Thaisa Galvão

4 de setembro de 2015 às 8:27

Prefeito Carlos Eduardo diz que Município perde 40 milhões em arrecadação por causa da crise que atinge o país [0] Comentários | Deixe seu comentário.

Retrato da crise.

Agora na 96FM, o prefeito Carlos Eduardo disse que, antes da crise, Natal arrecadava 140 milhões por mês.

Hoje, com a crise, arrecada 100 milhões.

O prefeito admitiu dificuldades para fechar a folha e criticou, mesmo sem nominar, o governo do Estado por recorrer ao fundo previdenciário, para ele, “ilegal”, para pagar ao funcionalismo.

O prefeito disse que é bacharel em Direito e entende que a retirada do fundo é ilegal.

Quando diz isso, o prefeito admite que cometeu ilegalidade quando da sua gestão que terminou em 2008, quando foi feito um saque do fundo previdenciário para honrar a última folha da gestão, com o décimo-terceiro.

Mas isso já faz tempo, a new-press não se recorda que o assunto foi tema do noticiário.

Na entrevista o prefeito fez críticas ainda à gestão “desastrosa” de sua sucessora Micarla de Sousa, afirmando que ao reassumir a Prefeitura de Natal, cortou cargos comissionados, aluguel de carros, reabriu escolas, unidades de saúde, e economizou muito dinheiro.

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

*