Thaisa Galvão

1 de maio de 2018 às 14:05

Raquel Dodge pede condenação de Lula, Gleisi Hoffman, Paulo Bernardo, Palocci, Dall’agnol e Marcelo Odebrecht [0] Comentários | Deixe seu comentário.

Lula, a senadora Gleisi Hoffmann e o marido Paulo Bernardo, Antônio Palocci, Leones Dall’agnol e o empresário Marcelo Odebrecht foram denunciados pela Procuradoria Geral da República.

A denúncia foi apresentada ontem por corrupção ativa e passiva e lavagem de dinheiro.

Se o ministro Edson Fachin, relator da Operação Lava Jato no Supremo Tribunal Federal (STF), acatar, os seis passarão a responder a processo no STF na condição de réus.

O ex-presidente Lula, já condenado a 12 anos, está preso.

Gleisi é presidente do PT.

O marido Paulo Bernardo foi ministro do governo Lula.

Palocci foi ministro dos governos Lula e Dilma e está preso.

Dall’agnol foi chefe de gabinete da Casa Civil da Presidência da República.

Marcelo estava preso em Curitiba e se mantém em prisão domiciliar.

Na denúncia, a procuradora-geral Raquel Dodge pede:

-Condenação de Lula, Paulo Bernardo, Palocci e Dall’agnol por corrupção passiva

-Condenação de Gleisi por lavagem de dinheiro

-Condenação de Marcelo Odebrecht, por corrupção ativa

-Pagamento, por Lula, Bernardo e Palocci, de R$ 40 milhões e outros R$ 10 milhões a título de reparação de danos, material e moral coletivo

-Pagamento, por Gleisi, Paulo Bernardo e Dall’agnol, de R$ 3 milhões como ressarcimento pelo dano causado ao erário.

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

*