certeza do que será melhor.

E ele disse que conversou sobre o assunto com o deputado Kelps.

20 de julho de 2018 às 0:39

Vídeos: Veja a desastrosa entrevista do Doutor Bumbum depois de ser preso e as explicações que postou antes de ser encontrado pela polícia [0] Comentários | Deixe seu comentário.

Já estava anoitecendo quando o médico – agora com registro profissional cassado – Dênis Furtado, o Doutor Bumbum, resolveu conceder entrevista coletiva.

Ele estava na delegacia para onde foi levado à tarde com a mãe, a médica – também com registro cassado – Maria de Fátima Furtado.

mãe e filho estavam foragidos há 4 dias, desde que a bancária Lilian Calixto morreu, pouco tempo depois de ter se submetido a uma bioplastia no apartamento do Doutor Bumbum, no Rio de Janeiro.

Os dois foram encontrados por policiais em um centro empresarial na Barra da Tijuca, no escritório de um advogado com quem ela negociava a rendição.

Na entrevista, o Doutor Bumbum parecia totalmente desconectado com o ocorrido, se detendo a se posicionar como um bom comunicador, fazendo, inclusive, gracinhas ao se referir a um repórter que tinha seu nome como “meu xará”, e a fazer elogios ao apresentador Sílvio Santos.

Quando um repórter se identificou como profissional do SBT ele reagiu: “Beleza. Adoro o Sílvio Santos”.

Veja trechos da desastrosa entrevista do Doutor Bumbum:

Porém, antes de ser preso, Dênis Furtado gravou vídeos e postou no seu instagram.

Veja como ele tentou se explicar:

Dr. Bumbum e a mãe dele devem ser levados para um presídio nesta sexta-feira.

19 de julho de 2018 às 21:24

Caso chapa de Carlos Eduardo seja eleita, Kadu terá superado a ‘maldição dos vices’ que já atingiu os pais Carlos Augusto e Rosalba [0] Comentários | Deixe seu comentário.

O publicitário Kadu Ciarlini (PP) indicado vice na chapa do ex-prefeito de Natal, Carlos Eduardo Alves (PDT), terá que superar a chamada “maldição dos vices de Mossoró” e provar que nos dias atuais as coisas não são mais assim.

Assim como?

Como aconteceu dos anos 50 para cá, onde todas as chapas em eleições para governo, com vices de Mossoró, perderam a eleição.

Pai e mãe de Kadu, Carlos Augusto Rosado e a prefeita Rosalba Ciarlini já experimentaram a tal “maldição”.

A maldição, pelo visto, atinge só vices.

Mossoró já elegeu governadores: Dix-Sept Rosado (1951) e Rosalba Ciarlini (2011).

Wilma de Faria, governadora duas vezes, nasceu em Mossoró.

José Agripino, também nascido em Mossoró, foi governador por dois mandatos.

As derrotas sucessivas de chapas com vices de Mossoró foram lembradas pelo Blog em novembro do ano passado, quando o nome de Carlos Eduardo Ciarlini começou a ser cogitado para vice de Carlos Eduardo Alves.

Veja o print da nota publicada:

E abaixo o resumo da nota:

-Nos anos 50, Duarte Filho foi vice na chapa do candidato a governador Manoel Varela…que perdeu a eleição.

-Nos anos 60, com o mossoroense Vingt Rosado como vice, o governadorável Djalma Marinho não foi eleito.

-Nos anos 80, Antônio Florêncio, de Pau dos Ferros, mas com base em Mossoró, foi vice na chapa puxada por João Faustino, que também não ganhou a eleição.

-Nos anos 90, Rosalba foi vice de Lavoiser e a chapa perdeu.

-O último vice indicado por Mossoró a perder eleição majoritária no Rio Grande do Norte, na realidade foram dois, em 2002: na mesma eleição, Laíre Rosado foi vice do então governador Fernando Freire, e Carlos Augusto Rosado foi vice de Fernando Bezerra, e as duas chapas perderam no pleito que elegeu Wilma de Faria pela primeira vez.

19 de julho de 2018 às 20:08

Anúncio do vice foi feito sem a presença do vice [0] Comentários | Deixe seu comentário.

Na reunião de ontem do PP com a chapa do governadorável Carlos Eduardo Alves (PDT), na casa do prefeito de Natal Álvaro Dias (MDB), ficou definido que o vice indicado pela prefeita de Mossoró seria o deputado federal Beto Rosado (PP).

O dia amanheceu de cara nova e o PP teve que rever a indicação do vice de Carlos Eduardo…

E o nome acabou sendo outro.

E em vez de Beto, a indicação voltou ao nome inicial, Kadu Ciarlini., que estava em Mossoró.

Resultado: o anúncio do vice foi feito….sem o vice.

Falaram por ele, reforçando a tese do pré-candidato a governador, de que “vice é vice”.

Tipo…é vice.

19 de julho de 2018 às 17:00

Chapa terá Carlos Eduardo de Natal e Carlos Eduardo de Mossoró [0] Comentários | Deixe seu comentário.

Sai a primeira chapa completa para o Governo.

Com pré-candidatos de nomes iguais.

Carlos Eduardo Nunes Alves e Carlos Eduardo Ciarlini Rosado (Kadu).

Será o Carlos Eduardo da Prefeitura de Natal com o Carlos Eduardo da Prefeitura de Mossoró.

19 de julho de 2018 às 16:09

Rosalba fecha com Carlos Eduardo e o vice será Kadu Ciarlini [0] Comentários | Deixe seu comentário.

Foi no apartamento da prefeita de Mossoró, Rosalba Ciarlini (PP), em Natal, que o PP fechou o apoio à candidatura do ex-prefeito de Natal, Carlos Eduardo Alves (PDT).

E o vice de Carlos, pré-candidato a governador, será o filho de Rosalba e Carlos Augusto Rosado, Kadu Ciarlini.

Exatamente o nome que Carlos Eduardo queria.

19 de julho de 2018 às 14:49

Andrea Ramalho e Antônio Jácome foram os primeiros a deixar a reunião [0] Comentários | Deixe seu comentário.

Na reunião que durou três horas e não contou com a presença dos personagens principais, (grupo do PP), o primeiro a deixar a sede do partido foi o deputado federal e pré-candidato a senador, Antônio Jácome (Podemos).

Antes, quem saiu da reunião, antes das 11 horas, foi a secretária das Mulheres da Prefeitura de Natal, Andrea Ramalho, mulher do pré-candidato a governador, Carlos Eduardo Alves.

Jácome saiu pouco antes de todo mundo se levantar e ir embora.

19 de julho de 2018 às 14:40

Sem consenso, PP mossoroense muda o tom da reunião que seria decisiva hoje em Natal [0] Comentários | Deixe seu comentário.

O senador José Agripino Maia (DEM) disse ao Blog, depois da reunião na sede do PDT, que a aliança com o PP da prefeita de Mossoró, Rosalba Ciarlini, ‘avançou muito’.

Pelo que o Blog apurou, o avanço foi constatado na reunião de ontem quando o nome do deputado federal, Beto Rosado, ficou praticamente definido para ser o vice do governadorável Carlos Eduardo Alves (PDT).

O prefeito de Natal, Álvaro Dias (MDB), disse ao Blog que a aliança estava praticamente concluída

Tudo verde no cenário do prefeito da capital.

Já a nota do PDT foi mais pé atrás e revelou a falta de um consenso no grupo de Mossoró.

E a falta de consenso é exatamente o que o Blog publicou:

O deputado federal Beto Rosado tem o nome para vice de Carlos Eduardo, mas ele quer continuar deputado.

O presidente do PP é o pai dele, Betinho Rosado, que não quer a deputada tucana Larissa Rosado na chapa, contra a vontade de Carlos Augusto Rosado, marido de Rosalba.

Deu pra entender?

Claro que não, né?

Mas essas são as questões internas a serem definidas e que travaram a reunião de hoje na sede do PDT, em Natal.

O grupo do governadorável Carlos Eduardo Alves jurava de pés juntinhos que tudo seria definido e anunciado hoje.

19 de julho de 2018 às 14:25

Vídeo: Para Agripino, aliança com o PP avançou muito [0] Comentários | Deixe seu comentário.

O senador José Agripino Maia (DEM), que participou da reunião sem a presença do PP na sede do PDT, disse que a reunião de ontem avançou muito.

Mas se recusou a falar em vice.

Ontem à noite a chapa de Carlos Eduardo Alves conversou com o PP e ficou quase definido que o vice seria o deputado federal Beto Rosado.

19 de julho de 2018 às 14:01

Prefeito Álvaro Dias diz que aliança com PP de Rosalba está quase fechada e que reuniões foram positivas [0] Comentários | Deixe seu comentário.

Terminada a reunião na sede do PDT, o prefeito de Natal, Álvaro Dias (MDB), justificou a ausência do PP mas afirmou que o acerto com o partido da prefeita de Mossoró, Rosalba Ciarlini, está “praticamente conclusivo”.

19 de julho de 2018 às 13:25

Apoio à deputada Larissa e preferência do federal Beto Rosado travaram a reunião na sede do PDT [0] Comentários | Deixe seu comentário.

Três horas depois de iniciada, a reunião na sede do PDT terminou sem a presença da prefeita de Mossoró, Rosalba Ciarlini (PP), e do provável vice do governadorável Carlos Eduardo Alves, deputado Beto Rosado, que seriam os personagens principais.

Em uma sala fechada, o que se dizia era que a Rosa estava tratando de questões internas de Mossoró.

Numa sala fechada, Carlos Eduardo, o prefeito de Natal Álvaro Dias, os senadores Garibaldi Filho e José Agripino, e os federais Walter Alves e Felipe Maia, tentavam desatar o nó de Mossoró.

Nó que deixa rachado o PP.

E o nome do nó é Larissa Rosado (PSDB).

O presidente do PP, Betinho Rosado, não quer que o partido apoie a reeleição da deputada estadual.

Já o primeiro-damo de Mossoró, Carlos Augusto Rosado, quer Larissa no palanque.

Mas o nó chamado Larissa pode ter, na realidade, outro nome: Beto.

O deputado federal vinha conversando, como o Blog publicou várias vezes, com o PSD do governador Robinson Faria, que garantiria a ele uma coligação que o deixaria mais confortável para disputar a reeleição.

Porque entre ser deputado de novo e ser vice de Carlos Eduardo, Beto prefere a primeira opção.

E é bom lembrar que o presidente do PP é Betinho, o pai de Beto.