Holiday

Thaisa Galvão

19 de junho de 2017 às 3:13

Mais uma baixa no governo Temer [0] Comentários | Deixe seu comentário.

A semana começa prevendo mais uma baixa no combalido governo Michel Temer.
Dono da editora Geração Editorial, o recém-eleito presidente do comitê de investimentos do FI-FGTS, o bilionário fundo que aplica em infraestrutura dinheiro do FGTS (Fundo de Garantia do Tempo de Serviço) dos trabalhadores, Luiz Fernando Emediato deve renunciar.
O jornalista entrou no comitê do fundo por indicação da Força Sindical, e foi apontado por delatores como uma das pessoas que receberam propina.
Emediato está sob investigação desde que Fábio Cleto, vice-presidente da Caixa que tinha assento no comitê do FI-FGTS, fechou acordo de delação premiada e apontou como líder do esquema de corrupção no fundo o ex-deputado Eduardo Cunha (PMDB-RJ), que está preso em Curitiba.

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *


*