Thaisa Galvão

12 de setembro de 2007 às 19:14

TRF anula decisão de juiz que inocentou governadora [0] Comentários | Deixe seu comentário.

O Tribunal Regional Federal da 5ª Região, em Recife, anulou a decisão do juiz Edílson Nobre, que havia determinado a exclusão da governadora Wilma de Faria da ação de improbidade administrativa movida pelo Ministério Público Federal no dia 1º de agosto.

Com isso, Wilma volta a figurar como ré na ação que a responsabiliza, com outras 22 pessoas, por possível superfaturamento nas obras da ponte Forte/Redinha.

De acordo com a sentença, a partir de agora, tanto a governadora como as construtoras e seus respectivos sócios, serão notificados para a apresentação de defesa preliminar.

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

*