Thaisa Galvão

22 de março de 2019 às 16:05

Tribunal só definirá sobre liberdade de Michel Temer e Moreira Franco daqui a 5 dias [0] Comentários | Deixe seu comentário.

O ex-presidente Michel Temer deverá continuar preso nos próximos dias.

É que o habeas corpus impetrado pela defesa no TRF-2, só será julgado na próxima quarta-feira, dia 27, segundo definiu o desembargador Ivan Athié, que optou por levar o caso para Colegiado.

A defesa pede a liberdade de Michel Temer, Moreira Franco, Coronel Lima e demais investigados presos ontem.

22 de março de 2019 às 13:59

Depois de protesto contra reforma da previdência, ônibus voltam a circular em Natal [0] Comentários | Deixe seu comentário.

Depois de mais de uma hora com os ônibus parados em dois pontos de Natal, em protesto contra a reforma da previdência, os trabalhadores rodoviários encerraram o movimento.

Os motoristas estacionaram os ônibus perto do Sindicato dos Trabalhadores Rodoviários (Sintro), e no cruzamento da Bernardo Vieira com a Prudente de Morais.

Os ônibus já trafegam normalmente na capital.

22 de março de 2019 às 12:03

Operação deflagrada na Paraíba que teve empresário potiguar como alvo não fez buscas na MB Limpeza Urbana [0] Comentários | Deixe seu comentário.

Assessoria da MB Limpeza Urbana, de propriedade de Mario Sergio Macedo Lopes, afirma que a empresa não foi alvo de busca e apreensão na operação Xeque-Mate, deflagrada hoje na Paraíba.

A busca aconteceu na casa de Mario.

A empresa emitiu a seguinte nota:

Nota

Em esclarecimento às notícias divulgadas pela imprensa, portais e blogs, sobre operação policial ocorrida nesta manhã (22), informamos que não houve qualquer ação de busca e apreensão na empresa MB Empreendimentos. 

A MB é uma empresa que tem pautado sua atuação pela ética e pelos serviços de excelência no mercado em que atua. A empresa reforça que não é alvo de qualquer ação da PF e nunca prestou serviços na cidade de Cabedelo (PB).

Por fim, reiteramos o compromisso da MB com a ética, o compliance, a honestidade e a qualidade das relações de trabalho e serviços entregues.

MB EMPREENDIMENTOS 

Assessoria de imprensa  

22 de março de 2019 às 8:59

Alvo de operação no RN já foi detido pela PF sob acusação de compra de votos em Macau [0] Comentários | Deixe seu comentário.

Os mandados cumpridos pela Polícia Federal no Rio Grande do Norte, na operação que prendeu hoje em João Pessoa, o empresário Roberto Santiago, dono do maior shopping da Paraíba, o Manaíra, acontecem em Parnamirim.

A PF fez busca no condomínio Bosque dos Poetas, em, Nova Parnamirim, na casa empresário Mário Sérgio Macedo Lopes, conhecido como ‘Mário do Lixo’, e na empresa dele, em Parnamirim, a MB Limpeza Urbana.

Mário Sérgio é casado com Odete Lopes, ex-candidata a prefeita de Macau.

Em 2016 ele foi detido pela Polícia Federal, sob acusação de compra de votos nas eleições em Macau.

A MB ganhou, recentemente, uma licitação para serviço de limpeza no Rio de Janeiro.

Há informação de que ele seria o responsável por um posto de combustíveis também em Nova Parnamirim, o Coenge, próximo à Copab.

22 de março de 2019 às 8:06

PF cumpre mandado no RN em operação que prendeu o dono do maior shopping de João Pessoa [0] Comentários | Deixe seu comentário.

A Polícia Federal cumpre mandados de busca e apreensão no Rio Grande do Norte, na terceira fase da operação ‘Xeque-Mate’, deflagrada agora pela manhã na Paraíba, onde já foi preso o empresário Roberto Santiago, dono do Manaíra, o maior shopping de João Pessoa.

Roberto Santiago é acusado de comprar o prefeito do município de Cabedelo para impedir a construção de um shopping concorrente na Paraíba.

O mandado do Rio Grande do Norte está sendo cumprido no condomínio Bosque dos Poetas, em Nova Parnamirim, em endereço ligado ao empresário, acusado de “comprar” o mandato do ex-prefeito de Cabedelo, Luceninha.

Eleito em 2012, Luceninha renunciou menos de um ano depois, e a operação Xeque-Mate investigou que ele teria vendido o mandato por 5 milhões, ao vice Leto Viana (PRP), que teria sido patrocinado pelo dono do Shopping Manaíra.

Na primeira fase da operação, no ano passado, Leto Viana foi preso.

O empresário Roberto Santiago foi preso no início da manhã no bairro do Bessa, em João Pessoa.

Além de acusado de ‘comprar’ o mandato do prefeito de Cabedelo, Santiago, que cumprirá prisão preventiva, é acusado ainda de participar do esquema de corrupção e fraudes licitatórias em Cabedelo.

Roberto Santiago também é acusado de “comprar” vereadores de Cabedelo para impedir a construção do shopping Pátio Intermares, que seria concorrente do shopping do empresário preso hoje.

Outros 11 mandados de busca e apreensão nas residências dos investigados também estão sendo cumpridos pela Polícia Federal e pelo Grupo de Atuação Especial contra o Crime Organizado (Gaeco) em residências dos investigados, na Paraíba e no Rio Grande do Norte.

Também foram sequestrados 20 imóveis dos investigados, avaliados em mais de R$ 6 milhões.

A operação contou com a participação de 65 policiais federais.

Ontem à noite, se falou sobre presença de aeronaves da PF no aeroporto de Natal.

O dono do Shopping Manaíra foi preso em casa, em João Pessoa

22 de março de 2019 às 1:03

Para policiais que prenderam Temer, a baixa popularidade do ex-presidente facilitou a operação [0] Comentários | Deixe seu comentário.

Os policiais federais que prenderam Michel Temer pareciam aliviados com a baixa popularidade do ex-presidente.

E teve quem comentasse que, pelo fato do povo não gostar de Temer, ninguém iria acampar na frente da sede da Polícia Federal.

Numa alusão ao que ocorreu com o ex-presidente Lula.