Thaisa Galvão

20 de setembro de 2017 às 14:04

Deputado Nelter Queiroz apresenta título de ‘persona non grata’ para procuradora do MPT [1] Comentários | Deixe seu comentário.

O deputado Nelter Queiroz (PMDB) apresentou, na Assembleia Legislativa, título de “persona non grata” para a procuradora Regional do Trabalho Ileana Neiva Mousinho.

Ileana é a responsável pela ação do Ministério Público do Trabalho (MPT) contra o Grupo Guararapes Confecções.

“Essa ação pública arbitrária movida pelo Ministério Público do Trabalho é um duro golpe contra o modelo produtivo que emprega cerca de quaro mil pessoas no Rio Grande do Norte. Portanto, essa resolução que apresento é em solidariedade a esses trabalhadores, empregados em 62 facções localizadas em municípios das regiões do Seridó e do Vale do Açu”, disse Nelter no plenário da Assembleia, sobre a ação que cobra indenização coletiva no valor de 37 milhões feita pelo MPT à empresa potiguar.

A queda de braço entre o MPT e a Guararapes já rendeu audiência pública em São José do Seridó, nota do MPT, postagens do empresário Flávio Rocha e do executivo da Guararapes, Jairo Amorim, acusando a procuradora Ileana Mousinho de perseguir a empresa, nota de desagravo da Associação dos Procuradores do Trabalho em solidariedade a Ileana…e o título apresentado por Nelter e subscrito pelos deputados Galeno Torquato (PSD) e Albert Dickson (PROS).

“Querem que o trabalhador das facções tenha salários e direitos iguais aos da Guararapes, o que não vai acontecer pelo tipo de trabalho que eles exercem, causando o fechamento dos postos de trabalho no Estado”, explicou Nelter na sessão de ontem.

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

*