Thaisa Galvão

1 de junho de 2018 às 23:12

Eleições suplementares no RN: Saiba quem vai disputar mandatos de prefeito e vice no domingo [0] Comentários | Deixe seu comentário.

Domingo terá eleições suplementares no Rio Grande do Norte, para escolha de prefeitos e vice-prefeitos nos municípios de João Câmara, Pedro Avelino, Galinhos, Parazinho e São José do Campestre.

O Tribunal Regional Eleitoral determinou a realização de novo pleito nos municípios onde os prefeitos foram cassados, mesmo eles tendo ainda direito a recurso.

E o que é possível acontecer?

Prefeito eleito neste domingo tomar posse…e perder o cargo caso a justiça devolva o cargo aos cassados.

A votação terá início às 8 horas e seguirá até s 17h, quando terão início as apurações.

Veja quem são os candidatos:

JOÃO CÂMARA

PSD/PP

Prefeita: Joserlania Jorlany Leite do Nascimento

Vice: Raimundo Antunes de Miranda

*

DEM

Prefeito: Manoel dos Santos Bernardo

Vice: Anna Katharina Bandeira da Costa Dias Almeida

PEDRO AVELINO

PRB
Prefeito: Francisco Hélio de Araújo (Chico Hélio)

Vice: Rodrigo Cavalcanti Contreras (Dr. Rodrigo)

*

MDB/PSD

Prefeito: José Alexandre Sobrinho (Alexandre Sobrinho)

Vice: Elson Batista da Trindade (Elson Trindade)

GALINHOS

PRB/PMDB
Prefeito: Mário Hélison da Silva Lima

Vice: Francisco Caetano Júnior

*

PR/PTB

Prefeito: Francinaldo Silva da Cruz

Vice: Ivone Lima Bezerra da Rocha

PARAZINHO

PMN/PR
Prefeito: Carlos Veriano de Lima

Vice: Marcos Antônio de Oliveira

*

DEM
Prefeito: Atiliano Carlos de Souza

Vice: Francisca Bezerra do Nascimento e Silva

SÃO JOSÉ DE CAMPESTRE

MDB e PHS
Prefeito: Joseilson Borges da Costa (Neném Borges)
Vice: Eribaldo Lima

*

PRB/PSB

Prefeito: Régio Luciano Xavier Alves

Vice: Afrísio Marinho dos Santos Neto

1 de junho de 2018 às 21:55

Confira sentença que diz que Henrique só deverá cumprir pena após trânsito em julgado da decisão do juiz Vallisney de Souza [0] Comentários | Deixe seu comentário.

A pena imposta ao ex-deputado Henrique Alves, de 8 anos e 8 meses de prisão por lavagem de dinheiro, deverá ser cumprida só após o trânsito em julgado da sentença expedida hoje pelo juiz Vallisney de Souza Oliveira.

CLIQUE AQUI para conferir a íntegra da condenação do ex-deputado Henrique Alves, publicado em primeira mão pelo site O Antagonista.

1 de junho de 2018 às 21:48

Henrique é condenado a 8 anos e 8 meses por lavagem de dinheiro e é absolvido da acusação de corrupção [0] Comentários | Deixe seu comentário.

De O Globo:

Justiça condena Cunha e Henrique Alves por desvios na Caixa

Ex-presidentes da Câmara terão também que pagar multa à União

POR JAILTON DE CARVALHO

BRASÍLIA – O juiz Vallisney de Souza Oliveira, da 10ª Vara Federal de Brasília, condenou os ex-presidentes da Câmara Eduardo Cunha e Henrique Eduardo Alves no processo em que os dois foram denunciados por desvios de dinheiro do Fundo de Investimento (FI) do FGTS (Fundo de Garantia por Tempo de Serviço), administrado pela Caixa Econômica Federal. Cunha foi condenado a 24 anos e dez meses de prisão pelos crimes de corrupção, lavagem de dinheiro e violação de sigilo funcional.

Henrique Eduardo Alves foi condenado a oito anos e oito meses de prisão por lavagem de dinheiro. Henrique Alves foi absolvido pelo suposto crime de corrupção.

Vallisney determinou ainda que Cunha devolva à União R$ 7 milhões a título de reparação de danos causados aos cofres públicos.

Henrique Eduardo Alves terá que pagar R$ 1 milhão.

Um das bases da condenação diz respeito ao desvios de dinheiro destinado às obras do Porto Maravilha, no Rio de Janeiro. Odebrecht, OAS e Carioca Engenhariam teriam acertado o pagamento de mais de R$ 50 milhões para Cunha, conforme a delação do empresário Ricardo Pernambuco.

As obras foram financiadas com recursos do FGTS que, por lei, deve ser aplicado prioritariamente em saneamento básico.

No mesma decisão, o juiz condenou o delator Fábio Ferreira Cleto a nove anos e oito meses de reclusão, também em regime fechado. O operador financeiro Lúcio Bolonha Funaro, ex-cúmplice de Cunha, foi condenado a oito anos e dois meses. Funaro foi condenado inicialmente a 24 anos e oito meses. Mas como colaborou com as investigações, teve a pena reduzida em dois terços. Como resultado da delação, poderá ainda cumprir a pena em prisão domiciliar. Cleto também foi beneficiado com a redução em dois terços da pena. Vallisney também condenou outro delator, Alexandre Rosa Margoto, a quatro anos de prisão em regime aberto.

As investigações tiveram início a partir de uma operação da Procuradoria-Geral da República que tinha Cunha como um dos alvos centrais. Depois da descoberta da estrutura de desvios de dinheiro do FI-FGTS, Funaro, Cleto e Morgoto fizeram acordo de colaboração e reforçaram as acusações contra Cunha e Henrique Alves. Pelas informações dos delatores, Cunha e Henrique Alves indicaram Fábio Cleto para a vice-presidência de Fundos de Governo e Loterias da Caixa, numa manobra coordenada por Funaro. A partir da cargo, Cleto passou a facilitar a concessão de financiamento a algumas empresas, conforme interesse dos grupo.

Na decisão, o juiz relembra que, pelo acerto inicial entre eles, 80% da propina obtida nas transações com dinheiro do Fi_FGTS era destinada a Cunha. Os 20% restantes eram partilhados entre Funaro (12%), Cleto (4%) e Margoto (4%). Henrique Alves foi acusado de receber, por indicação de Cunha, mais de R$ 1,6 milhão em contas na Suíça. Mas como não foi comprovada vínculos dele com decisões relacionadas diretamente com os desvios investigados na Caixa, o ex-deputado acabou se livrando do crime de corrupção.

1 de junho de 2018 às 12:01

Deputado Gustavo Fernandes reforça aliança com o vereador Aroldo Alves [0] Comentários | Deixe seu comentário.

Assessoria do deputado estadual Gustavo Fernandes (PSDB) garante:

O parlamentar tem o apoio do vereador Aroldo Alves (PSDB).

Ontem Gustavo comemorou com Aroldo o aniversário dele.

Aroldo, o governadorável Carlos Eduardo, Gustavo e o prefeito de Natal, Álvaro Dias.

1 de junho de 2018 às 11:17

São José de Campestre: PHS diz que candidato se filiou dentro do prazo [1] Comentários | Deixe seu comentário.

Do PHS sobre o parecer do Ministério Público Federal, que considerou irregular a candidatura de Eribaldo Lima a vice-prefeito de São José de Campestre, por ter se filiado depois do prazo da Justiça Eleitoral que estabelece 6 meses antes da eleição:

Uma certidão da Justiça Eleitoral, segundo o presidente do partido, Leandro Prudêncio, que comprova a filiação de Eribaldo dentro do prazo.

1 de junho de 2018 às 7:27

As fotos de um país civilizado e de uma cidade que não tem controle sobre o trânsito [0] Comentários | Deixe seu comentário.

A foto original é esta acima e foi feita em 1991, na Alemanha.

E em três tempos mostrou o espaço que se economiza quando se deixa o carro em casa e faz opção pela bicicleta ou pelo transporte público.

A imagem da esquerda mostra pedestres e ciclistas.

A do meio, a quantidade de ciclistas é a mesma de motoristas de carros.

E a da direita, a mesma quantidade de pessoas que estaria em um carro, cada, está dentro de um ônibus.

A foto mostra como se fazer para não encher as cidades e fazer fluir o trânsito.

Claro que para se chegar a isso as cidades tem que ter coisinhas básicas:

-Transporte público de vergonha

-Ciclovias

Ontem as fotos que farão parte de uma montagem que deverá rodar o mundo, foram feitas em Natal.

Iniciativa do especialista em transporte e trânsito, professor da UFRN, Rubens Ramos.

As fotos foram feitas por Canindé Soares, que usou drone.

O lugar escolhido foi a Via Costeira.

Veja as fotos de Canindé:

Detalhe: a secretária da STTU Elequicina Santos participou da foto.

Responsável pelo trânsito de Natal, ela sabe mais do que ninguém, que o transporte público de Natal é péssimo e não permite que a população deixe o carro em casa.

E sabe ainda mais que nunca interessou à Prefeitura fazer uma licitação no setor.

E sabe também que a cidade não tem ciclovias suficientes para fazer com que as pessoas troquem o carro pela bicicleta.

A secretária Elequicina foi só fazer pose…pra foto.

1 de junho de 2018 às 1:47

Vereador do PSDB, Aroldo Alves comemora aniversário com o governadorável Carlos Eduardo [0] Comentários | Deixe seu comentário.

Aniversariante desta quinta-feira, o vereador Aroldo Alves comemorou com missa em ação de graças, bolo, parabéns…e política.

À missa celebrada pelo Padre Fábio Pinheiro, na Paróquia dos Santos Mártires de Cunhaú e Uruaçú, no bairro de Nazaré, estiveram presentes o prefeito de Natal, Álvaro Dias (MDB) e o ex, Carlos Eduardo Alves (PDT).

Também o deputado estadual Gustavo Fernandes (PSDB), o vereador Ubaldo Fernandes (PTC) e o vereador licenciado, chefe da Casa Civil da Prefeitura, Kléber Fernandes (PDT)…

Aroldo não definiu seu candidato a governador, e diz que nunca foi procurado pelo seu partido para tratar do assunto.

Sobre a declaração do colega vereador e presidente do PSDB/Natal, Dickson Júnior, de que o candidato é o vice-governador Fábio Dantas (PSB), Aroldo considera uma posição pessoal de Dickson, e não do partido.

O que o Blog apurou foi que Aroldo ficou foi feliz com a presença do governadorável Carlos Eduardo em seu aniversário.

E a presença de Álvaro sinalizou: vai continuar tudo bem entre o prefeito e o vereador, e os cargos indicados por Aroldo que foram exonerados, poderão ser nomeados.

Resta saber se para deputado estadual, o vereador Aroldo Aves vota em Gustavo Fernandes, que foi à missa ou em Adjuto Dias (MDB), filho-candidato do prefeito Álvaro.