Thaisa Galvão

26 de janeiro de 2017 às 17:47

Caso Ives Gandra seja acatado para ocupar vaga de Teori no STF, ministro potiguar Emmanoel Pereira assumirá presidência do TST [0] Comentários | Deixe seu comentário.

Presidente do Tribunal Superior do Trabalho, o ministro Ives Gandra Filho é hoje o nome da vez para assumir a vaga deixada pelo ministro Teori Zavascki no STF.
Mas Gandra vem sofrendo críticas por causa de um artigo antigo considerado retrógrado…
Na linha de defesa de Gandra está a ex-corregedora nacional de Justiça, Eliana Calmon, que classifica como “maldade” as críticas feitas ao presidente do TST.

“Ele não é corporativista, não é amigo de ninguém. É institucional”, disse Eliana Calmon sobre Ives Gandra Filho.
Caso vingue a indicação de Ives Gandra, que não é apoiado por políticos nem é filiado a partido nenhum, o Rio Grande do Norte terá a presidência do Superior Tribunal do Trabalho.
É que o vice do TST, que assumiria com a possível saída de Gandra, é o ministro potiguar Emmanoel Pereira.

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

*