Thaisa Galvão

6 de janeiro de 2016 às 22:57

Justiça nomeia interventor para quitar dívidas e rescindir contratos de funcionários da Gazeta do Oeste [1] Comentários | Deixe seu comentário.

De acordo com informação do blog de Gutemberg Moura, de Mossoró, um interventor nomeado pela Justiça assumirá o comando do jornal Gazeta do Oeste, fechado segunda-feira.

O interventor vai receber as carteiras de trabalho dos funcionários, liberar pertences que possam estar na sede, além de viabilizar o pagamento de salários atrasados e as dívidas com fornecedores.

Numa outra etapa, cuidará da rescisão dos contratos dos empregados. 

Após anunciar o fechamento o jorna que circulava há 38 anos decretou falência.

Os imóveis pertencentes à Gazeta serão vendidos para garantir a quitação das dívidas.

6 de janeiro de 2016 às 20:23

Em meio à crise na Saúde, governador do Rio faz licitação de mais de 2 milhões para reformar residência oficial que ele não mora [0] Comentários | Deixe seu comentário.

O governado do Rio de Janeiro, Luiz Fernando Pezão (PMDB), fez uma choradeira para conseguir dinheiro do governo federal, decretando, inclusive, calamidade na saúde pública.

E a presidente Dilma Rousseff, que não deu a mínima ainda para a seca do Nordeste, encheu o governador do Rio de dinheiro na tentativa de agradar o PMDB…

Porém, o governador vai muito bem obrigado, nadando em dinheiro.

Nadando em mais de dois milhões para reformar o Palácio das Laranjeiras, e a piscina do palácio.

Leia nota de Lauro Jardim no Globo Online:
Governo do Rio mantém reforma da piscina do Palácio Laranjeiras
O estrago que a atual crise nas contas do estado do Rio de Janeiro causa é visível.
Mas foi em meio ao caos nos serviços públicos, em dezembro, que a Emop — empresa de obras públicas estadual — abriu uma licitação para continuar a reforma de parte do Palácio Laranjeiras.
A obra inclui a piscina e a pérgola da residência oficial do governador — que, ressalte-se, nem mora lá — ao custo de quase R$ 2,4 milhões.

6 de janeiro de 2016 às 19:41

Durou quase 5 horas o depoimento do ex-presidente Lula à Polícia Federal [0] Comentários | Deixe seu comentário.

Da Folha Online:
Lula presta depoimento em inquérito da Operação Zelotes
GABRIEL MASCARENHAS

MARINA DIAS

Brasília

CÁTIA SEABRA

São Paulo
O ex-presidente Luiz Inácio Lula da Silva prestou depoimento à Polícia Federal nesta quarta-feira (6), em Brasília, em um inquérito referente à Operação Zelotes.
O depoimento começou às 14h30 e foi encerrado após as 19h.
A PF investiga suspeitas de pagamento de propina para aprovação de três medidas provisórias que concediam benefícios fiscais ao setor automotivo, sendo duas delas durante o governo Lula.
A empresa LFT Marketing, que pertence a Luís Cláudio Lula da Silva, filho do ex-presidente, recebeu R$ 2,4 milhões do escritório Marcondes e Mautoni, que, na mesma época, recebeu repasses de empresas do setor automotivo.
O depoimento desta quarta estava previsto para acontecer no final do mês passado. A Folha apurou que a defesa de Lula pediu o adiamento para janeiro, período de recesso parlamentar em Brasília.
O ex-presidente está acompanhado de seu advogado, Cristiano Zanin Martins.
ZELOTES
Deflagrada no fim de março com origem em uma carta anônima entregue num envelope pardo, a Operação Zelotes da Polícia Federal investiga um dos maiores esquemas de sonegação fiscal já descobertos no país.
Suspeita-se que quadrilhas atuavam junto ao Carf (Conselho Administrativo de Recursos Fiscais), órgão ligado ao Ministério da Fazenda, revertendo ou anulando multas. A operação também foca lobbies envolvendo grandes empresas do país.
O esquema fez com que uma CPI fosse instalada no Senado.
Na fase mais recente da operação, a Polícia Federal realizou um mandado de busca e apreensão na empresa LFT Marketing Esportivo, que pertence a Luís Claudio Lula da Silva, filho do ex-presidente Lula, nos Jardins, bairro nobre de São Paulo.
A companhia é suspeita de ter recebido repasses da Marcondes & Mautoni, empresa de lobistas que atuaram na aprovação de medida provisória que prorrogou a isenção de IPI (Imposto sobre Produtos Industrializados) para a indústria automobilística.
Outro investigado de peso da Zelotes é o ministro do TCU (Tribunal de Contas da União) Augusto Nardes, relator da reprovação das contas da presidente Dilma Rousseff.
De acordo com a investigação, ele teria recebido, através de uma empresa da qual foi sócio até 2005 -atualmente em nome de seu sobrinho- pagamentos da SGR Consultoria, que teria corrompido conselheiros do Carf para favorecer clientes que recorreram ao Carf para discutir multas.

6 de janeiro de 2016 às 19:30

Ex-prefeito de Alexandria, Bernardino assume articulação para cassar Ney Rossato e diz que desembargador não se envolveu no caso [0] Comentários | Deixe seu comentário.

Depois da entrevista do prefeito cassado Ney Rossato, de Alexandria, que acusou o desembargador Expedito Ferreira de Souza de articular o seu afastamento aprovado hoje pela Câmara, tentei conversar com o desembargador, que não quis se pronunciar.

Ex-prefeito de Alexandria, José Bernardino da Silva disse ao Blog agora, que assume a responsabilidade pelas articulações que culminaram hoje com a cassação do prefeito Ney Rossato.Bernardino, que teve Rossato como vice quando foi prefeito de 1997 a 2.000, disse que ele fez de tudo para vê-lo afastado da Prefeitura porque queria assumir o cargo de prefeito a qualquer custo.

Thaisa Galvão – Foi você que articulou a cassação do prefeito?
Bernardino – Rapaz foi. Ney Rossato foi meu vice e ele fez um trabalho contra mim pra me prejudicar totalmente, na justiça inclusive, sabe? Ele pra assumir a Prefeitura fez todo tipo de falcatrua pra me jogar fora, certo? Em parte ele conseguiu, ele me afastou. Aí ele foi eleito prefeito.

Thaisa Galvão – Mas ele atribui essa articulação ao desembargador Expedito Ferreira de Souza, que lançou a pré-candidatura da mulher à prefeita de Alexandria.
Bernardino – O desembargador não é envolvido com isso, o desembargador é uma pessoa que é daqui, tornou a cidade de Aexandria importante, coisa que doutor Ney nunca conseguiu, e s Câmara é o seguinte. Ele debochou da Câmara, fez todo tipo de irregularidade na Prefeitura de Alexandria e o desembargador não tem nada xom isso. Os vereadores criaram a comissão, eu fiz boa parte dessa articulação pra que a coisa chegasse onde chegou. Foi formada a comissão de cassação, apuraram várias irregularidades durante 90 dias, foi dado todo direito a ele de defesa e ele não conseguiu convencer a Câmara por conta das provas substanciais que tinham dentro do processo. E o pessoal achava que o desembargador poderia estar envolvido mas ele não tem nada a ver com isso, foram os 9 vereadores.

Thaisa Galvão – E por que se falou no envolvimento do desembargador?
Bernardino – Porque a mulher dele é filiada a um partido aqui como os vereadores são, mas ele não se envolveu, não se meteu nisso, foi a gente, a população de Alexandria quem se levantou contra. O doutor desembargador ele jamais teve influência nisso, isso foi a gente mesmo, por conta do que ele fez.

Thaisa Galvão – Mas a mulher dele é candidata?
Bernardino – Ela, como demais pessoas em Alexandria, ela é pré-candidata por conta do serviço que já fez, por conta dos serviços prestados. Porque o desembargador é conterrâneo de Alexandria, ele fez uma casa aqui, ele vem pra Alexandria, essas festas comemorativas sempre ele está por aqui.

Thaisa Galvão – Hoje ele está aí?
Bernardino – Hoje ele está. É uma casa aberta pra o povo, mas não em política, é como amizade. A gente sabe que doutor Expedito é uma pessoa que graças a Deus teve sucesso na vida. Ele foi polícia, ele foi advogado, foi juiz e hoje é desembargador e uma vez eu perguntei: doutor e sua aproximação com Alexandria se deve a quê? E ele disse ‘rapaz, eu me acho em débito com a minha terra’. Ele tem sido tão influente em Alexandria, não fazendo política, mas pelo povo de Alexandria. Aí o povo de Alexandria tá assim, querendo devolver isso, aí a mulher, realmente, se ela é filiada a um partido ela disse ‘eu também posso disputar uma eleição’.

Thaisa Galvão – E você apóia a candidatura dela?
Bernardino – Se ela for candidata votarei nela, não por influência dele, é porque realmente a gente é próximo.

Thaisa Galvão – Então o desembargador não tem nada com a cassação de hoje?
Bernardino – Em relação ao afastamento do prefeito foi justamente por conta das provas. Nesse trabalho que a gente fez com o contador, advogado, certo? Com a comissão da Câmara, certo? A gente armou esse processo com as provas contundentes contra ele pelos desmandos que ele fez em Alexandria.

Thaisa Galvão – Você hoje faz o que em Alexandria?
Bernardino – Eu tenho um pedaço de terra aqui e a gente cria um gadinho.

Thaisa Galvão – E você é filiado ainda a algum partido?
Bernardino – Eu era filiado ao

PSB, o partido do prefeito, mas boje eu sou desfiliado do partido.

Thaisa Galvão – E quando prefeito você foi cassado?
Bernardino – Fui não, eu tive afastado por força dele. Não foi por irregularidade não, foi por força dele que ele queria o mandato a todo custo. E hoje, tem aquele ditado que o povo diz né? Quem com ferro fere, com ele será ferido, e o povo achou por bem…eu fui uma das pessoas que lutou mais por isso. A gente foi que armou.

6 de janeiro de 2016 às 17:33

Governador Robinson Faria e prefeito Carlos Eduardo acompanham procissão de Santos Reis [0] Comentários | Deixe seu comentário.

No instagram do fotógrafo Márlio Forte, o registro da presença do governador Robinson Faria e do prefeito de Natal, Carlos Eduardo Alves, na procissão do encerramento da Festa de Santos Reis, no bairro de mesmo nome.

Carlos Eduardo acompanhou a peocissão com a mulher Andreia, o presidente da Câmara, Franklin Capistrano, e o vereador Ubaldo Fernandes.

Robinson com o vice-governador Fábio Dantas e aliados.

   
 
 

6 de janeiro de 2016 às 16:46

Resultados da Operação Verão [0] Comentários | Deixe seu comentário.

Do Twitter da Secretaria de Segurança Pública nesta quarta-feira:
  
  
  

6 de janeiro de 2016 às 16:12

Dia de gratidão [0] Comentários | Deixe seu comentário.

Do governador Robinson Faria, neste 6 de janeiro, dia de Santos Reis e Dia da Gratidão:

   
 

6 de janeiro de 2016 às 15:39

Policial mostra nas redes sociais a ação da PM no litoral [0] Comentários | Deixe seu comentário.

Do twitter do policial Correia Lima:

  

6 de janeiro de 2016 às 15:33

Vereadores cassam o prefeito de Alexandria Ney Moacir Rossato [0] Comentários | Deixe seu comentário.

Por 8 votos a 1, o prefeito de Alexandria, Ney Moacir Rossato, acaba de ter o mandato cassado.Ney respondia a 14 processos e 3 foram até o fim, motivando o afastamento.

Apesar da defesa do prefeito, numa sustentação oral de mais de duas horas, apresentando documentos de um convênio entre a Prefeitura e duas clínicas em Alexandria, os vereadores decidiram pela acusação de improbidade administrativa.

Para Ney Rossato, uma decisão política para favorecer o grupo político do desembargador Expedito Ferreira de Souza, que já lançou a pré-candidatura de sua esposa, Jeane Ferreira, à Prefeitura de Alexandria.

Com a cassação de Ney, assume o presidente da Câmara, vereador Raimundo Andrade, já que o vice-prefeito Edilberto Oliveira, morreu.

A informação em Aexandria é que Raimundo, autor de ações contra Ney, será o companheiro de chapa de Jeane Ferreira nas eleições de outubro.

6 de janeiro de 2016 às 15:31

Ney Rossato diz que sua cassação foi ato político orientado por desembargador que já lançou a pré-candidatura de sua mulher  [0] Comentários | Deixe seu comentário.

Terminada a votação, conversei pelo telefone com o prefeito já cassado, Ney Moacir Rossato, do PSB.
Thaisa Galvão – O que vem acontecendo em Alexandria, prefeito?

Ney Rossato – Desde setembro, quando houve a convenção do partido do governador (PSD), 5 vereadores foram para Natal mais o desembargador Expedito Ferreira de Souza e a mulher dele, e lá já lançaram logo como pré-candidata Dona Jeane Ferreira. Não me consultaram nada, inclusive eu tinha dito que votaria com ela, eu e minha esposa, mas simplesmente começaram a me escantear e abriram essa comissão de cassação. Então não tem nada, nenhuma prova contundente, nada que causasse uma cassação contra mim. A finalidade dessa comissão foi só me tirar do páreo.
Thaisa Galvão – E você tinha direito à reeleição ainda?

Ney Rossato – Tinha, mas eu já tinha dito que não ia ser candidato. A gente pensava em apoiar essa esposa do desembargador, mas aí simplesmente os 5 vereadores acharam que eles tinham maioria e resolveram fazer essa comissão orientados pelo desembargador pra me cassar o mandato, só pra me tirar da jogada. Aí assume o presidente, e ele vai ter que fazer uma eleição indireta dentro de 30 dias, vai ser uma eleição entre os membros da Câmara. Foi uma cassação política. Nada, nada, nada tem contra mim.
Thaisa Galvão – O senhor acha então que os vereadores já foram para a sessão sabendo como seria o voto, independente da sua defesa?

Ney Rossato – Já, já sabiam de antecedência. Só teve um vereador que votou contra a cassação porque já conhecia o processo.
Thaisa Galvão – Então o senhor acha que foi um ato político?

Ney Rossato – O ano passado eu tive que fazer quimioterapia porque eu tive um linfoma. E o que aconteceu? Eu chamei o presidente da Câmara e ofereci a ele pra ficar uns 3 meses para eu me tratar. Ele não quis. Agora não fiz isso oficialmente, só chamei ele na frente de uns amigos e ele disse que não queria. Aí quando foi agora o desembargador, doutor Expedito, viu que era hora de botar alguém dele para poder fazer o trabalho para a mulher dele. Ninguém conhece ela aqui, ela é lá de Cabrobó, no sertão de Pernambuco. E o que aconteceu foi uma cassação política. Não teve prova de nada porque o meu advogado desmascarou tudo.
Thaisa Galvão – E o senhor vai recorrer?

Ney Rossato – Eu não sei nem se vale a pena porque se chegar no Tribunal de Justiça vai ser colocado lá de molho e talvez só no fim do mandato é que vão mandar para dar o resultado.
Thaisa Galvão – E a pré-candidata já está atuando por aí?

Ney Rossato – Eles estavam usando aqui as máquinas de perfuração do Governo pra conseguir votos pra ela, e aqui, 80% da cidade não aceitou isso. Aí eu comuniquei isso à Femurn (Federação dos Municípios), o presidente da Femurn, prefeito de Mossoró Francisco José, deve ter comunicado ao governador e o governador mandou parar as máquinas na hora. Porque ela já está em campanha aqui, e não pode, por lei ela não pode.

6 de janeiro de 2016 às 14:29

Pedras são explodidas em serra de Monte das Gameleiras para construção de uma pousada [0] Comentários | Deixe seu comentário.

Do Facebook de Marluce Bezerra sobre as explosões com dinamite, desde ontem na serra conhecida por Pedra Grande, em Monte das Gameleiras.

No lugar será construída uma pousada.

  
E os comentários:

  

6 de janeiro de 2016 às 14:08

Primeiro dia de aula do Príncipe George toma conta do noticiário em Londres nesta quarta-feira [0] Comentários | Deixe seu comentário.

E o assunto em pauta nesse dia de Santos Reis em Londres é…o primeiro dia de aula do herdeiro da família real.

Da Folha:
Aos 2 anos, príncipe George vai à escola pela primeira vez
Aos 2 anos de idade, o pequeno príncipe George, terceiro na linha de sucessão ao trono britânico, teve seu primeiro dia de aulas nesta quarta-feira (6).
O perfil oficial da família real no Instagram divulgou duas fotos do primogênito de William e Kate Middleton em frente à instituição, o centro Westacre Montessori em Norfolk, na Inglaterra, onde frequentará o maternal.
A escola segue a linha pedagógica montessoriana, método de aprendizado desenvolvido pela educadora italiana Maria Montessori. O modelo busca enfatizar a autonomia das crianças, com o incentivo à criatividade.

  

6 de janeiro de 2016 às 13:56

Policial assassinado em Ponta Negra era aposentado da PM do Distrito Federal [0] Comentários | Deixe seu comentário.

De acordo com reportagem da Tribuna do Norte, o policial assassinado em Ponta Negra é aposentado da Polícia Militar do Distrito Federal e morava em Natal.

O crime aconteceu, segundo informação da Secretaria de Segurança, na rua Afonso Magalhães, na Vila de Ponta Negra.

Há informações de que um dos envolvidos no crime estaria com uma camisa polo de cor branca e um boné vermelho. 

Mais cedo a informação veiculada dizia se tratar de um policial da Força Nacional.

  
Notícia da TV Ponta Negra

6 de janeiro de 2016 às 13:40

Câmara de Alexandria em sessão extraordinária neste momento para votar cassação do prefeito Ney Rossato [0] Comentários | Deixe seu comentário.

Quarta-feira decisiva no município de Alexandria.

Nesse momento, sessão extraordinária na Câmara Municipal vai votar a cassação do prefeito Ney Moacir Rossato.

Advogado de defesa fazendo sustentação oral antes da votação.
Fotos Mauricéia Cavalcante/RN Vídeo

  

6 de janeiro de 2016 às 13:25

Major da Força Nacional é assassinado em Ponta Negra [0] Comentários | Deixe seu comentário.

O Major Paim Fonsêca,  policial da Força Nacional, foi assassinado há pouco em Ponta Negra.

Ele almoçava em um restaurante da orla quando um carro vermelho parou e dispararam diretamente contra ele.

O autor dos disparos fugiu em seguida.

O Major foi socorrido por uma viatura e quando chegou nas imediações do cemitério de Ponta Negra havia uma ambulância do Samu. 

Os procedimentos paramédicos foram realizados mas o policial não resistiu.

Pela forma como aconteceu o crime, não se tratava de assalto.

6 de janeiro de 2016 às 12:48

Em Serra de São Bento, vice assume presidência da Câmara e titular garante que nunca renunciou e se diz vítima de golpe [0] Comentários | Deixe seu comentário.

Mistério que está encafifando o juízo dos moradores de Serra de São Bento, na região Agreste.

Informação dá conta da renúncia, em pleno recesso, do vereador e presidente da Câmara, Elias Feliciano Sobrinho, conhecido como Mersinho Sanfoneiro.

Eis a postagem de hoje da vereadora Cimar Crizanto.

  
Pelo que o Blog apurou, Mersinho, quando assumiu a presidência há um ano, combinou com o vice-presidente, vereador Arthur Noronha que tiraria metade do mandato de presidente e renunciaria para que ele presidisse o segundo ano.

Só que ultimamente esse assunto estava fora de pauta, até ontem, quando esse documento abaixo foi apresentado aos vereadores.

   
 
  
Além da renúncia da presidência, Mersinho também renunciava ao mandato de vereador, passando a cadeira para o suplente Marcos Faustino, irmão de Graça, mulher do prefeito Emanuel Faustino.
Porém, hoje procurado pelo blogueiro Felipe Silva, o “ex-presidente” e “ex-vereador” Mersinho Sanfoneiro negou que tivesse renunciado e disse que estava sendo vítima da advogada da Câmara.

Eis as declarações dele ao blog citado:

“Isso está sendo um golpe político, estamos trabalhando nisso, na confiança que eu tinha na ex-advogada da Câmara. Ela, no começo do ano passado, recolheu indevidamente esta assinatura existente na carta-renúncia. Tive conhecimento disso há meses, inclusive ela me chantageava dizendo que se eu rescindisse seu contrato ela usaria a carta-renúncia contra mim”.

O vereador “renunciado” anda questionando, inclusive, a diferença na letra usada na carta, onde a data tem tipo diferente do corpo.

  

E o assunto mexe e remexe Serra de São Bento hoje, e o blogueiro Erinilson Cunha publicou uma carta de esclarecimento da advogada citada pelo vereador “renunciado”, onde ela diz que é advogada há 15 anos, e que há 12 dedica sua atuação ao Direito Eleitoral e Direito Administrativo, advogando para câmaras municipais e prefeituras “sem que nunca, jamais, me tivesse sido imputada qualquer tipo de prática desleal, anti-ética ou ilegal”.

Na carta ela faz acusações a Elias Feliciano (Mersinho) e revela que  ele “não saldou compromisso financeiro” com ela, contratada  “como sua causídica ainda no ano de 2014”. Clique AQUI para ler a carta na íntegra.
E em Serra de São Bento hoje, entrou pela perna de pato, saiu pela perna de pinto, o senhor Rei mandou dizer que você contasse mais cinco…

Pois o vereador “renunciado” garante que nunca renunciou e que está tomando providências jurídicas para se manter no mandato e no cargo.

6 de janeiro de 2016 às 11:20

Maior entre as lanchas de veranistas do litoral Norte afunda na praia de Jacumã [0] Comentários | Deixe seu comentário.

Novidade no verão do litoral Norte.

Uma lancha afundou na praia de Jacumã.

A embarcação do empresário Joacy Potiguar, amanheceu debaixo d’água.

Segundo informações de fontes que estão no local, a lancha, que é muito grande, pode ter sofrido alguma fissura e ninguém ter visto. Pode ter batido em alguma pedra, o que pode ter acontecido mesmo ancorada na área da praia conhecida como Buraco da Velha, onde esteve no domingo, e vinha “fazendo água” sem que ninguém notasse, afundando durante a madrugada.

A lancha de 38 pés e dois motores de centro é a maior do verão no litoral Norte e estava ancorada em frente à casa do proprietário, como sempre fica, e não na Marina, que abriga a maioria das embarcações de veranistas do litoral Norte.

Segundo a fonte, caso a lancha estivesse na Marina não teria ocorrido o afundamento.

A foto abaixo é das primeiras horas da manhã.

  

Fotos de agora há pouco:

   
 
Na frente da casa

6 de janeiro de 2016 às 10:28

Congestionamento gigante no caminho das praias do litoral Sul [0] Comentários | Deixe seu comentário.

Para quem pensa em ir para o litoral Sul, veja como está o trânsito neste momento.

Segundo o leitor que enviou a foto, tudo parado na Rota do Sol.

  

6 de janeiro de 2016 às 7:48

PF: Japinha famoso da Lava Jato vai virar boneco gigante do Carnaval de Olinda [0] Comentários | Deixe seu comentário.

  
O agente da Polícia Federal Newton Ishii, que ficou famoso na operação Lava Jato, em Curitiba onde muitos “famosos” estão presos, vai virar boneco no Carnaval de Olinda.

Vai virar Boneco de Olinda.

A Polícia Federal aceitou o pedido e autorizou a ‘Embaixada dos Bonecos Gigantes de Olinda’ a confeccionar a réplica do policial.

O boneco gigante, que vai pesar uns 20 quilos e medir mais de 2 metros, vai vestir a farda e o colete da PF.

*

A Lava Jato é uma festa só.

O Blog já postou a marchinha de frevo sobre as contas na Suíça do presidente da Câmara, Eduardo Cunha.

6 de janeiro de 2016 às 7:25

Brasileiro tira a roupa e desfila pelado no Vaticano [0] Comentários | Deixe seu comentário.

Tinha que ser Brasil…

Eita país sem jeito. Até nisso…

Da Veja Online:
Brasileiro fica pelado na Basílica de São Pedro
  
Um homem tirou a roupa dentro da Basílica de São Pedro, no Vaticano, na última segunda-feira e nesta quarta a imprensa italiana revelou que ele é brasileiro. Segundo o jornal italiano Corriere della Sera, trata-se de um paulista de 44 anos que chegara poucos dias antes a Roma. Após ter superado o forte esquema de segurança na igreja, o indivíduo – que é enfermeiro, mas não teve sua identidade revelada – ficou completamente nu, levando apenas uma mochila nas costas e um par de tênis nos pés.
Sem roupa, ele começou a gritar, até ser contido pela polícia do Vaticano, que o imobilizou. De acordo com a polícia, o brasileiro estava em “estado de confusão” e foi levado para a ala psiquiátrica de um hospital vizinho. Logo após o incidente, o vice-diretor da sala de imprensa da Santa Sé, padre Ciro Benedettini, chegou a dizer que o homem era um “sem-teto”.