Thaisa Galvão

31 de dezembro de 2012 às 0:32

Prefeito de Canguaretama diz que não pagou funcionalismo porque juíza ‘sequestrou’ dinheiro da folha [0] Comentários | Deixe seu comentário.

O prefeito de Canguaretama,  Wellinson Ribeiro, explica que não pôde pagar os salários de dezembro e o décimo-terceiro salário do funcionalismo por causa de bloqueio judicial trabalhista gerado nas gestões anteriores.

Por causa da obrigação de pagar dívidas contraídas por outras gestões, 8 repasses do Fundo de Participação do Município foram zero.

A Justiça bloqueou mais de 2 milhões da conta da folha de pagamento.

Wellinson diz que “a juíza da Junta do Trabalho de Goianinha sequestrou todo o valor”, o que fez com que ele não pagasse a filha.

O prefeito considerou o bloqueio “um verdadeiro absurdo”, justificando que a conta da folha de pagamento é destinada exclusivamente a paramento dos funcionários, e “jamais poderia ser bloqueada”.

*

O que o prefeito não explicou, via assessoria, foi porque não foi localizado pela justiça local.

 

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

*