Holiday

Thaisa Galvão

12 de março de 2019 às 23:56

Secretário do RN propõe a técnicos do MEC a manutenção do repasse de 25% para a Educação nos Estados [0] Comentários | Deixe seu comentário.

Na reunião de secretários de Educação de Estados com o número 2 do Ministério da Educação, nesta terça-feira, o titular da Educação do Rio Grande do Norte, Getúlio Ferreira, defendeu a manutenção da vinculação de recursos no orçamento para Educação.

É que há informação de que uma PEC vai propor a desvinculação, desobrigando os Estados de aplicarem 25% e a União 18% do Orçamento em Educação.

A presidente do Consed – Conselho de Secretários Estaduais, Cecília Motta, reunirá o apoio de todos os Estados para tentar barrar a alteração na distribuição dos recursos.

Se a Educação pública, mesmo com recursos carimbados, já sofre com a falta de dinheiro, imagine se deixar a obrigação do Governo Federal em aberto.

12 de março de 2019 às 23:41

Secretário de Educação do RN acompanha presidente do Consed em reunião com o número 2 do MEC [0] Comentários | Deixe seu comentário.

O secretário de Educação do RN, Getúlio Ferreira, participou nesta terça-feira de um encontro da presidente do Consed – Conselho de Secretários Estaduais de Educação –, a titular da pasta do Mato Grosso do Sul, Cecilia Motta, com o demissionário Antônio Tozi e o recém-anunciado número 2 do Ministério da Educação, Rubens Barreto da Silva, da Secretaria Executiva do MEC.

Rubens foi anunciado pelo ministro Ricardo Vélez como o novo o número 2, em substituição a Tozi..

A presidente, acompanhada de um grupo de secretários, foi apresentar as decisões da última reunião do Consed, ocorrida um dia antes, em que foi definida uma pauta de prioridades para as secretarias estaduais, denominada Agenda da Aprendizagem.

A continuidade do Programa de Fomento às Escolas de Tempo Integral, a manutenção do calendário das avaliações de larga escala e o apoio para a construção dos currículos do Novo Ensino Médio foram os assuntos discutido para a pauta a ser enviada ao Ministério.

Tozi era o número 2, mas foi demitido a partir de cobrança, nas redes sociais, pelo escritor Olavo de Carvalho.

Rubens era o número 3 e foi alçado à categoria de segundo nome do Ministério da Educação.

12 de março de 2019 às 23:28

Assembleia Legislativa se instala em Assu e Mossoró [0] Comentários | Deixe seu comentário.

A Assembleia Legislativa do Rio Grande do Norte se instalará em Assu e Mossoró nesta quinta e sexta-feira.

Amanhã, em Assu, a AL se instala na Câmara Municipal, onde realizará Sessão Solene em comemoração aos 184 anos da Comarca de Assu.

Na sexta o legislativo estadual será transferido para o Teatro Lauro Monte Filho, em Mossoró, onde será realizada a Sessão Solene em comemoração aos 167 anos de emancipação política do município, que ocorre no dia 15, sexta-feira.

12 de março de 2019 às 23:12

CPI de Brumadinho será instalada nesta quarta-feira no Senado [0] Comentários | Deixe seu comentário.

O Senado vai instalar nesta quarta-feira a CPI de Brumadinho, para investigar a tragédia que matou mais de 300 pessoas, e só conseguiu encontrar pouco mais de 200 corpos.

O presidente e o relator da comissão serão definidos assim que a CPI for instalada.

A Comissão Parlamentar de Inquérito terá 180 dias para fazer diligências e convocar autoridades para depor.

12 de março de 2019 às 22:57

Cooperativa Médica faz assembleia nesta quarta-feira para discutir sobre atrasos nos repasses do Estado [0] Comentários | Deixe seu comentário.

A Cooperativa Médica (Coopmed), que presta serviços à Secretaria de Saúde do Estado, reunirá cooperados nesta quarta-feira, para discutir sobre atrasos nos repasses.

Eles falam em quebra contratual e cancelamento dos serviços.

Tudo a ser discutido nesta quarta.

12 de março de 2019 às 22:52

Styvenson foi o único senador do RN a assinar documento para instalação da CPI da Lava Toga [0] Comentários | Deixe seu comentário.

Senadores trabalham para instalar um CPI para investigar o judiciário.

São necessárias 27 assinaturas, mas até agora somente 21 parlamentares assinaram o documento.

Do Rio Grande do Norte, apenas o senador Styvenson Valentim.

Eis os 21 senadores que já assinaram o novo requerimento da CPI da Lava Toga:

 

  1. Alessandro Vieira
  2. Jorge Kajuru
  3. Selma Arruda
  4. Eduardo Girão
  5. Leila Barros
  6. Fabiano Contarato
  7. Rodrigo Cunha
  8. Marcos do Val
  9. Randolfe Rodrigues
  10. Plínio Valério
  11. Lasier Martins
  12. Styvenson Valentim
  13. Alvaro Dias
  14. Reguffe
  15. Oriovisto Guimarães
  16. Cid Gomes
  17. Eliziane Gama
  18. Major Olímpio
  19. Izalci Lucas
  20. Carlos Viana
  21. Luiz Carlos Heinze

12 de março de 2019 às 22:40

Delegado revela que filho de Bolsonaro namorou a filha do acusado de matar Marielle mas promotora afirma que informação é “irrelevante” [0] Comentários | Deixe seu comentário.

Do site O Antagonista

 

Delegado diz que um filho de Bolsonaro namorou uma filha de acusado de matar Marielle

Respondendo a uma pergunta de jornalista, o delegado responsável pelas investigações da morte de Marielle Franco, Giniton Lages, disse que um filho de Jair Bolsonaro namorou com uma filha de Ronnie Lessa, preso hoje acusado de ter matado a vereadora.

“Isso tem”, respondeu o delegado.

“Mas isso, para nós, hoje, não importou na motivação delitiva. Isso vai ser enfrentado num momento oportuno. Não é importante para esse momento”, emendou.

Poréééém…

Uma das responsáveis pela investigação da morte de Marielle Franco, Simone Sibílio disse ser irrelevante a informação sobre o namoro.

“Isso é irrelevante, não chegou ao conhecimento, não tem nenhuma relevância na investigação”.

12 de março de 2019 às 22:30

Denúncia contra suspeitos de matar Marielle e Anderson tem 11 páginas e inquérito segue em segredo de justiça [0] Comentários | Deixe seu comentário.

A denúncia contra os suspeitos de matar Marielle Franco tem somente 11 páginas, segundo o site O Antagonista, e não apresenta as provas do crime.

Para o Ministério Público, a acusação se baseia em inquérito conduzido pela Divisão de Homicídios da Polícia Civil.

Que está em segredo de justiça.

 

CLIQUE AQUI para conferir a íntegra das 11 páginas da denúncia.

12 de março de 2019 às 22:24

Governadora Fátima discute com técnicos do Banco Mundial implantação de programa inédito no Brasil para reduzir violência nas escolas [0] Comentários | Deixe seu comentário.

A governadora Fátima Bezerra se reuniu nesta terça-feira com técnicos da organização norte-americana Youth Guidance e técnicos do Banco Mundial, para discutir a implantação de um programa de redução de violência nas escolas.

O programa, implementado com sucesso em Chicago, visa reforçar as ações para melhorar a segurança pública e o aprendizado.

A governadora Fátima Bezerra disse que a atual administração tem conseguido reduzir a violência com planejamento e ações integradas e que este trabalho não para:

“Nos dois primeiros meses do ano reduzimos em 40% os homicídios, reduzimos também os feminicídios, assaltos, roubos de veículos. Mas precisamos fazer mais, melhorar a educação, gerar empregos e renda, dar maior atenção às crianças e jovens. Isto também passa pela escola. Vamos, sem dúvidas, buscar e implementar melhorias em todos os setores, como forma de dar mais cidadania e garantir os direitos constitucionais”, disse a governadora.

O programa apresentado ao Governo do RN é inédito no Brasil, e o Banco Mundial escolheu apenas os estados do Rio Grande do Norte, Ceará e São Paulo.

12 de março de 2019 às 15:58

Familiares de funcionário da Caern assassinado no ano passado querem solução para o caso [0] Comentários | Deixe seu comentário.

De familiares e amigos do funcionário da Caern e ex-bancário Marcos Pontes, assassinado em setembro do a o passado aos 50 anos. 

Ele foi abordado por 4 homens armados na saída de um bar na Avenida Alexandrino de Alencar e o obrigaram a entrar em um carro.

Marcos foi morto com sete tiros.

Até agora o crime permanece um mistério:

#MarcãoEraGente

Era uma pessoa simples, trabalhava e amava a vida.

Chorou, sorriu, fez muitos planos, apenas alguns cumpriu.

Marcão era gente e não tinha nenhuma patente.

Não era um bicho raivoso, nem precisava ser abatido.

Tampouco uma peste ou doença, não precisava ser contido.

Marcão era gente e em suas veias corria sangue quente.

Nasceu, cresceu, multiplicou e morreu.

Nem tudo no seu tempo, nem devidamente.

Marcão era gente e era decente.

Não suportava falcatrua, nem nada irregular.

Ensinou sua família a ser gente e como se comportar.

Marcão era gente e, se estivesse aqui, faria diferente.

#MarcãoEraGente

Ajude a o alcance dessa publicação, a polícia precisa de mais informações, se você sabe de algo: DENUNCIE! COMPARTILHE!

Liguei pro disque denúncia! O número é 181 e a sua denúncia é anônima!

12 de março de 2019 às 12:25

PF prende empresário mineiro acusado de envolvimento em esquema de sonegação da CVC [0] Comentários | Deixe seu comentário.

A Polícia Federal, o Ministério Público Federal e a Receita Federal deflagraram hoje a Operação Checkout, para desarticular um esquema envolvendo uma grande empresa de turismo brasileira que praticava sonegação de impostos, lavagem de dinheiro e evasão de divisas.

Segundo a PF, integrantes do Conselho Administrativo de Recursos Fiscais (Carf), tribunal administrativo que analisa recursos de contribuintes a respeito de tributos federais, recebiam propina da empresa.

As investigações apontam prejuízo aos cofres públicos que podem chegar a R$ 145 milhões.

Foram expedidos um mandado de prisão preventiva e 23 de busca e apreensão para escritórios e residências de advogados e auditores da Receita Federal, em São Paulo, Rio de Janeiro, Paraná, Santa Catarina e Minas Gerais.

O principal alvo da operação, o empresário Átila Reys Silva, foi preso em Minas Gerais.

Reys é dono da Orion Brasil Importação e Distribuição Ltda e da Orion Brasil Construções e Empreendimentos Ltda, que prestavam serviços à empresa de turismo CVC.

Em março de 2018, a operação Descartes apontou que na realidade havia simulação de prestação de serviços, que na realidade não eram prestados.

À época, o fundador do grupo CVC, a maior agência de turismo do país, Guilherme Paulus, pediu afastamento temporário do cargo de presidente do Conselho de Administração da CVC Corp.

Ele se afastou cinco dias depois de ver sua marca envolvida nas investigações da Polícia Federal e da Receita Federal que investigava esquema de lavagem de dinheiro em empresas.

As investigações da PF apontaram à época, simulação de prestação de serviços por meio da Orion Brasil Importação e Distribuição Ltda e da Orion Brasil Construções e Empreendimentos Ltda, do empresário Atila Reys Silva.

Entre os recebimentos apontados como indevidos pela Orion estavam R$ 37 milhões da CVC Operadora e Agência de Viagens TUR. Os pagamentos referiam-se a supostos serviços advocatícios prestados à CVC TUR sem “o devido comprovante de prestação de serviços”, segundo a PF.

Trecho da decisão judicial

12 de março de 2019 às 8:04

Operação Lume: PM reformado acusado de atirar em Marielle é preso em casa, no mesmo condomínio do presidente Bolsonaro, no Rio de Janeiro [0] Comentários | Deixe seu comentário.

Do G1:

Polícia prende PM reformado e ex-PM suspeitos pelos assassinatos de Marielle e Anderson

Um dos presos, o policial reformado Ronnie Lessa é apontado pelas investigações como o suspeito que atirou contra a vereadora. Crimes completam um ano nesta quinta-feira

O fato do policial reformado morar no condomínio de Bolsonaro, não indica relação dos dois no caso.

Lessa foi levado para a Divisão de Homicídios do Rio por volta das 4h30.

De acordo com os promotores do Grupo de Atuação Especial de Combate ao Crime Organizado, o crime foi meticulosamente planejado durante três meses que antecederam o atentado. Os crimes completam um ano nesta quinta-feira (14).

Além das prisões, a operação realiza mandados de busca e apreensão nos endereços dos denunciados para apreender documentos, telefones celulares, notebooks, computadores, armas, acessórios, munições e outros objetos.

Durante todo o dia, haverá buscas em 34 endereços de outros suspeitos.

A investigação aponta que Ronnie fez pesquisas na internet sobre locais que a vereadora frequentava.

Os investigadores sabem também que desde outubro de 2017 o policial também pesquisava a vida do deputado estadual Marcelo Freixo (PSOL).

Lessa também teria feito pesquisas sobre o então interventor na segurança pública do Rio, general Braga Neto. Lessa também fazia pesquisas na internet sobre a submetralhadora MP5, que pode ter sido usada no crime.

A Operação Lume foi batizada em referência a uma praça no Centro do Rio, conhecida como Buraco do Lume, onde Marielle desenvolvia um projeto chamado Lume Feminista.

No local, ela também costumava se reunir com outros defensores dos Direitos Humanos e integrantes do PSOL.

Além de significar qualquer tipo de luz ou claridade, a palavra lume compõe a expressão ‘trazer a lume’, que significa trazer ao conhecimento público, vir à luz.

12 de março de 2019 às 6:00

Deputado Walter Alves repercute liberação de emendas dele e do ex-senador Garibaldi Filho para o município de Apodi [0] Comentários | Deixe seu comentário.

O deputado federal Walter Alves comentou, em suas redes sociais, a liberação de emendas de seu mandato e do mandato do ex-senador Garibaldi Filho para o município de Apodi.

Walter repostou a postagem abaixo, veiculada nas redes da Prefeitura de Apodi.

Prefeito Alan Silveira

12 de março de 2019 às 5:53

Prefeito Álvaro Dias confere reinício das obras de recapeamento da Salgado Filho e Hermes da Fonseca [0] Comentários | Deixe seu comentário.

O prefeito de Natal, Álvaro Dias, foi conferir, ontem à noite, o reinício do recapeamento asfáltico das avenidas Salgado Filho e Hermes da Fonseca.

As obras acontecem sempre à noite para evitar interdições durante os horários de trânsito intenso na maior via da capital.

O trecho contemplado será entre a Igreja Universal, em Lagoa Nova, e a Praça das Flores, em Petrópolis, por onde iniciará esta etapa. O valor total da obra será de R$ 1.894.246,74, com recursos do governo federal e contrapartida da Prefeitura de R$ 521.951,32.

Durante o período dos serviços, o trânsito na via sofrerá pequenas alterações. “Faremos o recapeamento por etapas, em quarteirões. Por isso, interditaremos uma das três vias que compõem as avenidas, deixando que os veículos trafeguem nas duas restantes”, explica o secretário de Obras, Tomaz Neto.

12 de março de 2019 às 0:24

Entrevista: Advogado Erick Pereira já integra equipe de juristas que trabalha para consolidar as regras eleitorais no Brasil [0] Comentários | Deixe seu comentário.

Membro da equipe comandada pela presidente do TSE, ministra Rosa Weber, e pelo ministro Edson Fachin, o advogado potiguar, Erick Pereira, já está atuando num mutirão que pretende, até as eleições de 2020, consolidar as regras eleitorais brasileiras.

Hoje, em muitos casos, dependendo do jurista, uma norma tem várias interpretação.

Nosso entrevistado no Jornal da Noite, na 95MaisFM, Pereira explicou a importância do trabalho, e qual sua missão.

12 de março de 2019 às 0:20

Presidente da República ataca repórter do jornal Estadão com base em fake news [1] Comentários | Deixe seu comentário.

Não terminou bem para o presidente Jair Bolsonaro os ataques feitos por ele à jornalista do Estadão, Constança Rezende.

O presidente da República atacou a jornalista com base em uma notícia mentirosa publicada no blog do jornal francês Mediapart.

Porém, o blog é produzido pelos leitores do jornal, e o jornal, ao levar em consideração que divulgou uma fake news na sua página, marcou Bolsonaro no twitter e se solidarizou com a jornalista brasileira.

Com um detalhe: em português, mesmo o twitter só fazendo postagens em francês.

A jornalista conversou com uma pessoa que se passava por um estudante de fora do Brasil..

O áudio foi divulgado com uma tradução fake…

A assessoria da Presidência da República não checou a tradução, e o que poderia ser uma pegadinha para a jornalista, acabou sendo para o presidente.

No vídeo abaixo, a tradução…com alguns momentos ‘fake’

A conversa montada da jornalista do Estadão com o estudante, foi repercutida no portal Terça Livre, com assinatura da jornalista Fernanda Salles Andrade, que ocupa cargo no gabinete do deputado estadual Bruno Engler (PSL), na Assembleia Legislativa de Minas.

Apesar do erro anunciado pelo jornal francês, o presidente Bolsonaro não admitiu publicamente a falha grosseira cometida em suas redes sociais.