Thaisa Galvão

19 de fevereiro de 2019 às 21:30

Raniere Barbosa é escolhido presidente da Comissão de Defesa do Consumidor da Câmara [0] Comentários | Deixe seu comentário.

Ex-presidente da Câmara Municipal de Natal, o vereador Raniere Barbosa (Avante) foi escolhido hoje, presidente da Comissão Permanente de Defesa do Consumidor, Uma das comissões temáticas da Casa.

“Eu escolhi a Comissão de Defesa do Consumidor porque me identifico com ela. Eu gosto de estar presente na vida da população. Tenho um trabalho de rua atuante junto à comunidade e a versatilidade da Comissão precisa de pessoas com essa experiência. Vou dar o máximo de mim para obter êxito nesta missão que me foi confiada”, disse o vereador, justificando a escolha.

Raniere também passa a integrar a Comissão de Planejamento Urbano, Transportes, Habitação e Assuntos Metropolitano.

“Sei que posso contribuir muito para essas comissões, com minha grande experiência em 11 anos de trabalho junto a população de Natal”, explicou o vereador.

19 de fevereiro de 2019 às 20:29

Senador Styvenson e deputado Girão levaram falta na audiência da governadora Fátima com o ministro Paulo Guedes [0] Comentários | Deixe seu comentário.

Dois parlamentares da bancada federal do Rio Grande do Norte levaram falta na audiência da governadora Fátima Bezerra com o ministro da Economia, Paulo Guedes: o senador Styvenson Valentim (Podemos) e o deputado Girão (PSL).

Acompanharam a governadora os senadores Jean-Paul Prates (PT) e Zenaide Maia (Pros), e os deputados Natália Bonavides (PT), Walter Alves (MDB), Benes Leocádio (PTC), Beto Rosado (PP), Rafael Motta (PSB), Fábio Faria (PSD) e João Maia (PR).

Fátima fez a Guedes uma explanação sobre a situação financeira do Rio Grande do Norte.

19 de fevereiro de 2019 às 18:03

Na leitura da mensagem na Câmara, prefeito Álvaro Dias diz que se sente confortável com os serviços funcionando e os salários em dia [0] Comentários | Deixe seu comentário.

O prefeito Álvaro Dias acaba de fazer a leitura de sua mensagem anual, abrindo o ano legislativo na Câmara.

Álvaro fez um balanço detalhado do trabalho que vem fazendo, ressaltou ações exclusivas de sua gestão para a zona Norte da capital, e disse que em 10 meses como prefeito titular, se sente confortável ao contabilizar que os serviços do Município estão funcionando e os servidores estão com os salários em dia.

Presidente da Câmara, Paulinho Freire recebeu Álvaro ao lado do procurador geral do Ministério Público, Eudo Leite, do vice-governador Antenor Roberto e do deputado estadual e ex-vereador Ubaldo Fernandes.

19 de fevereiro de 2019 às 17:23

Horas depois da morte de Karl Lagerfeld, Chanel anuncia nova diretora criativa da grife [0] Comentários | Deixe seu comentário.

Poucas horas depois da morte do estilista Karl Lagerfeld, a Chanel anuncia Virginie Viard como sua sucessora.

Lagerfeld era diretor criativo da grife famosa desde 1985 e foi o primeiro estilista famoso a substituir Coco Channel.

Aos 85 anos, Karl estava internado há duas semanas e faltou a alguns desfiles.

Virginie era o braço direito do estilista.

A causa da morte dele ainda não foi anunciada.

19 de fevereiro de 2019 às 17:07

Presidente da Caixa diz a Fátima que RN é cliente importante e quer ampliar parcerias com o Estado [0] Comentários | Deixe seu comentário.

A governadora Fátima Bezerra foi recebida hoje em Brasília pelo presidente da Caixa Econômica Federal, Pedro Guimarães.

Diretores do banco também participaram da audiência.

Acompanhada dos secretários de Planejamento, Aldemir Freire, e de Tributação, Carlos Eduardo Xavier, Fátima foi discutir parcerias entre o Governo do RN e a instituição financeira.

“O RN é um cliente muito importante para o banco e faremos todo o esforço para ampliar ainda mais essa parceria”, disse Guimarães.

Fotos Guia Dantasl

19 de fevereiro de 2019 às 14:59

Conversas desmentidas por Carlos Bolsonaro mostram firmeza do presidente e falta de afinação entre ele e o então ministro [0] Comentários | Deixe seu comentário.

As conversas do ex-ministro Gustavo Bebianno com o presidente Jair Bolsonaro, em áudios de whatsapp, que foram desmentidas pelo filho do presidente, Carlos Bolsonaro, não expõem em nada o presidente.

Muito pelo contrário.

Mostram firmeza do presidente em torno de assuntos que ele já tinha tomado posição.

Mas aí entrou o filho e jogou no ventilador.

Não precisava.

Sem espaço oficial no Planalto, o vereador Carlos Bolsonaro poderia ter levado o assunto – indigesto para a família – para um tête-à-tête com o pai presidente.

Que resolveria com o ex-ministro.

Mas o filho se tornou protagonista de uma história que não lhe cabia.

Expôs o pai e fragilizou o Governo.

Caberá a Bolsonaro decidir se vai governar sem interferência de filhos ou vai abrir espaço para os pimpolhos e se desgastar mais do que precisa.

Personagem de uma crise, o ex-ministro Gustavo Bebianno ficou sem espaço no Governo.

Primeiro pela discussão em público com o filho do presidente.

Agora porque foi exposto, pelo que foi conversado entre ele e o presidente, que os dois andavam mais em rota de colisão do que de afinação.

CLIQUE AQUI e volte a escutar os áudios e entender o que Bebianno e Bolsonaro discutiam.

19 de fevereiro de 2019 às 14:03

Escute: Áudios comprovam conversas entre Bebianno e Bolsonaro e desmentem filho do presidente [2] Comentários | Deixe seu comentário.

A revista Veja conseguiu, com exclusividade, os áudios que comprovam que o ex-ministro Gustavo Bebianno falou 3 vezes com o presidente Bolsonaro, quando ele estava no hospital.

Quando disse que tinha falado com o presidente, Bebianno foi desmentido pelo filho de Bolsonaro, o vereador do Rio de Janeiro, Carlos Bolsonaro.

Eis a transcrição das 3 conversas dos dois:

A primeira, a quando o presidente se queixou ao então ministro da reunião marcada com Paulo Tonet Camargo, o vice-presidente de Relações Institucionais do Grupo Globo.

“Gustavo, o que eu acho desse cara da Globo dentro do Palácio do Planalto: eu não quero ele aí dentro. Qual a mensagem que vai dar para as outras emissoras? Que nós estamos se aproximando da Globo. Então não dá para ter esse tipo de relacionamento. Agora… Inimigo passivo, sim. Agora… Trazer o inimigo para dentro de casa é outra história. Pô,  tem que ter essa visão, pelo amor de Deus, cara. Fica complicado a gente ter um relacionamento legal dessa forma porque  tá trazendo o maior cara que me ferrou – antes, durante, agora e após a campanha – para dentro de casa. Me desculpa. Como presidente da República: cancela, não quero esse cara aí dentro, ponto final. Um abraço aí.”

 

A segunda quando Bebianno envia ao presidente uma nota publicada por O Antagonista sobre uma viagem dele à Amazônia, com Ricardo Salles e Damares Alves. Bolsonaro não gosta da ideia:

“Gustavo, uma pergunta: “Jair Bolsonaro decidiu enviar para a Amazônia”? Não tô entendendo. Quem tá patrocinando essa ida para a Amazônia? Quem tá sendo o cabeça dessa viagem à Amazônia? Um abraço aí, Gustavo, até mais.”

 

A terceira quando Bolsonaro determina que a viagem à Amazônia não será realizada.

“Ô, Bebianno. Essa missão não vai ser realizada. Conversei com o Ricardo Salles. Ele tava chateado que tinha muita coisa para fazer e está entendendo como missão minha. Conversei com a Damares. A mesma coisa. Agora: eu não quero que vocês viajem porque… Vocês criam a expectativa de uma obra. Daí vai ficar o povo todo me cobrando. Isso pode ser feito quando nós acharmos que vai ter recurso, o orçamento é nosso, vai ser aprovado etc. Então essa viagem não se realizará, tá OK? Um abraço aí, Gustavo”

19 de fevereiro de 2019 às 13:38

Procurador diz que operador do PSDB guardava 100 milhões em dinheiro em dois imóveis de São paulo [0] Comentários | Deixe seu comentário.

O procurador Roberson Pozzobon disse hoje que o operador do PSDB, Paulo Vieira, conhecido como Paulo Preto, tinha um ‘bunker’ com o dobro de dinheiro do encontrado na Bahia com o ex-deputado Geddel Vieira.

Paulo Vieira tinha entre 100 e 110 milhões em dinheiro guardados em dois imóveis: uma casa e um apartamento, ambos em São Paulo.

Ele foi preso nesta terça-feira na 60ª fase da Lava Jato, suspeito de fornecer recursos em espécie para Odebrecht pagar propina.

O PSDB emitiu nota esclarecendo que não mantém nenhum vínculo com Paulo Preto e que os recursos recebidos pelo partido, em período eleitoral ou não, foram doados de maneira absolutamente legal e declarados à Justiça Eleitoral, respeitando a legislação vigente.

“Se nós formos levar em consideração, talvez o bunker de Paulo Preto tivesse o dobro do dinheiro do bunker de Geddel. O escárnio era tão grande que Adir Assad revelou que não conseguiu buscar todos os valores por si, então mandou emissários buscarem dinheiro nesse endereço de Paulo Preto”, disse o procurador, Roberson Pozzobon.

 

Ainda conforme Pozzobon, eram preciso cuidados com as notas, para não estragarem.

 

“E esses emissários falaram: olha, as vezes a gente ia buscar o dinheiro nesse apartamento, tinha um quarto só pra guardar notas de dinheiro. Só que como era um quarto úmido, algumas vezes a gente via Paulo Preto colocando as notas de reais pra tomar sol, porque senão elas emboloravam. Isso foi revelado por auxiliares do Adir Assad”, disse.

19 de fevereiro de 2019 às 13:28

O recado do procurador da lava-jato para o STF [0] Comentários | Deixe seu comentário.

Do procurador da Força Tarefa da lava-jato em Curitiba, Deltan Dallagnol, em suas redes sociais:

19 de fevereiro de 2019 às 12:11

Começa a campanha para sucessão de Donald Trump dos Estados Unidos [0] Comentários | Deixe seu comentário.

Começa nos Estados Unidos, a campanha para sucessão do presidente Donald Trump.

Hoje o senador americano Bernie Sanders anunciou em uma rádio de Vermont, que irá participar das prévias do Partido Democrata para concorrer à presidência dos Estados Unidos no próximo ano.

Em 2016 ele concorreu nas primárias do Partido Democrata e perdeu a nomeação para Hillary Clinton.

Sanders se elegeu senador independente pela primeira vez em 2008 e, posteriormente, em 2012.

19 de fevereiro de 2019 às 11:02

Maior e mais brilhante lua do ano será vista nesta terça-feira [0] Comentários | Deixe seu comentário.

Hoje é noite de super lua.

Noite em que a lua parece maior e estará mais próxima da terra.

A maior e mais brilhante lua cheia do ano ocorre nesta terça-feira.

Outra superlua ocorreu em janeiro, mas se apresentou um pouco mais distante da terra do que a prevista para esta noite.

19 de fevereiro de 2019 às 10:41

Lava-jato da Educação pode resgatar irregularidades encontradas pelo TCU em complexo de Miguel Nicolelis no RN [1] Comentários | Deixe seu comentário.

A lava-jato da Educação, anunciada na semana passada por governistas, deverá deixar o DEM de cabelo em pé, mas, principalmente o PT.

No Rio Grande do Norte vai ficar no ar a pergunta:

Aonde foram parar os milhões liberados pelo ministro Aloízio Mercadante (PT) para o neurocientista Miguel Nicolelis, que apresentou um mega-projeto no Rio Grande do Norte e depois desapareceu…?

Só para relembrar, leia reportagem da Folha publicada em setembro de 2016

 

TCU vê ‘irregularidades graves’ em complexo de Miguel Nicolelis

Giuliana Miranda

Colaboração para a Folha

Uma auditoria do TCU (Tribunal de Contas da União) encontrou “irregularidades graves” no megacomplexo científico Campus do Cérebro, no Rio Grande do Norte.

O projeto, idealizado pelo neurocientista brasileiro Miguel Nicolelis e orçado em R$ 247 milhões provenientes de recursos públicos, está com as obras paradas há mais de um ano.

O Campus do Cérebro já recebeu cerca de R$ 57 milhões. O objetivo era criar um grande polo de ciência, educação e saúde em Macaíba, no Rio Grande do Norte.

A falta de transparência na concepção e a ausência de rigor técnico no orçamento são alguns dos problemas apresentados na auditoria.

Para o TCU, o contrato que estabelece a criação do Campus do Cérebro não é claro em dizer o que é o complexo.

O documento diz também que o orçamento não teve suficiente embasamento técnico para justificar os valores e destaca que, em um intervalo de poucos dias, houve aumento de R$ 22 milhões – um salto de quase 10%.

O projeto era uma parceria entre UFRN (Universidade Federal do Rio do Norte), Ministério da Educação e Aasdap (Associação Alberto Santos Dumont para Apoio à Pesquisa, criada por Nicolelis).

Em 2003, essa “joint venture” havia sido bem sucedida, com a criação do Instituto Internacional de Neurociências de Natal. Liderado por Nicolelis, o IINN é o embrião e uma parte importante do Campus do Cérebro.

Uma forte divisão entre cientistas em 2011, porém, levou uma alteração nos rumos do projeto. Pesquisadores vinculados à UFRN se desligaram da iniciativa –alguns afirmaram publicamente que Nicolelis dificultava o acesso a equipamentos, entre outros problemas– e criaram um instituto de neurociências próprio para a universidade, o Instituto do Cérebro, dirigido por Sidarta Ribeiro.

Com a mudança na parceria com a UFRN, foi preciso um novo vínculo. A Aasdap, não poderia assinar o contrato de gestão por não ter a natureza jurídica adequada. No documento, ela é substituída pelo ISD (Instituto de Ensino e Pesquisa Alberto Santos Dumont), organização social com nome, funções e pessoal muito semelhantes à antecessora.

 

Segundo os técnicos do TCU, criou-se um cenário de sobreposição jurídica, em que várias funções, patrimônios e recursos da Aasdap e do ISD se confundiam. Para o tribunal, esse cenário pode causar dificuldades de fiscalização do dinheiro público.

O ISD mantém um posto de saúde que é referência em Macaíba, na região do Campus do Cérebro, e três centros de educação científica (dois no Rio Grande do Norte e um na Bahia) que atendem cerca de 1,4 mil alunos.

O contrato teria outros problemas. Em julho de 2014, ele foi publicado no “Diário Oficial” pelo MEC em apenas um parágrafo e omitindo o custo de R$ 247 milhões. O TCU pede que o MEC publique o documento na íntegra.

PATENTES

Pelo atual contrato de gestão, eventuais patentes geradas pertencerão apenas ao ISD, apesar dos recursos públicos. O TCU pede inclusão do poder público na partilha.

O complexo tinha previsão inicial de inauguração em 2015, depois adiada para o segundo semestre de 2016. Os técnicos do TCU alertam para os riscos ao patrimônio que já foi construído e o “potencial grave de se tornar um ‘elefante branco'”.

O tribunal deu 180 dias para o Ministério da Educação, o ISD e a UFRN se pronunciarem sobre as determinações.

OUTRO LADO

Por meio de sua assessoria, o ISD (Instituto Santos Dumont) afirmou que “atua em conjunto com a UFRN e o MEC para o atendimento de todos os pontos levantados dentro do relatório”. O instituto diz que já foi acordada uma mudança na questão das patentes e que a organização dividirá os direitos patrimoniais com o poder público.

Quanto à questão do orçamento, o ISD diz que eles sofrem revisões anuais dentro da lei e que os gastos com pessoal têm se mantido dentro dos gastos legais e foram aprovados pelo conselho de administração.

O instituto disse ainda que as eventuais sobreposições entre o ISD e a Aasdp foram objeto de um grupo de trabalho instituído pelo MEC no ano passado e que todas as questões levantadas já foram solucionadas.

Procurado, o Ministério da Educação afirmou em nota que está “avaliando, junto ao setor jurídico, as respostas para o Tribunal de Contas da União” e que se encontra dentro do prazo de 180 dias para responder.

A UFRN reiterou a cooperação entre as instituições para resolver as questões apontadas pelo TCU. A universidade afirmou que as obras estão paradas por decisão judicial que impede novas contratações e licitações até que todos os projetos técnicos necessários existam.

Devido ao “risco para o patrimônio em razão da possível demora”, a universidade disse ter entrado com um recurso para contratar obras de preservação –infraestrutura de água, esgoto e energia.

LINHA DO TEMPO

1995

Sidarta Ribeiro, Cláudio Mello e Sergio Neuenschwander começam movimento para repatriar neurocientistas brasileiros no exterior e criar um polo de neurociência no Rio Grande do Norte

2003

Parceria da UFRN (Universidade Federal do Rio Grande do Norte) e Miguel Nicolelis para criar o Instituto Internacional de Neurociências de Natal

2004

Inserção da Finep e concessão, pela UFRN, do terreno em Macaíba (RN)

2006

Assinatura do contrato de gestão do projeto

2009

Licitação para a construção

Fevereiro de 2011

Nicolelis anuncia publicamente seus planos de expandir o IINN e criar o megaprojeto do Campus do Cérebro, com centro de pesquisa, escola e unidade de saúde

Fim de 2011

Professores da UFRN e do IINN abandonam o projeto para fundar seu próprio instituto de pesquisa. A justificativa é de que Nicolelis não permitia acesso a equipamentos de pesquisa

Julho de 2014

Novo contrato de gestão é firmado. MEC omite, no diário oficial, o valor do projeto do Campus do Cérebro: R$ 247 mi

Dezembro 2014

SBPC (Sociedade Brasileira para o Progresso da Ciência) questiona MEC por investir tanto no Campus do Cérebro

Maio de 2015

TCU aponta irregularidades no projeto no RN

19 de fevereiro de 2019 às 10:35

Ministério do Turismo diz que não é alvo de operação que envolve o Sistema S [0] Comentários | Deixe seu comentário.

O Ministério do Turismo acaba de emitir nota sobre a operação que investiga fraudes no Sistema S em parceria com o Ministério, que resultou na prisão do presidente da CNI, Robson Andrade, e dos presidentes de federações de indústrias de Pernambuco, Paraíba e Alagoas.

Eis a nota:

 

A atual gestão do Ministério do Turismo não assinou nem pagou nenhum convênio, e já determinou uma auditoria completa em todos os convênios da pasta antes mesmo de tomar conhecimento da investigação da Polícia Federal.

A ação resultou no cancelamento de um convênio no valor de R$ 1 milhão.

O Ministério do Turismo está à disposição para colaborar na apuração dos fatos.

Por último, vale destacar que o Ministério do Turismo não é alvo das buscas e apreensões da Operação Fantoche.

19 de fevereiro de 2019 às 10:07

Operador do PSDB é preso na 60ª fase da Operação Lava Jato [0] Comentários | Deixe seu comentário.

Na 60ª fase da Operação Lava Jato, que acontece hoje com o cumprimento de 12 mandados de busca e apreensão em São Paulo, a Polícia Federal prendeu Paulo Vieira de Souza, operador financeiro ligado ao PSDB.

Alvo de prisão preventiva, ele deve ficar preso na Superintendência da PF de São Paulo.

Agentes também cumprem mandados de busca e apreensão em endereços ligados ao ex-senador pelo PSDB Aloysio Nunes Ferreira Filho, suspeito de receber propina da Odebrecht.

A mais nova fase da lava-jato foi denominada de operação “Ad Infinitum” e aacontece com base em depoimentos de doleiros e funcionários da Odebrecht.

19 de fevereiro de 2019 às 10:05

Presos o presidente da CNI e presidentes de federações de indústrias de Pernambuco, Paraíba e Alagoas [0] Comentários | Deixe seu comentário.

A Operação Fantoche, deflagrada pela Polícia Federal, que investiga um esquema de corrupção envolvendo contratos com o Ministério do Turismo e entidades do Sistema S, prende o presidente da CNI, Robson Braga de Andrade, e os presidentes de Federações de Pernambuco, Alagoas e Paraíba.

Foram cumpridos outros 40 de busca e apreensão no Distrito Federal, Pernambuco, São Paulo, Paraíba, Mato Grosso do Sul, Minas Gerais e Alagoas.

Segundo a PF, são investigadas a prática de crimes contra a administração pública, fraudes licitatórias, associação criminosa e lavagem de ativos.

O nome da operação se deve a um dos festivais realizados pelo Sesi, o Bonecos do Mundo, idealizado por Lina Rosa Gomes, alvo de prisão.

 

Confira quem são os alvos de prisão da Operação Fantoche:

Robson Braga de Andrade – presidente da CNI

Luiz Otávio Gomes Vieira da Silva – empresário e um dos donos da Aliança Comunicação. Ele já havia sido preso pela PF em 2013, na Operação Esopo

Ricardo Essinger – presidente da Federação das Indústrias de Pernambuco (Fiepe)

Francisco de Assis Benevides Gadelha – conhecido como Buega Gadelha, é presidente da Federação das Indústrias do Estado da Paraíba (Fiep-PB). A Fiep-PB afirmou que Buega cumpre agenda em Brasília (DF)

José Carlos Lyra de Andrade – presidente da Federação das Indústrias de Alagoas (FIEA)

Lina Rosa Gomes Vieira da Silva – empresária e publicitária, ligada à Aliança Comunicação

Hebron Costa Cruz de Oliveira – advogado e presidente do Instituto Origami

Jorge Tavares Pimentel Junior – empresário sócio da empresa Neves e

Júlio Ricardo Rodrigues Neves – empresário, sócio da Idea Locação de Estruturas e Iluminação

Luiz Antônio Gomes Vieira da Silva – ligado à Aliança Comunicação

Mandados

São 23 mandados de busca e apreensão em Pernambuco e sete de prisão temporária. A Casa da Indústria, na região central do Recife, está entre os locais em que as equipes da PF foram durante a manhã.

Entre os alvos da Operação Fantoche estão o Instituto Origami, Aliança Comunicação e Cultura, Idea Locação de Estruturas e Iluminação, Somar Intermediação e Negócios e Ateliê Produções Artísticas.

Além dos sete mandados de prisão temporária em Pernambuco, são cumpridos outros três em Nova Lima (MG), Maceió (AL) e Campina Grande (PB).

19 de fevereiro de 2019 às 8:58

FAB diz que arremetida no aeródromo de Fernando de Noronha não ofereceu risco ao voo [0] Comentários | Deixe seu comentário.

A Força Aérea Brasileira se pronunciou sobre o caso do avião que foi obrigado a arremeter no aeródromo de Fernando de Noronha no domingo.

Para a FAB, a arremetida não ofereceu risco à segurança do voo.

Para melhor leitura:

Veja agora como aconteceu:

19 de fevereiro de 2019 às 7:53

Álvaro Dias faz 1ª leitura de mensagem anual como prefeito [0] Comentários | Deixe seu comentário.

O prefeito de Natal, Álvaro Dias (MDB), vai hoje à Câmara Municipal para ler a mensagem anual.

É a primeira vez que ele faz a leitura já que nos dois primeiros anos da gestão ele era vice-prefeito.

A leitura, que marca a abertura dos trabalhos legislativos de 2019, acontecerá às 15 horas.

Medidas duras de economia, defendidas por Álvaro nas entrevistas que tem concedido, deverão constar da mensagem do prefeito.

O ano legislativo na Câmara começa sob a presidência do vereador Paulinho Freire (PSDB).

19 de fevereiro de 2019 às 7:16

Nomeação de Almirante para Codern tem que passar por eleição no Conselho de Administração [0] Comentários | Deixe seu comentário.

Não chegou a Natal como anunciado pelo deputado Girão (PSL), o futuro presidente da Codern, Almirante Elis Öberg.

É que, mesmo sem indicação política, o cargo maior das companhias Docas tem que ser aprovado pelo Conselho de Administração, em Maceió, e a reunião para a eleição – de carta marcada – deverá acontecer na próxima semana.

Só depois de “eleito”, o militar poderá assumir o cargo.

19 de fevereiro de 2019 às 7:02

Processo contra ex-governador no STJ será encaminhado à justiça do RN [0] Comentários | Deixe seu comentário.

Sem foro de governador, Robinson Faria enfrentará o processo que corre contra ele e dois assessores no STJ, na 1ª instância.

Ontem o ministro do Superior Tribunal de Justiça, Raul Araújo, determinou que o caso em que o ex-governador é acusado de atrapalhar investigação, seja remetido à justiça do RN.

Para a defesa de Robinson, a medida já era esperada vez que ele deixou o cargo.

Robinson e os assessores foram denunciados após uma operação da Polícia Federal, deflagrada em agosto de 2017.

19 de fevereiro de 2019 às 1:14

Bebianno topa ir morar na Europa e ficar longe das denúncias que provocaram sua saída do Governo [0] Comentários | Deixe seu comentário.

Demitido da Secretaria Geral da Presidência da República, Gustavo Bebianno topa se mandar para a Europa.

Segundo a revista Crusoe, Bebianno aceita ir para a Europa.

De que o ex-ministro estaria tentando se afastar?

Se fala em milícias e outras milacrias no escândalo que marcou a primeira baixa do governo.