Thaisa Galvão

31 de maio de 2018 às 23:50

Prefeito quer se comunicar [0] Comentários | Deixe seu comentário.

As mudanças na Prefeitura de Natal não devem se resumir aos cargos dos vereadores e à Secretaria de Saúde.

O que se escuta junto ao prefeito Álvaro Dias (MDB) é que pouca gente sabe que ele é o prefeito de Natal, daí a necessidade de se comunicar…

Por isso já se fala em mudanças na Comunicação.

Há quem diga que o prefeito Álvaro anda muito incomodado com tanto silêncio.

31 de maio de 2018 às 23:48

Prefeito Álvaro Dias começará remontagem de sua base na Câmara na segunda-feira [0] Comentários | Deixe seu comentário.

Os vereadores aliados do prefeito Álvaro Dias (MDB) vão ser chamados para conversar a partir de segunda-feira.

Pelos menos nos 3 primeiros dias da próxima semana a agenda de Álvaro reservará espaços para vereadores.

A intenção é alinhar a nova base aliada ao estilo do atual prefeito.

31 de maio de 2018 às 12:01

Nina Souza tem sido escanteada da função de líder do prefeito Álvaro Dias na Câmara [0] Comentários | Deixe seu comentário.

Líder do prefeito Álvaro Dias (MDB), a vereadora Nina Souza (PDT), deixada na função pelo ex-prefeito Carlos Eduardo Alves (PDT), pode deixar a base do governo…

O nome de Nina é um dos possíveis mais dois ou três que deverão deixar a base, mesmo ela sendo hoje, de fato, a líder do prefeito.

Nina ainda não se pronunciou sobre o assunto, nem dentro nem fora da Câmara, mas quem acompanha o movimento político dentro da casa legislativa em Natal, presencia que a liderança do prefeito hoje é exercida, na real, pelo vereador Paulinho Freire (PSDB), que em janeiro do próximo ano assumirá a Presidência da Casa.

Álavaro tem recorrido a Paulinho para tratar da boa relação do Executivo com a Câmara.

Nina tem ficado cada vez mais distante dessa interlocução.

Nina se apresentou como pré-candidata do PDT a deputada estadual.

É o único nome na “nominata” do partido.

E isso não tem agradado Álvaro, que tem como pré-candidato a deputado estadual, o filho Adjuto Dias (MDB).

31 de maio de 2018 às 11:57

Nina se mantém fiel à base, vota pela manutenção do aumento da passagem de ônibus e recebe ameaça de morte [0] Comentários | Deixe seu comentário.

Apesar de estar distante da interlocução entre a Prefeitura de Natal e a Câmara, a líder do prefeito Carlos Eduardo…ops…Álvaro Dias (MDB), vereadora Nina Souza (PDT), se mantém fiel ao prefeito e ontem votou a favor do aumento da passagem de ônibus, mantendo o decreto da Prefeitura que reajustou a tarifa de R$ 3,35 para R$ 3,65.

Por ter se mantido fiel à base, Nina chegou a ser ameaçada dentro do plenário.

Um homem que acompanhava a sessão polêmica na Câmara, teria gritado que iria ‘matar’ a vereadora.

O homem integrava um grupo que defendia a revogação do reajuste.

Após a ameaça e xingamentos, o rapaz foi contido por populares e a vereadora passou mal e foi levada às pressas para o hospital.

“É lamentável que a primeira mulher a assumir a posição de líder de um prefeito em Natal sofra tamanha ameaça. Tenho orgulho do trabalho que a Câmara Municipal tem feito a favor de Natal, e não será nenhum ato machista que vai me intimidar”, disse a vereadora.

31 de maio de 2018 às 11:36

Prefeitura de Natal exonera 182 cargos indicados por vereadores e acena com reordenamento da base do prefeito Álvaro Dias [0] Comentários | Deixe seu comentário.

E o Diário Oficial do Município pegou fogo neste feriado de Corpus Christi.

Foram 182 exonerações de cargos comissionados em 20 setores da Prefeitura de Natal.

Todos cargos indicados por vereadores, aliados ou não do prefeito Álvaro Dias (MDB).

Alguns dos exonerados disseram ao Blog que foram informados sobre uma “readequação” de cargos, e que o retorno ao trabalho seria rápido.

Mas o que poderá estar por trás de tantas exonerações?

Ponto 1: o prefeito é outro.

Embora tente se impor à Prefeitura de Natal a imagem do ex-prefeito Carlos Eduardo Alves (PDT), que renunciou para ser candidato a governador, o prefeito de fato e de direito é Álvaro Dias (MDB).

E ele deve estar refazendo, junto aos vereadores, a sua base.

Base importante para os projetos políticos, não mais de Carlos Eduardo, que não é mais prefeito, mas do próprio Álvaro, que em 2018 tem apenas um projeto político: a eleição do filho Adjuto Dias (MDB) para deputado estadual

Ponto 2: a readequação da base política do governo na Câmara.

Hoje, dos 29 vereadores, 23 são aliados do prefeito

Até ontem eram 24, mas com o rompimento com o vereador Dinarte Torres (PMB) o número caiu.

E, propositadamente, deve cair mais.

Fala-se que a intenção é que pelo menos mais dois vereadores deixem a base do prefeito, deixando para o prefeito, sem precisar da indicação de vereadores, mais cargos para serem ocupados por pessoas do próprio prefeito.

A base cai sem o prefeito perder a maioria, e o prefeito abre espaços para mais aliados dele.

Ponto 3: os vereadores, aliados ou não, que perderam cargos na Prefeitura, serão chamados para uma conversa com o prefeito.

Exatamente para que eles entendam que a base tem que ser do prefeito Álvaro, e não do “prefeito Carlos Eduardo”.

*

Confira abaixo os números de exonerados em cada órgão do Município de Natal.

Os vereadores-padrinhos dos cargos foram informados pelo chefe da Casa Civil da Prefeitura, o vereador licenciado Kleber Fernandes (PDT), que o que está acontecendo é um reordenamento da base.

Saúde – 5

STTU – 7

Secretaria de Governo – 2

Educação – 10

Turismo – 3

Semurb – 28

Semtas – 7

Secretaria da Mulher – 1

Semsur – 18

Semov – 7

Administração – 25

Defesa Social – 11

Esporte – 24

Habitação – 3

Comunicação – 6

Procon – 1

Procuradoria – 3

Natalprev – 11

Funcarte – 5

Gabinete do Prefeito – 5

31 de maio de 2018 às 10:43

Vereador Dinarte Torres disse que perdeu os cargos porque votou contra o aumento da passagem de ônibus [2] Comentários | Deixe seu comentário.

E ontem o vereador Dinarte Torres (PMB), pré-candidato a deputado estadual, disse, em entrevista ao Jornal da Noite/95, que foi pressionado para votar favorável ao decreto que reajusta a tarifa de transporte coletivo de Natal, mas não topou…

E os 6 cargos comissionados indicados por ele na gestão Carlos Eduardo Alves (PDT), foram exonerados.

O PMB de Dinarte já se posicionou politicamente pela reeleição do governador Robinson Faria (PSD), mas o parlamentar disse não acreditar ter sido esse o motivo da reeleição.

O aumento das passagens, para Dinarte, foi o motivo.