Holiday

Thaisa Galvão

10 de janeiro de 2019 às 3:12

Servidores aceitam proposta de Fátima e pagamento de janeiro começa na sexta-feira [0] Comentários | Deixe seu comentário.

Depois de intensas reuniões com o Governo, o Fórum de Servidores, que não tinha aceitado receber parte do salário de janeiro neste dia 10, porque queria primeiro os salários restantes de 2018, decidiu aceitar a proposta do Governo.

Só que já passava das 10 da noite e os 30% que seriam pagos nesta quinta, ficaram para a sexta.

Governo e entidades sindicais chegaram a um acordo.

Pela nova proposta serão antecipados 30% do salário bruto dos ativos, inativos e pensionistas, exceto os servidores da segurança pública, que receberão os salários integrais na quarta-feira, dia 16, e os órgãos que têm arrecadação própria.

No dia 16 serão pagos os 70% restantes da folha de janeiro para quem ganha até R$ 3 mil.

No dia 31 serão pagos os 70% restantes aos ativos, inativos e pensionistas que ganham acima de R$ 3 mil e a folha integral dos servidores de órgãos com arrecadação própria.

 

A reunião desta quarta-feira foi conduzida pelo chefe do Gabinete Civil, Raimundo Alves, e pela secretária de Administração, Virgínia Ferreira.

Doze entidades sindicais estavam presentes.

“Quero destacar a responsabilidade dos representantes dos servidores, que vêm passando por muitas dificuldades, em função dos salários atrasados, mas reconhecem o esforço que nosso governo vem fazendo nesse período de transição. Encontramos o cofre vazio e um desequilíbrio financeiro violento. Mas, através de um processo amplo e transparente, chegamos a esse desfecho que é, ao mesmo tempo, o governo buscar a   regularização do pagamento dos servidores e firmar o compromisso de quitar os salários no menor tempo possível, de acordo com as condições das finanças do Estado, disse a governadora Fátima Bezerra.

O governo também assumiu o compromisso de quitar as folhas salariais em atraso obedecendo a ordem cronológica do passivo deixado pela administração anterior.

 

 

Fotos Ivanízio Ramos

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

*