Holiday

Thaisa Galvão

5 de abril de 2019 às 23:54

Sérgio Cabral volta a depor e diz que ex-governadores Moreira Franco e Leonel Brizola participaram de esquema no Rio [0] Comentários | Deixe seu comentário.

O ex-governador do Rio de Janeiro, Sérgio Cabral, prestou depoimento nesta sexta-feira.

E falou mais.

Bem mais.

Incluiu até o ex-governador Leonel Brizola, que já morreu:

 

 

5 de abril de 2019 às 22:59

Bolsonaro: “Não nasci para ser presidente” [0] Comentários | Deixe seu comentário.

Do presidente Jair Bolsonaro em um café com alguns jornalistas nesta sexta-feira:

“Desculpem as caneladas, não nasci para ser presidente, nasci para ser militar, mas no momento estou nessa condição de presidente e, junto com vocês, nós podemos mudar o destino do Brasil. Sozinho não vou chegar a lugar nenhum”.

5 de abril de 2019 às 22:52

Servidores da Receita que acessaram informações fiscais de Bolsonaro serão investigados [0] Comentários | Deixe seu comentário.

A Receita Federal abriu sindicância para investigar dois servidores que acessaram informações fiscais do presidente Jair Bolsonaro como divulgou O Globo.

Foram acessadas ilegalmente informações do presidente e de familiares.

Leia nota da Receita:

 

NOTA

A Receita Federal informa que, após identificar o acesso a informações fiscais do Sr. Presidente da República e de integrantes de sua família, por dois servidores, o órgão abriu sindicância para apurar as circunstâncias em que esse acesso foi realizado.

A sindicância concluiu que não havia motivação legal para o acesso e, por esta razão, a Receita notificou à Polícia Federal ao mesmo tempo em que iniciou procedimento correicional, visando apurar responsabilidade funcional dos envolvidos.

5 de abril de 2019 às 22:48

Bolsonaro suspende próxima edição do horário de verão [0] Comentários | Deixe seu comentário.

O presidente Jair Bolsonaro acatou sugestão do Ministério de Minas e Energia, e suspendeu o horário de verão entre os anos de 2019 e 2020.

Sobre a próxima edição, o Governo fará uma nova avaliação.

Confira a nota do Ministério sobre o horário de verão:

 

MME recomenda suspensão do Horário de Verão

Historicamente, o Horário de Verão tem como principal objetivo o melhor aproveitamento da luz natural, a partir do adiantamento dos relógios em uma hora e consequente redução de consumo de energia elétrica no início da noite. No Brasil, era nesse período que se registrava o maior pico de consumo e, dessa forma, o Horário de Verão era benéfico para a população.

No entanto, nos últimos anos houve mudanças no hábito de consumo de energia da população, deslocando o período de maior consumo diário para o período da tarde, quando o Horário de Verão não tem influência.

Considerando as mudanças de hábitos de consumo e da configuração sistêmica do setor elétrico brasileiro, o Comitê de Monitoramento do Setor Elétrico – CMSE solicitou novos estudos sobre os impactos do Horário de Verão para o sistema elétrico. Esses estudos indicaram que o Horário de Verão deixou de produzir os resultados para os quais essa política pública foi formulada, perdendo sua razão de ser aplicado sob o ponto de vista do setor elétrico.

Dessa forma, o Ministério de Minas e Energia propôs ao Excelentíssimo Senhor Presidente da República a suspensão do Horário de Verão em todo o território nacional.

5 de abril de 2019 às 21:56

Ausente à reunião da bancada, Natália Bonavides mandou dizer que era a favor de destinar apenas 1 milhão para o projeto da Redinha [0] Comentários | Deixe seu comentário.

Ausente à reunião da bancada federal, já que estava em viagem ao exterior com a governadora Fátima Bezerra, a deputada Natália Bonavides foi representada por uma auxiliar de seu gabinete na Câmara.

E questionada sobre a posição da parlamentar em relação às emendas, a auxiliar declarou que ela era a favor de manter o projeto de revitalização da Redinha com apenas 1 milhão de reais.

Natália é apontada hoje como provável candidata à prefeita de Natal.

O projeto da Redinha seria tocado pelo prefeito Álvaro Dias.

A ela não interessaria beneficiar a gestão dele.

5 de abril de 2019 às 21:28

Para prefeito Álvaro Dias, senadores e deputados federais estão discriminando Natal [0] Comentários | Deixe seu comentário.

O prefeito de Natal, Álvaro Dias, falou sobre a decisão dos deputados federais e senadores, que cortaram das emendas de bancada, os recursos para implantação de um polo turístico na praia da Redinha.

A emenda garantida ao prefeito no ano passado era de 24 milhões, que se transformou (a emenda) em 1 milhão…e hoje, depois de críticas de deputados estaduais e vereadores, passou para 8,5 milhões.

Para Álvaro, a posição da senadora Zenaide Maia e do deputado federal Benes Leocádio, apresentada na reunião da quinta-feira, foi a mais sensata: manter todas as emendas, cortando de cada uma, 21,6%, adotando o corte linear a partir do índice cortado pelo governo federal.

“Essa é uma posição ostensiva dos deputados federais e senadores do Rio Grande do Norte contra Natal. É um ato discriminatório contra a capital, contra a praia da Redinha e contra a zona Norte de Natal”, disse Álvaro Dias.

“Eles poderão pagar um preço alto quando quiserem se reeleger”, alertou o prefeito.

Para Álvaro, a emenda era de 24 milhões, e obedecido o corte do governo federal, de 21,6%, deveria ficar em pouco menos de 19 milhões.

5 de abril de 2019 às 20:36

Bancada rediscute e passa de 1 para 8,5 milhões a emenda que era de 24 milhões para implantação de polo turístico da Redinha [1] Comentários | Deixe seu comentário.

Depois das críticas de deputados estaduais, vereadores e da população, a bancada federal do Rio Grande do Norte deu uma recuada em relação à emenda destinada ao projeto de urbanização da praia da Redinha.

E a emenda que era de 24 milhões e tinha caído para 1 milhão, passou para 8,5 milhões.

Eis a nota da bancada.

Nota à população

Com relação ao contingenciamento de 21,6% das emendas parlamentares, a bancada federal do Rio Grande do Norte informa à população que:

1. O contingenciamento dos recursos foi imposto pelo Governo Federal e não significa corte, tendo acontecido o mesmo em anos anteriores, incluindo a reposição dos valores contingenciados;

2. A decisão da bancada, portanto, não é sobre o que é mais importante, e sim sobre o que é mais urgente;

3. A decisão de não contingenciar recursos previstos para a Segurança Pública será mantida, já que essa área é a que demanda, com mais urgência, investimentos no Rio Grande do Norte, principalmente em Natal;

4. A decisão de não contingenciar 21,6% sobre a emenda da Barragem de Oiticica também será mantida, pois não se pode comprometer o cronograma atual da obra, que está em fase de conclusão;

5. A bancada retificou a ata da deliberação da última quarta-feira (3) para aumentar de R$ 1 milhão para R$ 8,5 milhões o valor destinado a investimentos turísticos na Praia da Redinha, em Natal;

6. Esse valor foi obtido a partir da readequação em 15% das emendas indicadas para as áreas da Saúde e da Educação.

A bancada reitera que atuará fortemente junto ao Governo Federal para que haja o cumprimento da legislação e o pagamento integral dos recursos previstos para 2019 para o Rio Grande do Norte.

Bancada federal do Rio Grande do Norte

5 de abril de 2019 às 15:32

Na disputa do MP, Eudo Leite vence Iadya Gama mas lista dúplice será encaminhada para escolha da governadora Fátima [0] Comentários | Deixe seu comentário.

O procurador geral de Justiça, Eudo Leite, foi o mais votado na eleição do Ministério Público do Rio Grande do Norte.

Ele disputou com a procuradora Iadya Gama Maio.

Eudo teve 130 votos, o equivalente a 70,27% dos votos válidos, e Iadya 55, equivalente a 29,73% dos votos válidos.

Agora a lista dúplice para a escolha de chefe do Ministério Público do Rio Grande do Norte (MPRN) no biênio 2019/2021, será encaminhada para a governadora Fátima Bezerra.

5 de abril de 2019 às 14:24

Rafael Motta diz que bancada vai trabalhar em favor do ‘descontingeciamento’ de recursos do Orçamento [0] Comentários | Deixe seu comentário.

 

O deputado federal Rafael Motta (PSB) se pronunciou sobre a PEC que ainda vai ser apresentada, debatida, votada…e…aprovada?

A PEC, comentada pelo Blog, obriga o Governo a continuar liberando emendas para obras já iniciadas com recursos de emendas…

O Blog citou como exemplo o projeto turístico da Redinha, que só deverá receber 1 milhão em vez dos 24 milhões prometidos.

No próximo ano a emenda terá que voltar à pauta se as obras tiverem sido iniciadas para que sejam concluídas.

Para Rafael, o pagamento obrigatório das emendas impositivas de bancada vai pôr fim à quebra de expectativas oriunda dos contingenciamentos do Governo Federal.

“Todos os anos quando o Orçamento é votado, fazemos as indicações em conjunto sobre as obras e as ações que vão receber recursos. No ano seguinte, o Governo Federal impõe contingenciamentos severos, como esse de 21,6%, e nos obriga a priorizar o que já priorizamos, contrariando expectativas não só nossas, mas também da população”, explica Rafael.

A PEC chegou a ser aprovada pela Câmara e pelo Senado, mas como houve mudança em parte do texto no Senado, a proposta terá que voltar para a Câmara onde deverá ser deliberado ainda este mês.

Rafael diz que a bancada vai trabalhar agora em favor do descontingenciamento, para que todos os recursos programados para 2019 possam de fato chegar ao RN.

5 de abril de 2019 às 14:12

Deputado Allyson Bezerra assume presidência do Solidariedade em Mossoró [0] Comentários | Deixe seu comentário.

Apontado como pré-candidato a prefeito de Mossoró, embora ele não confirme, o deputado estadual Allyson Bezerra assumiu ontem a presidência Solidariedade na cidade.

A solenidade contou com a presença dos deputados do partido, Kelps Lima e Cristiane Dantas.

Também deputada e também apontada como pré-candidata a prefeita de Mossoró, Isolda Dantas, do PT, também participou da posse de Allyson.

5 de abril de 2019 às 14:05

Gringo que mal fala português e é ministro da EDUCAÇÃO deve ser exonerado como adiantou colunista [0] Comentários | Deixe seu comentário.

Como antecipou a jornalista Eliane Cantanhede, em primeira mão na Globonews, o ministro da Educação Ricardo Vélez Rodríguez vai ser exonerado.

Ele até demorou mais no cargo, porque o presidente Jair Bolsonaro não quis dar o cabimento à colunista, e para desmoralizar, tanto ela quanto a Globo, segurou o ministro.

Hoje, ao conceder entrevista no Palácio do Planalto, admitiu que Vélez “não está dando certo”.

Já não estava.

Quem não esteve certo foi o presidente ao não demitir o ministro na hora certa para não dar cabimento a Cantanhede.

Também não estava certo quando nomeou o COLOMBIANO como ministro da EDUCAÇÃO do Brasil.

Quem já viu um gringo que mal pronuncia direito o português, ser ministro da Educação do país ao qual não domina bem a sua língua?

Só no Brasil.

Vélez vai tarde.

Bem tarde.

Relembre o furo da jornalista.

 

5 de abril de 2019 às 13:56

Colunista explica porque Paulo Guedes se irritou ao ser chamado de “tchutchuca” [0] Comentários | Deixe seu comentário.

Do jornalista Alfredo Ribeiro de Barros, o bem humorado Tutty Vasques, que assinou coluna em veículos como Jornal do Brasil, Veja, IstoÉ, e hoje escreve no no jornal O Estado de S. Paulo, explicando a ira do ministro da Economia, Paulo Guedes, ao ser chamado de “Tchutchuca”.

 

Foi o deputado Zeca Dirceu (PT-PR) que disse, na reunião da CCJ, que o ministro Paulo Guedes era uma “tchutchuca” quando tratava com ricos, e um “tigrão” quando se referia aos mais pobres.

A afirmação irritou o titular da pasta da Economia, que deixou o local após bater boca com o petista.

5 de abril de 2019 às 13:36

Vereador Preto Aquino apresenta nota de repúdio à bancada federal por retirada de emenda que beneficiaria Natal [0] Comentários | Deixe seu comentário.

O vereador de Natal Preto Aquino apresentou nesta sexta-feira um requerimento de lei contra os parlamentares da bancada Federal do Rio Grande do Norte, pela retirada da verba da emenda impositiva que seriam destinadas ao terminal turístico da praia da Redinha, como garantido pela própria bancada ao prefeito da capital Álvaro Dias.

Ao documento foi anexada uma moção de repúdio, reprovando a atitude dos parlamentares.

O requerimento que trata da nota de repúdio será lido na sessão ordinária da próxima terça-feira.

5 de abril de 2019 às 13:31

Governo garante a deputados estaduais pagamento de emendas de 2018 [0] Comentários | Deixe seu comentário.

O secretário de Planejamento do Estado, Aldemir Freire, garantiu hoje aos deputados estaduais que o Estado vai pagar as emendas impositivas de 2018.

Foi na reunião entre representantes do Governo e da Assembleia, hoje, com presença do presidente da Casa, Ezequiel Ferreira de Souza.

O Executivo se comprometeu a pagar R$ 6,6 milhões, sendo metade até junho e o restante no segundo semestre.

O valor desembolsado pelo Governo será dividido por igual entre os deputados.

“É importante ressaltar que as emendas parlamentares beneficiam diretamente a população. Muitas destas emendas são para a segurança pública, saúde e educação, por exemplo. Por isso, quero parabenizar o Governo por estar mostrando a vontade de viabilizar estes recursos tão importante para levar ações efetivas aos municípios e cidadãos”, disse Ezequiel.

O secretário de Gestão de Projetos e Articulação Institucional, Fernando Mineiro, também participou da reunião e reforçou que as emendas serão liberadas.

“Não ficará nenhuma emenda sem empenho até o final do ano, independente da relação que cada deputado tem com o Governo”, afirmou Mineiro.

Participaram da reunião ainda os deputados Tomba Farias (PSDB),  Souza (PHS), George Soares (PR), Raimundo Fernandes (PSDB), Hermano Morais (MDB), Albert Dickson (Pros), Cristiane Dantas (SDD), Kelps Lima (SDD) e Bernardo Amorim (Avante).

Fotos João Gilberto/AL

5 de abril de 2019 às 13:07

Sextou! [0] Comentários | Deixe seu comentário.

Sextou!

Antes da reunião entre deputados e representantes do Governo, o clima descontraído do deputado presidente da Comissão de Constituição e Justiça, deputado Raimundo Fernandes e o secretário de Gestão de Projetos, Fernando Mineiro.

O deputado CCJ se apresentou pra lá de descontraído.

Sextou para Raimundo.

5 de abril de 2019 às 10:44

Na Câmara, Nina Souza diz que retirada da emenda que beneficiaria Natal é “inaceitável” [0] Comentários | Deixe seu comentário.

A vereadora Nina Souza (PDT), também fez pronunciamento na Câmara Municipal de Natal em defesa da emenda suprimida da lista da bancada federal, que garantiria a criação de um polo turístico na praia da Redinha.

“Sabemos da situação econômica do país. A Prefeitura tem feito um grande esforço para pagar aos servidores em dia. Não tem recursos para investimentos. Então, quando tem uma emenda, nossa bancada retira. Isso é inaceitável”, discursou Nina.

5 de abril de 2019 às 0:57

Ministro recebe a prefeita Shirley e garante recursos para a Saúde de Messias Targino [0] Comentários | Deixe seu comentário.

A prefeita de Messias Targino, Shirley Targino (PR), foi recebida nesta quinta-feira pelo ministro da Saúde Luiz Henrique Mandetta.

Volta para o Rio Grande do Norte com garantia de recursos para instalação de uma Academia da Saúde, ampliação da Unidade Básica de Saúde Edino Jales, e com a liberação de emendas para custeio.

A viagem rendeu.