Thaisa Galvão

28 de abril de 2016 às 16:24

Deputados aprovam remanejamento de 6% no orçamento do Estado [0] Comentários | Deixe seu comentário.

Depois de aprovado na Comissão de Constituição e Justiça, a Assembleia Legislativa aprovou o percentual de mais 6% para remanejamento de recursos no orçamento do governo do Estado.

O limite que é de 10% já foi ultrapassado pelo governo e o governador Robinson Faria encaminhou à Assembleia nova proposta de mais 10%.

A CCJ fechou em 6% e o plenário aprovou.

Votaram contra os deputados Kelps Lima (SD), Gustavo Fernandes (PMDB) e Álvaro Dias (PMDB).

Ex-líder do governo na AL, o deputado Fernando Mineiro (PT) não estava na Casa e não votou.

O deputado José Dias (PSDB) questionou o trâmite na CCJ, justificando que teria que ter tramitado na Comissão de Finanças, mas votou favorável ao pedido do governo.

28 de abril de 2016 às 15:07

Promessa de Temer ao PSDB, fim de reeleição para presidente, governador e prefeito pode valer já para 2018 [0] Comentários | Deixe seu comentário.

O vice-presidente Michel Temer pode encaminhar ao Congresso projeto de lei acabando com a reeleição no Executivo já valendo para 2018.

O que inviabilizaria sua própria reeleição, caso o impeachment de Dilma Rousseff seja aprovado e ele assuma o governo.

O projeto foi a promessa de Temer ao PSDB para ganhar apoio do partido ao impeachment.

Caso o projeto vá além da promessa e seja aprovado no Congresso, Temer não poderá ser reeleito.

Assim como os governadores que cumprem atualmente o primeiro mandato.

Os prefeitos eleitos em outubro próximo também não poderão buscar o segundo mandato.

Na semana passada, uma coluna do Globo publicou nota dizendo que o projeto de fim da reeleição pode ser votado ainda no primeiro semestre.

28 de abril de 2016 às 7:46

Em Brasília, Jaime Calado e Zenaide Maia cobram pressa na liberação de recursos para São Gonçalo [1] Comentários | Deixe seu comentário.

O prefeito de São Gonçalo do Amarante, Jaime Calado, foi ontem ao gabinete da atual ministra das Cidades, Inês Magalhães. Acompanhando da deputada federal Zenaide Maia e do secretário municipal de Infraestrutura, Alessandro Gaspar, Jaime tratou com a ministra sobre liberação de recursos de obras importantes e em execução no município, tocadas em parceria com o governo federal.
Jaime pediu pressa no repasse dos recursos da construção do novo sistema de abastecimento de água, no valor de R$ 83 milhões, e das obras de relocação do loteamento Padre João Maria, orçadas em R$ 29 milhões, destinados pelo Orçamento Geral da União (OGU).

Também solicitou repasse de R$ 4 milhões de contrapartida do município. 

No encontro também foram tratados da liberação dos recursos de emendas parlamentares destinadas pelo ex-deputado federal João Maia e pela deputada Zenaide, para pavimentação de ruas no município.
Depois do Ministério das Cidades o prefeito e a deputada foram ao presidente do Fundo Nacional de Desenvolvimento da Educação, FNDE, Gastão Vieira, tratar da liberação de recursos para obras de três creches do Pró-infância em execução em São Gonçalo e de três quadras cobertas, sendo duas com obras já iniciadas.  
“Estamos em Brasília cumprindo essa agenda de audiências e contamos com o apoio do gabinete da deputada federal Zenaide Maia. Viemos na busca de liberação de recursos para que obras importantes, já iniciadas, e outras possam ser tocadas e que não haja atrasos. Fomos muito bem recebidos nos encontros e obtivemos as garantias de empenho na liberação de repasses”, informou Jaime Calado.  
O prefeito saiu das audiências otimista, mas, certamente consciente que dificilmente terá os  pedidos atendidos.

Mas, como prefeito fez a sua parte.

Se reconhecer o desgaste que a deputada Zenaide Maia enfrentou para apoiar a permanência de Dilma no governo, a presidente Dilma Rousseff dá uma canetada ainda hoje liberando os recursos para São Gonçalo.

  

28 de abril de 2016 às 7:29

IDE: Antes de assumir Educação, Cláudia Santa Rosa apresenta resultados de campanha pela valorização da escola pública [0] Comentários | Deixe seu comentário.

Ela não diz que sim nem que não, e desconversa sobre o assunto, até mesmo quando questionada sobre um encontro ontem com o governador Robinson Faria, mas Cláudia Santa Rosa assumirá, nos próximos dias, a titularidade da Secretaria Estadual de Educação.

Na entrevista já agendada há alguns dias, a diretora executiva do IDE – Instituto de Desenvolvimento da Educação –  fala sobre o resultado de mais uma etapa da campanha “Aqui a Gente Aprende”. 

Com esse slogan, a campanha publicitária, parceria do IDE com o Instituto C&A, tem coletado críticas e sugestões em todo o Estado sobre a escola pública, e transformado os contatos da sociedade em rico material encaminhado às autoridades competentes.

Autoridades às quais Cláudia se integrará nos próximos dias, se afastando temporariamente da Ong referência em Educação no Rio Grande eo Norte

A campanha, em curso desde o final do ano passado, apresenta personagens reais que trazem nas suas próprias histórias exemplos de que a escola pública de qualidade é possível. 

A mensagem é acompanhada pela oferta de canais de comunicação, para que as pessoas possam falar sobre a escola: pelo 0800-887-0484, via WhatsApp (98127-0484) ou ainda por meio do falesobreaescola.org.br.
Cláudia conta ao Blog os resultados já conquistados pela iniciativa e quais situações têm motivado mais contatos da sociedade. 

O período de avaliação ainda está por vir, mas a estruturação das escolas e a valorização dos profissionais da Educação já aparecem como campeões de abordagem pelos canais disponíveis.

 

*
Como foi pensada a campanha?


Nossa ideia foi a de apresentar histórias reais bem-sucedidas de escolas públicas no Rio Grande do Norte para mostrar à sociedade local que é possível, sim, termos escolas públicas de qualidade e convocar essas pessoas a colaborarem com a sua construção.

 
Como a mensagem está sendo propagada?

A campanha nasceu a partir dos vídeos que foram produzidos com os personagens e que ganharam grades de emissoras públicas e privadas. Contamos com grandes parceiros privados, a exemplo de veículos de comunicação, e públicos, como o Governo do Estado, a Assembleia Legislativa, a Câmara Municipal de Natal e a Prefeitura de Parnamirim, todos despostos a multiplicar a mensagem da campanha. Ganhamos também as ruas com peças em ônibus e a internet, por meio das redes sociais.

 
Qual tem sido a reação das pessoas?

Muito positiva! Primeiro porque estamos mostrando o lado pouco apresentado da escola pública, as boas histórias. Positiva também pelo retorno por meio dos canais de comunicação que disponibilizamos, convidando a sociedade a “falar sobre a escola”. Estamos com um 0800, um número de WhatsApp, nossa página na internet e perfis em redes sociais. Contatos de várias faixas etárias, de vários níveis sociais.
 

O que as pessoas mais têm falado ou sugerido?

A estruturação das escolas e a valorização dos profissionais da Educação são, até o momento, os contatos mais recorrentes. O atraso no início do ano letivo em algumas escolas também motivou essa procura. Porém, boas ideias também chegaram até nós, sugestões ricas, para aproximar a comunidade da escola. Tanto as críticas quanto às sugestões chegam às autoridades responsáveis.

 
O IDE vai cobrar o cumprimento do que está sendo encaminhado?

Confiamos na sensibilidade dos gestores em absorver essas críticas e sugestões e considerá-las na formulação das suas agendas. Agora, o IDE sempre exerceu o controle social e diante de informações tão preciosas, o Instituto ganha ainda com mais conhecimento para se somar a essas vozes da sociedade.

 
Esse é o primeiro passo após o final da campanha?

Também. Vamos concluir essa primeira fase da campanha, avaliar os resultados obtidos, as críticas e sugestões apresentadas, mas também buscar outras iniciativas parecidas. Foi uma ação inédita, a partir de uma provocação de um grande parceiro do IDE, o Instituto C&A, e a repercussão em torno dessa escola pública de qualidade nos motiva a criar outras dinâmicas que reforcem essa possibilidade.
  
Do Blog – Assumindo a Secretaria de Educação, Cláudia Santa Rosa terá em mãos um estudo que, para ser realizado, envolveu verdadeiramente a sociedade. A campanha do IDE ouviu pais, alunos, professores, gestores e a população em geral.

28 de abril de 2016 às 6:51

Vice Olímpio Maciel e ex-prefeita Marília visitam presidente da Assembleia Ezequiel Ferreira e pedem ações de governo para Macaíba [0] Comentários | Deixe seu comentário.

O vice-prefeito de Macaíba, médico Olímpio Maciel, foi ontem ao gabinete do presidente da Assembleia Legislativa.
Foi pedir para o presidente intermediar junto ao governo ações como segurança pública para o município, principalmente para os distritos que integram a Região Metropolitana. 
“Nosso mandato está sempre à disposição da população. Macaíba é uma importante cidade da Grande Natal e em nome da comunidade, estamos sempre lembrando às instâncias competentes das demandas do município. Posso citar de imediato a retomada das obras de BR-304 (Reta Tabajara) recuperação da rodoviária de Macaíba e o recapeamento asfáltico na RN-116, ligando Macaíba e São Gonçalo do Amarante”, lembrou o deputado.

Mas….o que chamou atenção na visita, foi a companhia do vice-prefeito: a ex-prefeita Marília Dias.

Aliás, os dois tem sido vistos com frequência e Marília já conta com o apoio do vice do atual prefeito Fernando Cunha, à sua eleição.

Marília foi prefeita e já oficializou sua pré-candidatura para retornar à Prefeitura.

E o nome do vice de Cunha é o mais cotado para ser o vice de Marília.