Thaisa Galvão

30 de agosto de 2019 às 18:06

Prefeito de Nova Cruz terá o apoio do PSDB em 2020 [0] Comentários | Deixe seu comentário.

Presidente do PSDB/RN, o deputado Ezequiel Ferreira recebeu hoje o prefeito de Nova Cruz, Flávio de Beroz (MDB).

Flávio vai disputar reeleição no próximo ano e terá o apoio do presidente da Assembleia Legislativa.

30 de agosto de 2019 às 17:30

Governadora Fátima Bezerra participa da Feneciti em Mossoró [0] Comentários | Deixe seu comentário.

A governadora Fátima Bezerra participa nesta sexta-feira em Mossoró, da abertura da Feira Regional de Negócios, Ciência, Tecnologia e Inovação (Feneciti), que acontecerá na Estação das Artes Elizeu Ventania.

Com Fátima estará em Mossoró o secretário de Desenvolvimento Econômico, Jaime Calado.

Nestes dois dias o evento acontecerá das 17h às 22h, com shows musicais a partir das 22h desta sexta.

Porém a solenidade de abertura será às 20h30.

As ações cidadãs deste sábado acontecerão das 8h às 12h.

30 de agosto de 2019 às 17:09

Sem gravidade após acidente na Via Costeira, Nelson Freire trocou Walfredo pelo Hospital do Coração [0] Comentários | Deixe seu comentário.

Depois de ser atendido no Walfredo Gurgel, o ex-deputado Nelson Freire foi transferido para o Hospital do Coração onde segue em observação e sem receber visitas.

Porém, sem nenhuma gravidade diagnosticada.

Freire sofreu um acidente de carro hoje cedo na Via Costeira.

O motorista foi liberado logo após ser atendido no hospital já que não sofreu nada.

30 de agosto de 2019 às 14:29

Governo do RN e Prefeitura de Natal pagam folha de agosto e injetam mais de 180 milhões na economia potiguar [0] Comentários | Deixe seu comentário.

A economia potiguar foi abastecida nesta sexta-feira com o Governo do Estado e a Prefeitura de Natal injetando recursos com o pagamento dos salários dos servidores referentes ao mês de agosto.

O Governo do Estado conclui a folha repassando para as contas de 60 mil servidores, R$ 127 milhões.

Já a Prefeitura do Natal repassou os salários de agosto dos ativos, inativos e pensionistas.

Os R$ 62 milhões vem sendo creditado nas contas dos 21.280 servidores ao longo do dia.

O Governo do Estado já adiantou que para setembro as datas e valores de pagamento permanecerão em duas datas pré-agendadas: dia 16 (com parcela de 30% de quem recebe mais de R$ 3 mil (bruto) e dia 30 (os 70% restantes e o integral aos servidores lotados em órgãos com recursos próprios).

30 de agosto de 2019 às 13:25

Agrofest movimenta o município de São Gonçalo do Amarante [0] Comentários | Deixe seu comentário.

Continua nesta sexta-feira a primeira feira agropecuária de São Gonçalo do Amarante/RN, a Agrofest.

A feira foi aberta nesta quinta-feira pelo prefeito Paulinho, com presença do secretário estadual de Desenvolvimento Econômico, Jaime Calado.

O evento segue até este sábado, quando haverá corrida de jegue e concurso de gado leiteiro.

A Agrofest inclui exposição de animais, workshops e shows musicais.

Banco do Brasil, Banco do Nordeste, Santander e Agência de Fomento do Rio Grande do Norte (AGN) estão realizando operação de crédito.

A partir das 18h de hoje o show será com Pegada do Forró, César Carlos e Banda e Edson Play.

 

 

Foto Wendell Jefferson

30 de agosto de 2019 às 9:16

Cadê o Queiroz? A revista Veja achou [0] Comentários | Deixe seu comentário.

“Cadê o Queiroz?”

O bordão que tomou conta do lado anti-Bolsonaro no Brasil nos últimos meses, e que fez até mesmo o senador Flávio Bolsonaro dizer que também queria saber onde está o seu ex-assessor, acusado de comandar, junto a Flávio, um esquema milionário no gabinete do senador quando era deputado estadual, agora tem resposta.

A revista Veja descobriu o paradeiro de Queiroz.

Trecho da reportagem da revista que traz o assunto na capa:

Por volta das 17h50 do último dia 26, o desaparecido mais famoso do Brasil passou, sem chamar atenção de ninguém, pela porta e se encaminhou para a recepção do Centro de Oncologia e Hematologia do Hospital Albert Einstein, em São Paulo. Ali são oferecidos consultas e serviços como quimioterapia e radioterapia. De boné preto e óculos de grau, o paciente chegou sem seguranças nem familiares o acompanhando – e ficou sozinho por lá.

Antes do compromisso agendado, fez hora na lanchonete e tomou café tranquilamente, sem ser importunado por ninguém.

Cerca de uma hora depois, Fabrício Queiroz, o ex-assessor do senador Flávio Bolsonaro, sumido desde janeiro, deixou o local.

Ao longo dos últimos três meses, VEJA seguiu pistas e entrevistou dezenas de pessoas para identificar seu paradeiro.

Conforme mostram as fotos desta reportagem, achamos finalmente o desaparecido mais famoso do país.

Queiroz hoje reside no Morumbi, o mesmo bairro da Zona Sul de São Paulo onde se encontra o Einstein.

A proximidade facilita os deslocamentos até o hospital, normalmente feitos de taxi ou Uber.

Queiroz, que raramente sai de casa, luta contra o mesmo câncer no intestino que o levou para a mesa de cirurgia no fim do ano passado, pouco antes do estouro do escândalo da movimentação suspeita de 1,2 milhão de reais (600 000 entrando e 600 000 saindo) em sua conta na época em que trabalhava para Flávio Bolsonaro.

Sua última aparição pública foi justamente no Einstein.

Em 12 de janeiro, ele postou um vídeo na internet em que surgia dançando no hospital durante a recuperação de uma cirurgia. Segundo uma pessoa próxima, a operação não resolveu o problema do tumor. Um possível agravante é o de que Queiroz teria se descuidado por um tempo, para dar prioridade nos últimos meses ao esforço de se manter longe dos holofotes.

As “férias” forçadas do tratamento cobraram um preço: há sinais de que a doença continua ameaçando perigosamente seu organismo. Um de seus amigos, o deputado estadual Rodrigo Amorim (PSL-RJ), trocou mensagens com Queiroz há alguns meses. “Ele escreveu que ainda estava baqueado”, conta. No aspecto físico, Queiroz não aparenta seu delicado estado de saúde. Está apenas ligeiramente mais magro do que no ano passado.

*

A reportagem de capa da Veja continua com os detalhes do caso que colocou Fabrício Queiroz e Flávio Bolsonaro no palanque central do governo do presidente Jair Bolsonaro.