Thaisa Galvão

20 de junho de 2014 às 23:50

Governo nomeia 183 concursados para a Saúde [0] Comentários | Deixe seu comentário.

A governadora Rosalba Ciarlini nomeou, em caráter efetivo, 183 classificados em concurso público para o quadro geral de pessoal da Secretaria de Saúde Pública (Sesap).

As nomeações, já no Diário Oficial, serão encaminhados para as regiões Metropolitana, Potengi, Seridó e Oeste, além do município de Assu.

Entre os nomeados estão 61 médicos/clínicos gerais, 21 enfermeiros, 75 técnicos de enfermagem, 10 farmacêuticos-bioquímico, 5 farmacêuticos, 8 técnicos de hemoterapia, 1 necrotomista, 1 técnico de radiologia e 1 técnico em análises clínicas.

20 de junho de 2014 às 22:10

Dentro da mesma coligação, Adenúbio Melo e Jacó Jácome travam briga silenciosa pelos votos dos evangélicos [2] Comentários | Deixe seu comentário.

De mais um deputado avaliando a crise que tomou conta das bases de apoio à pré-candidatura do deputado Henrique Alves (PMDB) ao Governo:

"O G7, agora chamado de A1, comandado pelo PPS do ex-deputado Wober Júnior, não aceitou o PMN do vereador-candidato Jacó Jácome na coligação. Daí o deputado Antônio Jácome ter forçado a barra e ter conseguido inserir Jacó numa outra coligação onde também está o PSC, do ex-vereador Adenúbio Melo".

Para o deputado, Jácome ainda tentou desarticular o grupo formado por Adenúbio, mas não conseguiu e teve que encaixar Jacó na mesma coligação que agora reúne os dois evangélicos.

E é exatamente o fator 'religião' que tem remexido a coligação.

Com apoio de 8 denominações evangélicas, Adenúbio parece estar forte no segmento, o que não agrada o outro evangélico da coligação.

A briga entre Jacó e Adenúbio é silenciosa, mas existe.

E bate na porta do governadorável Henrique Alves (PMDB).

20 de junho de 2014 às 21:53

Para José Agripino, carta de Robinson a Rosalba ‘é tão falsa quanto uma nota de 3 reais’ [2] Comentários | Deixe seu comentário.

No Contraponto da coluna Painel, na Folha de S. Paulo de hoje.

 

O HOMEM QUE COPIAVA

Apesar de ter atuado para a abertura de um processo de impeachment contra a governadora Rosalba Ciarlini (DEM) na Assembleia do Rio Grande do Norte, o PSD tentou amenizar o clima beligerante. Em nome do partido, o vice de Rosalba, Robinson Faria, enviou uma carta de desagravo à governadora para a convenção que barrou formalmente sua tentativa de disputar a reeleição.

Ao receber o documento assinado por Faria, José Agripino, o presidente nacional do DEM, examinou bem o papel e sentenciou:

-É tão falso como uma nota de R$ 3!

20 de junho de 2014 às 21:15

Projeto ‘Ranking Político’ aponta Felipe Maia como parlamentar número 1 [1] Comentários | Deixe seu comentário.

O site www.políticos.org.br que está divulgando o ranking dos parlamentares brasileiros com melhores avaliações, apontou o deputado potiguar Felipe Maia (DEM) como o número 1.

A página faz uma análise da atuação dos deputados e senadores do país, usando como critérios a presença às sessões; gastos; situação judicial; formação acadêmica e filiação partidária.

Os dados foram coletados de sites oficiais como o da Câmara dos Deputados, por exemplo.

O projeto “Ranking Políticos” surgiu em 2011 com o objetivo de avaliar os políticos do Brasil.

O site é administrado por Alexandre Ostrowiecki e Renato Feder, autores do livro “Carregando o Elefante- como livrar-se das amarras que impedem o Brasil de decolar”, lançado em 2007.

Em 2012, no ranking da revista VEJA, o deputado Felipe Maia foi reconhecido como “Parlamentar Nota 10”.

20 de junho de 2014 às 20:59

Deputados irritados com o PMDB vão pedir a Henrique para tirar Elias Fernandes, pai de deputado, da coordenação da campanha [1] Comentários | Deixe seu comentário.

Crise grande no arco de alianças que dará apoio à pré-candidatura do deputado Henrique Alves (PMDB) ao Governo.

Os deputados aliados estão pra lá de irritados e alguns já adiantam: não vão aceitar na coordenação da campanha, o ex-deputado Elias Fernandes (PMDB).

Elias está sendo apontado como responsável pela subdivisão das coligações.

É que Elias é pai do deputado Gustavo Fernandes (PMDB).

"Elias já ajeitou a vida do filho, repassando as bases do deputado Walter Alves", disse um deputado aliado e insatisfeito, reclamando que o PMDB colocou o PMN do deputado Antônio Jácome no chapão para federal e numa coligação pequena para estadual.

"Tudo para garantir Jácome para federal e fazer o filho dele (vereador Jácó) o mais votado numa coligação pequena. Por que tem que ser do jeito que Jácome quer?", questionou o deputado aliado que preferiu que o Blog não revelasse sua identidade, na esperança de que o deputado Henrique Alves passe uma borracha nessa "arrumação" que teria sido feita para tirar do páreo alguns deputados.

"Henrique deu uma injeção nos deputados dele repassando as bases de Gesane Marinho e de Walter Alves. Passou os votos de Natal da deputada Gesane para Hermano Morais. Também repassou bases para Gustavo Fernandes, Nelter Queiroz e Ezequiel Ferreira", disse outro deputado, tão insatisfeito quanto o primeiro citado.

"Já não bastava o assessor de Henrique, Aluízio Dutra, garantindo lideranças para apoiar Hermano", rebateu mais outro deputado, irritado com a forma como as coligações foram feitas.

"Ninguém conversou com os deputados, como pode isso?", questionou.

 

Outro forte aliado do PMDB reclamou do congestionamento de partidos no arco de alianças, afirmando que os deputados vão trabalhar para terem 40 mil votos e não conseguirem se eleger.

"O palanque de Henrique ficou pesado e desabou", disse um dos deputados irritados com a decisão tomada sem combinar com os partidos.

"Como é que você convida um grande número de partidos para lhe dar apoio e não faz nada para ajudar esse grande número de partidos?".

 

Os 4 deputados que falaram com o Blog não quiseram assinar o que disseram porque acham que o deputado Henrique Alves não vai aceitar o que eles consideram como arrumação de interesse do ex-deputado Elias Fernandes.

"Como é que você reúne 19 deputados e toma uma decisão sem ouvir nenhum?", reclama um dos que foram convidados para fazer parte do projeto do PMDB, mas se vê na linha de risco de perder sua cadeira na Assembleia. "Isso era para ter sido resolvido diferente", afirmou.

 

Fazendo as contas, um dos deputados explicou ao Blog: "No PMN, Jácome quer ir de um jeito na federal e de outro na estadual; no PRB Abraão Lincoln também quer coligações diferentes para o mesmo partido; no PSDB Rogério Marinho quer se eleger numa coligação e eleger nomes do PSDB em outra. Tem que ser tudo num chapão. Ou se elege ou não se elege", afirmou o parlamentar chateado.

O fim de semana do governadorável Henrique Alves vai ser de tempestade.

 

20 de junho de 2014 às 20:05

Henrique subdivide coligações proporcionais e desagrada fortes aliados [0] Comentários | Deixe seu comentário.

O governadorável Henrique Alves (PMDB) decidiu subdividir em duas coligações os pequenos partidos que lhe darão apoio nas eleições de outubro.

Em vez do chapão com todos os pré-candidatos a deputado, agora serão 3 coligações.

A grande, puxada pelo PMDB com PR, PSB, PROS, DEM, SDD, PDT…

E as outras duas assim:

A 1: PHS, PV, PRTB, PRP, PTB, PCB e PPS.

A 2: PRB, PSDC, PMN, PSDB e PSC.

 

Com essa divisão, pelos cálculos dos entendidos, a primeira coligação elege um deputado e a segunda, dois deputados, tirando duas vagas da principal, que em vez de 19 deputados, como estava sendo previsto, deve eleger 16.

A decisão do PMDB atendeu exigências do deputado Antônio Jácome (PMN), candidato a federal que quer eleger para estadual o filho, vereador Jacó, e para atender também o ex-vereador Adenúbio Melo, do PSC.

Na coligação principal, insatisfações já sendo postas à mesa.

20 de junho de 2014 às 19:49

Carlos Eduardo recebe Seturn, ouve proposta, mas diz que segunda-feira vai conversar com os rodoviários [0] Comentários | Deixe seu comentário.

O presidente do Seturn, Agnelo Cândido, e o vice Luiz Flor, foram recebidos no final da tarde pelo prefeito Carlos Eduardo.

Para a reunião o prefeito chamou a secretária de Mobilidade, Elequicina Santos.

Os empresários do transporte coletivo de Natal foram pedir ao prefeito a desoneração do ISS, alegando que em muitos estados do Brasil as prefeituras concederam o benefício e as empresas tiveram como reajustar os salários dos rodoviários.

O prefeito ouviu.

Disse que vai analisar.

Que na segunda-feira reberá representantes do sindicato dos rodoviários e depois voltará a conversar com os empresários.

Na terça-feira, 24, será o dissídio coletivo dos rodoviários.

A audiência já está agendada no TRT.

20 de junho de 2014 às 19:20

Ricardo Motta foi sondado para disputar governo mas adiantou que ‘tem palavra’ e não vai retirar apoio do PROS a Henrique [0] Comentários | Deixe seu comentário.

Quem levou à governadora Rosalba Ciarlini a proposta de candidatura ao Governo do deputado Ricardo Motta (PROS), já chegou à residência oficial sabendo que o presidente da Assembleia não toparia a parada.

Tanto que a governadora não adiantou muito a conversa.

Ouviu…e ouviu.

Motta disse ao Blog que a palavra dele está mantida quando se refere a apoiar a chapa puxada pelo deputado Henrique Alves (PMDB), e que mudar de palavra não faz parte de sua carreira política.

Ricardo Motta foi sondado sobre candidatura.

Agradeceu pela lembrança, mas, sequer se animou com a possibilidade.

20 de junho de 2014 às 19:03

Rose de Sousa não assumiria mandato de Henrique porque renunciou à suplência [2] Comentários | Deixe seu comentário.

Tio da empresária Rose de Sousa, João Garcia disse ao Blog que a sobrinha renunciou à suplência de deputado federal.

Então, caso o governador eleito seja Henrique Alves, quem passará um mês como deputado federal é o segundo suplente, Marcos Cavalcanti.

20 de junho de 2014 às 18:30

Marinha continua buscas ao passageiro do “MSC Divina” desaparecido [0] Comentários | Deixe seu comentário.

Da assessoria da Marinha no RN:

 

O Comando do 3º Distrito Naval informa que permanecem as buscas ao passageiro do transatlântico “MSC Divina” desaparecido desde quarta-feira (18).

Até o momento, foi coberta uma área de busca de cerca de 4 mil quilômetros quadrados nas proximidades do Cabo Calcanhar, Rio Grande do Norte, ainda sem sucesso.

Estão envolvidos nas buscas 1 navio da Marinha, 2 aviões da Força Aérea Brasileira e mais de 100 homens no mar e em terra do Comando do 3º Distrito Naval, do Comando de Patrulha Naval do Nordeste e da Capitania dos Portos do Rio Grande do Norte (CPRN), além do apoio dos navios mercantes que passam pelo local e da comunidade marítima da região.

As buscas continuam sem previsão de suspensão.

20 de junho de 2014 às 17:04

Nova pesquisa registrada no TRE inclui item Rejeição e pede que eleitor avalie imagem dos candidatos [1] Comentários | Deixe seu comentário.

Vem aí mais uma pesquisa registrada no TRE sob o número RN-00003/2014.

A pesquisa custou 40 mil reais e, pelo que está registrado, foi paga pela Rádio Cidade.

O instituto é o GPP Planejamento e Pesquisa.

As entrevistas – somente 600 em todo o Estado – serão feitas de hoje até segunda-feira e poderá ser divulgada no dia 25, quarta-feira.

A margem de erro é de 4 pontos.

Eis o questionário aplicado entre eleitores de todo o Estado (o registro não aponta as cidades pesquisadas), que só inclui perguntas estimuladas e inclui o quesito Rejeição.

 

P1. Este ano teremos eleições para Presidente, Governador, Senador e Deputados. Dentre estes candidatos, em qual votaria para GOVERNADOR do Rio Grande do Norte SE A ELEIÇÃO FOSSE HOJE?

(1) Robinson Faria – PSD

(2) Henrique Alves – PMDB

(3) Simone Dutra – PSTU

(4) Araken Farias – PSL

(5) Robério Paulino – PSOL

(6) Branco/Nulo

(7) NS/ NR

 

P2. No dia da eleição você votará com certeza neste candidato ou até lá ainda poderá mudar o seu voto?

(1) Votará com certeza neste candidato

(2) Ainda poderá mudar o voto

 

P3. Se o candidato que escolheu não disputar a eleição, em qual dos outros candidatos votaria para GOVERNADOR do Rio Grande do Norte SE A ELEIÇÃO FOSSE HOJE? ( Segunda opção estimulada)

(1) Robinson Faria – PSD

(2) Henrique Alves – PMDB

(3) Simone Dutra – PSTU

(4) Araken Farias – PSL

(5) Robério Paulino – PSOL

(6) Branco/Nulo

(7) NS/ NR

 

P4. E em qual ou quais destes candidatos NÃO VOTARIA de jeito nenhum para governador nas próximas eleições?

(1) Robinson Faria – PSD

(2) Henrique Alves – PMDB

(3) Simone Dutra – PSTU

(4) Araken Farias – PSL

(5) Robério Paulino – PSOL

(6) Nada contra nenhum

(7) Rejeita todos

(8) NS/ NR

 

P5. Dentre estes candidatos, em qual votaria para SENADOR SE A ELEIÇÃO FOSSE HOJE?

(1) Fátima Bezerra – PT

(2) Wilma de Faria – PSB

(3) Professor Lailson – PSL

(4) Roberto Ronconi – PSOL

(5) Professora Ana Célia – PSTU

(6) Branco/Nulo

(7) NS/ NR

 

P6. Em qual destes candidatos votaria para PRESIDENTE SE A ELEIÇÃO FOSSE HOJE?

(1) Dilma – PT

(2) Aécio Neves – PSDB

(3) Eduardo Campos – PSB

(4) Luciana Genro – PSOL

(5) Pastor Everaldo – PSC

(6) Branco / Nulo

(7) NS/NR

 

P7. Como você avalia a administração da governadora Rosalba Ciarlini?

(1) Ótima

(2) Boa

(3) Regular

(4) Ruim

(5) Péssima

(6) Não sabe/NR

 

P8. Como você avalia a administração da presidente Dilma?

(1) Ótima

(2) Boa

(3) Regular

(4) Ruim

(5) Péssima

(6) Não sabe/NR

*

Um item onde o entrevistado revela a imagem positiva ou negativa que tem dos candidatos ao governo do Rio Grande do Norte encerra o questionário. Os nomes são os citados nos itens acima

20 de junho de 2014 às 16:28

Rose de Sousa será deputada por um mês caso Henrique se eleja governador [2] Comentários | Deixe seu comentário.

Caso o eleito no dia 5 de outubro próximo para governador o Rio Grande do Norte a partir de 2015, seja o deputado Henrique Alves (PMDB), ele tomará posse, como é de lei, no dia primeiro de janeiro.

Mas, o mandato de deputado federal ainda se estende até o dia 31, já que a posse dos eleitos para o Congresso Nacional só acontece no dia primeiro de fevereiro, data em que serão escolhidos os presidentes do Senado e da Câmara.

Então, antes de ser empossado governador, Henrique, se eleito, terá que renunciar ao mandato de deputado antes da posse no Executivo.

E durante um mês, assumirá o suplente de Henrique na Câmara.

E quem é o suplente?

Rose de Sousa, irmã da ex-prefeita Micarla de Sousa.

Um mês como deputada durante o recesso parlamentar.

Um mês de salário.

20 de junho de 2014 às 14:04

Filiado ao PCdoB que apóia Robinson Faria, sobrinho do ministro Garibaldi Filho deve desistir de disputar vaga de deputado estadual [0] Comentários | Deixe seu comentário.

A nominata de pré-candidatos a deputado estadual pelo PCdoB deve sofrer uma baixa.

É que o até então pré-candidato, Sérgio Alves, não deverá mais disputar vaga na Assembleia Legislativa.

Sérgio é sobrinho do ministro Garibaldi Filho (PMDB).

Primo em segundo grau do governadorável Henrique Alves (PMDB).

Mas, filiado ao PCdoB que se decidiu pelo governadorável Robinson Faria (PSD).

Até bem pouco tempo Sérgio Alves era filiado ao PMDB.

Trocou de legenda na intenção de facilitar uma eleição para deputado.

Não contava que estaria entrando no partido que se tornaria seu adversário.

E se tornou.

Sérgio deve apoiar o primo Henrique.

Logo, para ele, fica impossível permanecer no ninho do PSD e PT.

20 de junho de 2014 às 13:57

Betinho Rosado tem até segunda-feira para definir a posição do PP nas eleições de outubro [0] Comentários | Deixe seu comentário.

O deputado federal Betinho Rosado, presidente do PP, tem silenciado nesse período pré-convenções.

Aliás, Betinho sequer tem falado em convenção.

Pelo regimento do partido, o edital da convenção tem que ser assinado até 7 dias úteis antes da data.

E o prazo para convenções se encerra no dia 30.

O que significa que segunda-feira, dia 23, é o último dia do PP.

 

Mas, até agora, Betinho sequer tem discutido coligação.

Com o chapão do PMDB já é certo que ele não tem espaço.

Fala-se em aliança com o PSD do governadorável Robinson Faria.

Agregaria tempo de TV.

Se agregaria votos à chapa majoritária, aí é outra história.

É que o PP, que até bem pouco tempo, presidido pelo vereador Rafael Motta (hoje presidente do PROS), mantinha em todo o Estado, 150 diretórios e comissões provisórias, hoje se resume a 13 comissões e nenhum diretório.

Mas Betinho garante que tem apoios em 40 municípios.

O presidente do PP ainda vai conversar com o PSD e com o PT.

Resta saber o projeto dele cabe no projeto da chapa Robinson governador – Fátima senadora.

 

20 de junho de 2014 às 13:15

Rosalba e Carlos Eduardo colados [0] Comentários | Deixe seu comentário.

Do fotógrafo Márlio Forte, registrando a governadora Rosalba Ciarlini e o prefeito Carlos Eduardo, coladinhos, depois de uma saraivada de críticas um ao outro.

A cara do prefeito…


20140620-131552-47752392.jpg

 

20 de junho de 2014 às 12:56

Ministro da Integração pede que Prefeitura cadastre desabrigados para que sejam incluídos na lista de prioridades do Ministério das Cidades [0] Comentários | Deixe seu comentário.

Do ministro da Integração, Francisco Coelho Teixeira, há pouco em Mãe Luíza, questionado pelos repórteres sobre tempo de solução para a catátrofe do bairro e valores a serem desembolsados.

O ministro minimizou o problema ao citar, como maior desastre natural do Brasil, o do município de Angra dos Reis, no Rio de Janeiro, em 2011, onde mais de mil pessoas morreram, e comparando o incomparável, disse que aqui não há vítimas.

Eis o que falou o ministro da Integração:

 

"A gente não trabalha sozinho. O Ministério da Integração trabalha com outros 12 Ministérios. Trabalha com o Ministério das Cidades, com o Ministério da Defesa e as Defesas Civis dos municípios e estados.

Na fase de reconstrução, e isso aconteceu no maior desastre natural brasileiro que foi no Rio de Janeiro, em 2011, onde morreram mais de mil pessoas, lá se trabalhou com vários componentes na fase de reconstrução, que é a fase que deve se iniciar em breve.

No componente habitacional nós temos "Minha Casa Minha Vida", aonde pra aquelas famílias de baixa renda, que estão incluídas no Bolsa Família, elas podem receber casas novas dentro do "Minha Casa Minha Vida".

Essas famílias entram numa lista de prioridades no Ministério das Cidades e Caixa Econômica Federal para receberem casas do "Minha Casa Minha Vida".

É importante que a Defesa Civil e a Prefeitura cadastrem essas famílias.

Precisamos do CPF dessas pessoas.

Foto Márlio Forte

20140620-125723-46643059.jpg

20 de junho de 2014 às 12:53

Ministro sugere programa para desabrigados comprarem móveis mas não explica que eles terão que pagar [0] Comentários | Deixe seu comentário.

O ministro da Integração Nacional, Francisco Coelho Teixeira, sugeriu que as pessoas que perderam casas e móveis com o desabamento em Mãe Luíza, possam recuperar os móveis, por exemplo, através do programa "Minha Casa Melhor", do Governo Federal.

Mas, o ministro não explicou que o programa, mesmo diante da carência dos prováveis beneficiados, não é de graça.
Quem optar pelo programa terá custos.
Eis a declaração do ministro:

"A parte de móveis, quem entrar no "Minha Casa Minha Vida", pode ser beneficiado pelo "Minha Casa Melhor", que é outro programa da Caixa Econômica  que faz com que a família tenha um cartão para comprar até 5 mil reais de móveis". 

20 de junho de 2014 às 12:51

Ministro diz que se solução for ‘Minha Casa Minha Vida’, imóveis não poderão ser construídos em Mãe Luíza [0] Comentários | Deixe seu comentário.

O ministro da Integração Nacional, Francisco Coelho Teixeira, em entrevista há pouco, em Mãe Luíza, explicou o que o poder público local tem que fazer para garantir a ajuda do Governo Federal, para recuperar a área atingida pela chuva da sexta-feira 13.

"A Defesa Civil de Natal e do Estado tem que fazer esse levantamento, apresentar à Defesa Civil nacional, no Ministério da Integração, e a gente encaminha tudo isso para o Ministério das Cidades para priorizar o atendimento a essas famílias no "Minha Casa Minha Vida".

Agora esse é um momento que temos que trabalhar para que não tenha mais problemas. Não tivemos vítimas. Casa se recupera, mas não se recupera vidas.

 

Agora sobre valor, vamos ter que ter um diagnóstico terminado, um projeto elaborado e o número de casas que vão precisar ser reconstruídas.

Agora, muito provavelmente não nessa área porque o programa "Minha Casa Minha Vida"constrói casas em terrenos estáveis, que não estão suscetíveis a desastres naturais.

Não adianta construir no mesmo canto para ter um desastre natural".

O ministro ainda informou que o Governo Federal dispões do programa "Aluguel Social", que pode ajudar à Prefeitura a pagar aluguel de casas para os desabrigados, antes que suas casas sejam reconstruídas.

O prefeito Carlos Eduardo já havia se comprometido a alugar casas para as famílias que perderam as suas em Mãe Luíza.

20 de junho de 2014 às 11:47

Ministro da Integração chega a Mãe Luíza [0] Comentários | Deixe seu comentário.

O ministro da Integração Nacional, Francisco Coelho Teixeira, está neste momento visitando o bairro de Mãe Luíza, em Natal.

O ministro, acionado pelo presidente da Câmara e governadorável Henrique Alves, chegou acompanhado de Henrique, da governadora Rosalba Ciarlini, do prefeito Carlos Eduardo e da vice-prefeita Wilma de Faria.

Fotos Márlio Forte

20140620-114445-42285244.jpg

20140620-114504-42304215.jpg

20140620-114527-42327164.jpg

20140620-114606-42366443.jpg

20140620-114636-42396933.jpg

20 de junho de 2014 às 11:26

Mossoró: Prefeito Francisco José deve botar pontos nos is com Fafá Rosado neste sábado [0] Comentários | Deixe seu comentário.

Das duas uma: ou os aliados da ex-prefeita Fafá Rosado (PMDB) serão exonerados dos cargos que ocupam na Prefeitura de Mossoró ou se absterão da liderança de Fafá e passarão a liderados do prefeito Francisco José Júnior (PSD).
O clima é esse em Mossoró depois que o prefeito, que contava com Fafá como aliada no apoio à pré-candidatura de Robinson Faria (PSD) ao Governo, viu Fafá se acertar com o seu PMDB para ser candidata à deputada federal com apoio do governadorável Henrique Alves.
O assunto ainda está em discussão, e neste sábado, o prefeito e a ex-prefeita, que estiveram juntos na eleição suplementar, sentão para botar os pontos nos is.
Ou tirar os pontos do is.