Thaisa Galvão

12 de abril de 2015 às 21:02

Segundo movimento anti-Dilma em Natal foi menor do que o anterior [2] Comentários | Deixe seu comentário.

O movimento anti-Dilma hoje em Natal levou menos gente às ruas do que o anterior.

Os organizadores calcularam em 8 mil pessoas; a Polícia Militar calculou em 5 mil.

Da oposição ao governo Dilma Rousseff, presentes os deputados federais Rogério Marinho (PSDB) e Felipe Maia (DEM), o estadual Getúlio Rêgo (DEM), o ex-governador Geraldo Melo (PMDB)…

O senador José Agripino (DEM) passou na concentração antes de embarcar para Brasília.

Fotos Márlio Forte





12 de abril de 2015 às 13:08

Para o senador Garibaldi Filho, sem classe política se entender será difícil ajudar ao governo a sair da crise econômica [1] Comentários | Deixe seu comentário.

O senador e ex-governador do Rio Grande do Norte, Garibaldi Filho, até o ano passado ministro do governo Dilma Rousseff, acredita que a classe política tem de estar unida, superar divergências, para poder colaborar com a solução para a crise política que toma conta do país.

Em entrevista ao Blog, o senador disse que a crise na economia ainda deve ser duradoura.

Sobre o governo Robinson Faria, Garibaldi diz que sua preocupação é com a situação financeira do Estado.

 

Thaisa Galvão – Como o senhor analisa este momento nevrálgico do Brasil?

Garibaldi Filho – O Brasil está atravessando um momento difícil como você colocou. Agora nós políticos precisamos tomar juízo, porque precisamos resolver logo a crise política para podermos ter condições de ajudar na solução da crise econômica, cujos efeitos vão perdurar por mais tempo e vão exigir de todos nós um maior esforço e até uma certa união. Acho que temos que ser conscientes disso.

Thaisa Galvão – Quando você fala em tomar juízo, quer dizer o quê?

Garibaldi Filho – Falo nessa consciência, usei a expressão popular, a classe política precisa se conscientizar  que a situação econômica do país é muito grave e que nós temos que aprovar esse ajuste fiscal. Só há uma saída para o país restaurar a credibilidade perante os investidores, estrangeiros ou não, e as agências de financiamento internacionais, só faremos a restauração dessa credibilidade se demonstrarmos isso no campo político.

Thaisa Galvão – A nomeação do ex-deputado Henrique Alves acaba fazendo parte desse momento político, dessa crise do PMDB, o seu partido, com o Planalto. Quando isso acontecerá?

Garibaldi Filho – Acho que a questão da nomeação de Henrique vai ser resolvida logo porque o vice-presidente Michel Temer está à frente da articulação do governo e ele entende, não apenas por ser amigo de Henrique, mas ele entende que o PMDB precisa do deputado Henrique Eduardo Alves, não apenas no Ministério que ele vai ocupar, mas no campo também da articulação política, por isso é que eu acredito que isso vá ser apressado.

Thaisa Galvão – Chegando ao Rio Grande do Norte, o governo Robinson Faria completa 100 dias, como o senador analisa?

Garibaldi Filho – Eu só estou preocupado com a situação financeira. Que pode ser que o governo não seja tão culpado disso, mas ele precisa tomar providências, urgentemente, que não são só essas de estar recorrendo ao Fundo Previdenciário, mas apertar o cinto porque a situação não é favorável. Nem lá em cima, quando eu falo lá em cima me refiro a Brasília, ao governo federal, e aqui embaixo quem não tiver em condições, pelo menos, de financiar o seu custeio, porque o problema não é só investimento, o problema do Estado é ter condições de financiar o seu custeio. Eu estou preocupado com isso. Sou da oposição mas estou torcendo, claro, pelo melhor.

12 de abril de 2015 às 9:41

Rogério Marinho se diz primeiro da bancada do RN favorável ao impeachment da presidente Dilma [1] Comentários | Deixe seu comentário.

Levando seu grupo político ligo mais às 15 horas para a frente do Midway Mall, onde terá início, em Natal, mais um protesto contra o governo da presidente Dilma Rousseff (PT), o deputado federal Rogério Marinho (PSDB) desponta como o primeiro membro da bancada do Rio Grande do Norte a se posicionar em favor do impeachment.
“O impeachment é constitucional e, no meu entendimento, há motivos para a abertura do processo contra Dilma, que era a presidente do Conselho da Petrobras nos anos em que ocorreram todos esses casos de corrupção, assim como foi ela quem autorizou a compra de uma refinaria que, comprovadamente, gerou um prejuízo absurdo ao país. Isso, sem falar, que também este é um negócio suspeito de corrupção”, disse Rogério, justificando seu posicionamento.

“Vivemos um momento terrível da história do Brasil, fruto do desgoverno e da corrupção na gestão do PT. Esse Governo foi desastroso. Estamos em meio ao pior dos mundos, com uma crise ética, moral e administrativa”, disse Rogério, acrescentando que as informações da Polícia Federal contabilizam 12 anos de pagamento de propinas e “diversos atos de corrupção na Petrobras”, período em que a presidente foi ministra das Minas e Energia, presidente do Conselho da Petrobras, e ministra da Casa Civil.

12 de abril de 2015 às 9:30

Pesquisa mostra que maioria dos brasileiros quer afastamento da presidente [0] Comentários | Deixe seu comentário.

Do G1

63% apoiam abertura de processo de impeachment, aponta Datafolha

Apoio a processo contra Dilma se baseia em fatos da Lava Jato, diz jornal. Instituto fez 2.834 entrevistas em 171 municípios, nos dias 10 e 11 de abril

Pesquisa Datafolha divulgada neste sábado (11) indica que 63% dos brasileiros apoiam a abertura de um processo de impeachment contra presidente Dilma Rousseff (PT), quando se consideram as revelações feitas até aqui pela Operação Lava Jato.

A pesquisa também mostra que 64% dos entrevistados não acredita que Dilma será afastada em razão denúncias de corrupção da Lava Jato e que menos da metade dos entrevistados sabe que, caso Dilma saia, quem assume é o vice-presidente e que o vice é Michel Temer (PMDB).

A pesquisa Datafolha foi feita entre os dias 9 e 10 de abril com 2.834 entrevistas em 171 municípios. A margem de erro é de dois pontos percentuais.

Veja a seguir os resultados da pesquisa, divulgada pelo site da “Folha de S.Paulo”:

Considerando tudo o que se sabe até o momento a respeito da Operação Lava Jato, o Congresso deveria abrir um processo de impeachment para afastar a presidente Dilma da Presidência?
– Sim: 63%
– Não: 33%
– Não sabe: 4%

Caso isso ocorra, assume seu lugar:
– O vice (sem citar o nome): 29%
– Michel Temer: 13%
– Aécio Neves: 12%
– Outros: 8%
– Não sabe: 39%

Sabe quem é o vice-presidente?
– Michel Temer: 36%
– Outros: 1%
– Não sabe: 63%

Opinião sobre os protestos contra o governo Dilma
– A favor: 75%
– Contra: 19%
– Indiferente: 5%
– Não sabe: 1%

Acha que Dilma vai ser afastada por causa das denúncias de corrupção na Lava Jato?
– Sim: 29%
– Não: 64%
– Não sabe: 7%

Sobre a corrupção na Petrobras, você acha que Dilma:
– Sabia e deixou que ocorresse: 57%
– Sabia, mas não poderia evitá-la: 26%
– Não sabia: 12%
– Não soube responder: 5%

Em quem votaria para presidente caso houvesse novas eleições?
– Aécio (PSDB): 33%
– Lula (PT): 29%
– Marina Silva (PSB): 13%
– Joaquim Barbosa: 13%
– Outra resposta: 9%
– Não sabe: 3%

12 de abril de 2015 às 9:23

Goianinha: Na festa da padroeira, Alcimar Monteiro puxa os parabéns para o governador [0] Comentários | Deixe seu comentário.

O governador Robinson Faria começou a ser festejado pelo aniversário deste 12 de abril, ainda na madrugada.

Foi em Goianinha, onde foi, a convite do deputado Dison Lisboa, prestigiar a festa da padroeira, Nossa Senhora dos Prazeres.

Ocasião marcada pela reaproximação, através de Dison, com o prefeito Júnior Rocha (PMDB), adversário de Robinson na campanha.

Fotos Rodrigo Loureiro/Robson Carvalho



Na festa, destaque para o show de Alcimar Monteiro, responsável pelo jingle de campanha do governador.

Alcimar chegou ao palco cantando “Tenha fé no azul que tá no frevo…” Depois parou a banda e o povo cantou o jingle de Robinson.

Em seguida o forrozeiro puxou os parabéns para o governador aniversariante.

VÍDEO Clique aqui e assista o momento dos parabéns

12 de abril de 2015 às 9:09

Governador Robinson Faria: aniversariante do domingo [0] Comentários | Deixe seu comentário.

O aniversariante do domingo é o governador Robinson Faria.

Chega aos 5.6

Comemoração em família.

Foto Thaisa Galvão