Thaisa Galvão

19 de janeiro de 2012 às 19:09

Ex-governadora Wilma de Faria presta depoimento na Polícia Federal [1] Comentários | Deixe seu comentário.

Deu na Tribuna do Norte

A Polícia Federal está investigando supostas ações irregulares na Agência de Fomento do Rio Grande do Norte, referentes ao período de 2005 e 2006, durante a gestão da ex-governadora Wilma de Faria. Há suspeitas de que ocorreu, durante o período, venda irregular de letras do tesouro do estado. A Polícia Federal do Rio Grande do Norte está colhendo depoimentos desde segunda-feira (16) e, nesta quinta-feira (19), a ex-governadora foi ouvida.

Na sede da Polícia Federal na condição de testemunha, Wilma de Faria prestou depoimento por menos de uma hora. De acordo com a Polícia Federal, ela foi questionada sobre uma carta precatória que foi encaminhada pela superintendência de Brasília. Na saída da sede da PF, Wilma de Faria saiu sem dar declarações sobre a investigação.

Além de Wilma de Faria, outros ex-auxiliares do Governo também foram ouvidos pela polícia, entre eles o ex-secretário de Planejamento e do Gabinete Civil, Vágner Araújo.

Informações extra-oficiais dão conta de que teria ocorrido a venda de letras do tesouro sem a consulta aos membros do diretoria, o que seria ilegal.

Ex-governadora Wilma de Faria foi ouvida pela Polícia Federal na tarde desta quinta-feira- Foto: Aldair Dantas

 

Em seu twitter a ex-governadora começa a ser questionada. Mas ela preferiu não comentar o fato. Escreveu apenas:

@wilmadefaria : Estamos no agreste seguindo p Nova Cruz p a festa de São Sebastião, onde nos espera o ex pref @cidarruda

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

*