Thaisa Galvão

1 de janeiro de 2017 às 19:39

Henrique Alves foi ausência sentida na posse do prefeito Carlos Eduardo e do vice Álvaro Dias [0] Comentários | Deixe seu comentário.

Além de representante do governo, outra ausência sentida na posse do prefeito Carlos Eduardo, que assume o quarto mandato cono prefeito de Natal, foi do presidente do PMDB Henrique Alves.
Henrique e Carlos nunca se bateram.

Mas foi durante a gestão de Henrique na presidência da Câmara que os dois deixaram de ser primos-desafetos para virarem irmãos siameses.
Carlos assumiu o terceiro mandato com o dinheiro para obras da Copa já autorizado pelo governo federal à ex-prefeita Micarla de Sousa, porém, sem um centavo para as contrapartidas garantindo a liberação.
Henrique usou de sua influência como presidente da Câmara e o dinheiro apareceu, e as obras foram executadas…
Ano passado Henrique bateu o pé.

Queria a contrapartida por já ter conseguido as contrapartidas para a capital.

E indicou, na chapa de reeleição de Carlos Eduardo, o deputado do PMDB, Álvaro Dias, para ser o vice.
Mas Henrique não foi à posse…

Do PMDB-indicador, estava lá o senador Garibaldi Filho.

Foto Kalina Veloso

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

*