Thaisa Galvão

7 de fevereiro de 2013 às 9:31

Gastos de viagem de auxiliares do governo a Portugal, Itália e Espanha durante o carnaval poderiam ter sido evitados [1] Comentários | Deixe seu comentário.

Os titulares da Secretaria de Desenvolvimento Econômico do Estado, Rogério Marinho e Sílvio Torquato, vão passar o carnaval em Portugal, Itália e Espanha.

Tudo pago pelo governo, já que levam na bagagem, propostas de investimentos para apresentar.

 

Na Itália, onde o carnaval de Veneza é um dos mais lindos do mundo, e não há o menor risco do Corpo de Bombeiros impedir a saída de um trio elétrico, os dois vão visitar as empresas de energia solar que já assinaram protocolo de intenções com o governo do Estado e a Prefeitura de Arez.

 

Na Espanha, vão visitar o distrito industrial de Saragoza, pra ver se um dia, quando sobrar dinheiro, o governo do Rio Grande do Norte pode fazer um igual.

 

E em Portugal, primeira parada…

Bom…essa aí poderia ter ficado de fora do roteiro do feriadão.

Lá, a visita agendada é ao presidente da TAP, Fernando Pinto e Rosa.

Os dois vão apresentar as vantagens competitivas de fazer do Rio Grande do Norte, a partir do novo aeroporto de São Gonçalo, a porta de entrada da TAP para os países do Mercosul.

Tá…e por que esse roteiro poderia ter sido dispensado, barateando a viagem de carnaval dos secretários?

Porque há exatos 4 dias, o presidente da TAP Fernando Pinto, estava em Natal.

Na praia de Búzios, foi recebido pelo representante da empresa aérea no Estado, Abdon Gosson.

Num domingo onde um dos convidados era o secretário Rogério.

Que já foi para Búzios sabendo que o presidente da TAP estava lá.

Abdon Gosson com o presidente da TAP. Em Búzios, RN, domingo passado

 

 

 

 

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

*