Thaisa Galvão

30 de maio de 2019 às 23:40

Prefeitura de São Gonçalo conclui pavimentação de ruas e assina nova ordem de serviço [0] Comentários | Deixe seu comentário.

O prefeito Paulinho inaugurou hoje 5 ruas que a Prefeitura pavimentou na comunidade Olho D’água do Carrilho, em São Gonçalo do Amarante.

Ele também assinou nova ordem de serviço para calçar outras vias públicas na comunidade.

“Já somam mais de 250 mil metros quadrados de ruas e avenidas pavimentados, em quase todos bairros da cidade. Essas obras de infraestrutura e mobilidade urbana têm melhorado a vida da população, porque pavimentação também é saúde pública”, disse Paulinho.

30 de maio de 2019 às 18:07

Protesto de hoje foi o menor dos 3 registrados em todo o país durante o mês de maio [0] Comentários | Deixe seu comentário.

Pelos números divulgados em todo o país, o protesto de hoje foi o menor em relação aos que foram realizados no domingo (26) e no dia 15 passado.

Hoje, no começo da noite, havia registro de protestos contra os cortes na Educação, em 21 estados brasileiros e no Distrito Federal.

O número de cidades de todo o país era de 82 com mobilizações.

No domingo, no protesto contra corrupção e em favor do presidente Jair Bolsonaro (PSL), houve movimento em 26 estados, no Distrito Federal e em cerca de 180 cidades.

No dia 15, quando aconteceu o primeiro movimento contra os cortes na Educação, houve registro em 26 estados, no Distrito Federal e em mais de 220 cidades.

No Rio Grande do Norte foram registrados protestos em Natal, Nova Cruz e Assu.

Em Natal a mobilização começou por volta das 15h nos arredores do Midway Mall.

Os manifestantes deixaram o Midway e seguiram pela Salgado Filho.

Vídeo: Via Certa Natal

30 de maio de 2019 às 17:39

STTU apresenta amanhã redução no número de mortes por acidentes em Natal [0] Comentários | Deixe seu comentário.

A STTU vai apresentar amanhã os números de redução de mortes por acidentes em Natal.

O anúncio acontecerá no encerramento do ‘Maio Amarelo’ e contará com a presença do prefeito Álvaro Dias.

O evento será às 16h no Centro de Treinamento de Educação de Trânsito, no bairro Pitimbu.

30 de maio de 2019 às 14:04

Agenda política de George Soares em Brasília inclui visitas a gabinetes e encontro com presidente da Câmara [0] Comentários | Deixe seu comentário.

Além de acompanhar a governadora Fátima Bezerra em audiência no Ministério da Saúde,em Brasília, o deputado líder do Governo na Assembleia Legislativa, George Soares (PR), também cumpriu agenda política na capital federal.

George foi ao gabinete da senadora Zenaide Maia, no Senado, e na Câmara visitou o deputado Walter Alves, e acompanhado do deputado João Maia esteve com o presidente da Casa, deputado Rodrigo Maia (DEM).

Com os parlamentares do RN, George tratou de emendas para o município de Assu.

30 de maio de 2019 às 12:06

Funpec emite nota e diz que verba publicitária pagou produção e veiculação de campanha em TVs, rádios e jornais de todo o país [0] Comentários | Deixe seu comentário.

A Funpec – Fundação da UFRN – que vem sendo investigada pelo Ministério Público Federal, por ter usado 50 milhões de reais em uma campanha publicitária, emitiu nota nesta quinta-feira.

Na nota, a Fundação diz que a agência responsável pela campanha foi licitada, e que o dinheiro não foi utilizado apenas com a produção de vídeo, mas também com a veiculação nacional na Rede Globo, Rede Record, Folha de São Paulo, revista Caras, revista Crescer, rádio CBN e emissoras locais.

Outras peças também foram produzidas e veiculadas, como busdoor, painéis em estações de metrô das principais cidades do país, produção de uma websérie para as redes sociais, além de uma ação específica em grandes festas populares.

*

Como o Blog informou ontem, a agência Fields, responsável pela campanha, tem entre seus clientes a Procuradoria Geral da República (Ministério Público Federal) e o Conselho Nacional do Ministério Público.

30 de maio de 2019 às 11:50

Com erro de português, ministro da Educação faz espetáculo teatral para negar corte de verba para recuperação de Museu [0] Comentários | Deixe seu comentário.

Estamos apresentando…

O ministro da Educação!

É o que o Brasil tem para hoje.

Ah…

O “haviam” destacado pela jornalista Mônica Bérgamo, da Folha, é um erro de português do ministro da Educação.

No português correto é ‘havia emendas’.

Veja o espetáculo:

30 de maio de 2019 às 11:37

Texto que circula em grupos de padres de todo o país diz que carta do Papa não se refere à situação judicial de Lula [1] Comentários | Deixe seu comentário.

Texto que circula em grupos de religiosos pelo Brasil afora, sobre a carta do Papa Francisco ao ex-presidente Lula, respondendo a uma correspondência enviada ao Vaticano por Lula:

 

1-  O Papa e seus assessores respondem a todos que enviam cartas a Santa Sé. É um procedimento padrão.

 

2 – A carta repete as diretrizes que devem nortear um chefe de Estado segundo o ensino católico, citando inclusive seus antecessores.

 

3 – Não há na carta nenhum juízo de valor sobre o ponto de vista do condenado, nem nada a respeito da situação judicial do ex-presidente. Lula não é tratado como “preso político”. Não há nenhuma aprovação aos crimes do ex-chefe de Estado. Não há proselitismo político ou ideológico.

 

3 – As mensagens do Santo Padre sempre mostram compaixão com todos. O Papa presta condolências pelas perdas de entes queridos do ex-chefe de estado – o que é realmente triste, independentemente do uso político que delas foi feito.

 

4- A carta diz que podemos passar do pecado que nos separa de Deus para a amizade que nos une a Ele. Diz também que o bem vence o mal, a verdade vence a mentira, a salvação vence a condenação; tudo isso no contexto da Ressurreição do Senhor. Quer dizer, o Papa aproveitou a oportunidade para evangelizar.

 

5 – Não se encontra nada na carta que ponha em risco a fé.

 

6 – É óbvio e previsível que os petistas utilizarão a carta como desculpa para “inocentar” o chefe. É previsível também que muitos neoconservadores histéricos dirão que o Papa é “petista” ou algo do tipo. É o golpe perfeito contra a Igreja.

*

O texto circula sem assinatura, porém, tem sido considerável “plausível” por representantes da igreja católica.

O Vaticano não deu prosseguimento ao assunto, além da carta assinada pelo Papa.

De vez em quando o Papa manda cartas para grandes personalidades não só da política, mas também da cultura, das ciências, da música, do esporte. Quer sejam dos seus parâmetros de pensamento, quer não.

30 de maio de 2019 às 11:07

MPF do RN pede condenação da União e do ministro Weintraub por danos morais e declarações ofensivas [0] Comentários | Deixe seu comentário.

O Ministério Público Federal ajuizou uma ação civil pública (ACP) na Justiça Federal do Rio Grande do Norte contra o ministro da Educação, Abraham Weintraub.

O MPF quer a condenação do ministro e da União por danos morais coletivos decorrentes de condutas praticadas desde que o primeiro assumiu a pasta, em abril deste ano.

Um dos pontos da ação é sobre a declaração do ministro, dizendo que “universidades que, em vez de procurar melhorar o desempenho acadêmico, estiverem fazendo balbúrdia, terão verbas reduzidas”.

Para o MPF, a fala demonstra “clara vontade discriminatória por parte do réu, pois as universidades inicialmente retaliadas pelo MEC (UFF, UFBA e UnB) atingiram ótimo desempenho”, com base em rankings de avaliação do ensino superior, como Times Higher Education.

A outra declaração considerada ofensiva e discriminatória, foi feita por Weintraub no dia 20 de maio, durante reunião com reitores e membros da bancada parlamentar do Rio Grande do Norte.

Ao ser questionado sobre a falta de recursos para o pagamento do serviço de limpeza na Ufersa, UFRN e IFRN, o ministro propôs que “se chamasse o CA e o DCE” para realização dos serviços.

 

 

Os CAs (centros acadêmicos) e DCEs (diretórios centrais dos estudantes) são órgãos de representação dos alunos e a prestação desses serviços pelos seus integrantes seria ilegal.

“A proposta parte da premissa inafastável de que, para Sua Excelência, os respectivos alunos são desocupados, não realizando a contento as atividades de ensino, pesquisa e extensão a ponto de ostentarem tempo livre para, ilegalmente, exercerem tarefa que cabe à Administração”, reforça a ação.

No dia 22 de maio, em uma audiência na Comissão de Educação na Câmara dos Deputados, o ministro se recusou a pedir desculpas por usar o termo “balbúrdia” ao se referir às universidades federais. “Eu não tenho problema nenhum em pedir desculpas, mas esse não”, disse Abraham Weintraub.

 

Para o MPF, as condutas do titular do MEC são discriminatórias, não estando protegidas pela liberdade de expressão, pois denigrem a honra e a imagem pública dos professores e alunos.

“Qualquer trabalho lícito é dignificante e aquele exercido voluntariamente, ainda mais no contexto da conservação do patrimônio público, merece ser homenageado. Fosse essa a finalidade da fala do Ministro da Educação, evidentemente, não haveria de se cogitar de qualquer dano moral”, esclarece a ação.

 

“O tom jocoso utilizado, com claro interesse de humilhar os estudantes, somente pode ser compreendido quando analisado o contexto global em que a fala foi proferida, no contexto da conturbada relação com as instituições de ensino”.

 

Risco democrático – A ACP destaca o perigo em torno de “envenenamento” gradual da democracia, quando discursos desse tipo passam a ser proferidos e considerados normais na sociedade, podendo criar um clima de animosidade contra as instituições.

Devido à complexidade em fixar indenizações a título de danos morais coletivos, o MPF sugeriu um valor de R$ 5 milhões, levando em conta a reiteração da conduta, o cargo ocupado por Abraham Weintraub e a quantidade de pessoas atingidas.

 

Caso os réus sejam condenados ao pagamento da indenização, após o trânsito em julgado da ACP, a quantia deve ser destinada ao Fundo de Defesa dos Direitos Difusos.

A ação tramitará na Justiça Federal do RN sob o número 0800928-89.2019.4.05.8401, na 10ª Vara Federal, em Mossoró (RN), e é de autoria dos procuradores da República Emanuel Ferreira, Renata Muniz, Raphael Bevilaqua, Jorge Luiz Ribeiro, Felipe Moura, Caroline Maciel e Fernando Rocha.

30 de maio de 2019 às 9:50

Em audiências com ministros, Fátima trata de liberação de recursos para barragens de Oiticica e Passagem das Traíras [0] Comentários | Deixe seu comentário.

Mais da agenda da governadora Fátima Bezerra nesta quarta-feira em Brasília.

Fátima esteve com o ministro-chefe da Secretaria de Governo da Presidência, general Carlos Alberto dos Santos Cruz, e recebeu a garantia da liberação de R$ 19 milhões para a conclusão da barragem de Oiticica, em Jucurutu.

“Tratamos da infraestrutura hídrica do Rio Grande do Norte e saímos com a garantia de liberação dos recursos na próxima semana. A barragem de Oiticica é um importante reservatório do estado que trará segurança hídrica para a região do Seridó”.

Com o ministro do Desenvolvimento, Gustavo Canuto, a governadora solicitou R$ 30 milhões para a Barragem Passagem de Traíras.

“O ministro foi bastante sensível, e aguardamos que em breve ele possa assegurar estes recursos para a recuperação desta também importante barragem para o povo do Seridó”, disse a governadora.

*

Na Secretaria Nacional da Habitação, a governadora Fátima solicitou R$ 60 milhões para restabelecer os contratos com o programa Pró-Moradia, que prevê a construção de 1.300 unidades habitacionais no Rio Grande do Norte.

Pedido feito ao diretor substituto da Secretaria Nacional de Habitação, Vladimir Lima, em Brasília.

 

30 de maio de 2019 às 9:13

Ministro da Saúde promete à governadora Fátima que vai reorganizar atendimento do SUS no RN [0] Comentários | Deixe seu comentário.

Acompanhada do deputado federal João Maia e da senadora Zenaide Maia, a governadora Fátima Bezerra foi recebida pelo ministro da Saúde, Luiz Henrique Mandetta.

Recebeu a informação que nesta quinta-feira, o Ministério anunciará as medidas para recuperar e reorganizar o atendimento do Sistema Único de Saúde – SUS no Rio Grande do Norte.

“Viemos aqui obter uma resposta e cobrar apoio técnico e financeiro às reivindicações que fizemos ainda no mês de fevereiro para as fortes demandas da saúde pública em nosso estado. Há três meses apresentamos documento com as demandas, necessidades imperiosas de apoio por parte do governo federal, diante das dificuldades que encontramos a área da saúde do nosso estado”, afirmou Fátima.

O governo ainda reivindica recursos para conseguir reduzir a superlotação dos hospitais, serviços de urgência e emergência, filas de espera por leitos de UTI, consultas e exames especializados, cirurgias pós-trauma e eletivas, baixa cobertura vacinal, deficiência no suprimento de insumos, medicamentos e na prestação de serviços.

Acompanharam Fátima o líder do Governo na Assembleia, deputado George Soares e o secretário de Saúde Cipriano Vasconcelos.

 

30 de maio de 2019 às 6:14

Minuto da Câmara: Prestando contas [0] Comentários | Deixe seu comentário.

Em Sessão Ordinária, os vereadores derrubaram o veto do executivo municipal ao Projeto de Lei da vereadora Eleika Bezerra (PSL), que altera a nomenclatura do cargo de educador infantil para professor.  Essa e outras notícias, você acompanha no Minuto da Câmara, o seu resumo semanal do trabalho realizado no legislativo municipal de Natal.

Essa e outras notícias no Minuto da Câmara, um resumo do trabalho do legislativo municipal de Natal.

Acompanhe:

 

30 de maio de 2019 às 0:40

Depois da Saúde, deputado João Maia participa de apresentação do projeto de segurança desenvolvido no RN [0] Comentários | Deixe seu comentário.

Depois de acompanhar a governadora Fátima Bezerra no Ministério da Saúde, o deputado João Maia seguiu cumprindo a pauta do Rio Grande do Norte.

Acompanhado do diretor do Instituto Metrópole Digital, Ivonildo Rêgo, do novo reitor da UFRN, Daniel Diniz, e do secretário estadual de Segurança, Coronel Araújo, João Maia foi à Secretaria Nacional de Segurança apresentar o Projeto de Segurança desenvolvido pelo IMD, UFRN e Secretaria Estadual de Segurança.

“Foram duas importantes reuniões, tratando sobre assuntos da Saúde e da Segurança do nosso Estado. O Secretário Nacional de Segurança, Guilherme Theophilo, garantiu uma fonte de recursos para desenvolver o Projeto de Segurança”, declarou João Maia.