Thaysa Galvão
Thaysa Galvão
Thaysa Galvão
Thaysa Galvão
Thaysa Galvão
Holiday

Thaisa Galvão

23 de novembro de 2016 às 7:37

Clássico antigo: a vergonha de assistir Caicó sem água [0] Comentários | Deixe seu comentário.

Por Thaisa Galvão

 

Assistir ao drama vivido pelas populações de cidades castigadas pela seca no Rio Grande do Norte, é voltar no tempo e assistir a filmes passados em telas improvisadas em salas de cinema de cidades do interior de antigamente, onde as pessoas chegavam até a levar cadeiras de casa para acompanhar a saga de Teixeirinha, os clássicos de Tarzan…

Tão antiga a questão da seca, quanto os mandatos de muitos políticos brasileiros, que já lamberam muito os beiços comemorando eleições prometendo àquele povo sem internet e sem televisão, que naquele ano a água iria chegar.

 

E os anos passaram, a saga de Teixeirinha e suas 7 provas caíram de moda, os clássicos de Tarzan perderam a graça…mas a desgraça nos sertões do Brasil continuou rendendo festa e pajelança a muitos que hoje enfrentam problemas bem mais graves do que a falta de um copo de água potável.

Retrato de Brasil, e principalmente de Nordeste.

 

A seca de 1912 se repetiu em 1915, em mil novecentos e vôtes, 2 mil, 2010…e perdura até hoje.

Os projetos que custaram dinheiro público e nunca foram realizados – só renderam votos – se repetem.

Com uma diferença: hoje o povo vê, sabe, acompanha, tira conclusões.

Não dá mais para ganhar votos com a desgraça do homem do campo, crente em Deus e nos seus políticos, de que a seca seria uma página virada, até que a próxima eleição chegasse, e as promessas continuassem…

 

Assistir cidades importantes do Rio Grande do Norte como Caicó ficar sem água, é voltar no tempo e fazer cair a ficha de que os políticos tão acreditados pelo sertanejo honesto, nunca lhe fizeram valer o voto. Nunca foram fiéis à sua confiança.

 

Antes das barragens do governador Geraldo Melo e das adutoras construídas pelos governadores Garibaldi Filho e Wilma de Faria, haviam as promessas fajutas do milagre da transposição do São Francisco, por exemplo.

Virou folclore, e mais de 50 anos depois, continua a passos lentos, prometendo, prometendo…

O que a transposição conseguiu até agora foi produzir fotos bonitas em palanques montados em canteiros de obras superfaturados e com editais renovados…

 

Em vez de desviar água para localidades mais sofridas, o que muito se desviou foi dinheiro público.

A transposição rendeu muitas eleições.

Foi muito dinheiro tirado da cisterna do trabalhador em forma de doação legal para governadores, deputados, senadores, presidentes da República.

 

Ver Caicó e cidades do Seridó hoje sem água, é constatar o quanto o voto de cada eleitor não valeu de nada.

São décadas de promessas e nenhuma solução.

O filme de hoje só pode ter um nome: Vergonha.

 

Tomara que os carros-pipa que hoje invadem Caicó, transformando a cidade em cenário de filme antigo, faça o povo refletir, e chegar à conclusão que nada disso deveria estar acontecendo.

Porque nunca faltou dinheiro para encontrar soluções.

O que falta hoje para os sertanejos é água, mas para muitos dos nossos políticos, é vergonha na cara.

23 de novembro de 2016 às 6:48

Depois de audiência do governador Robinson Faria, carros-pipa com água potável começam a chegar hoje a Caicó [0] Comentários | Deixe seu comentário.

“O Governo do Estado está fazendo tudo que está ao seu alcance para atender à população de Caicó e não deixar que falte água”.

A declaração foi do governador Robinson Faria, em Caicó, ao anunciar que através de carros-pipa o Estado levará 180 mil litros de água potável por dia para a cidade já desabastecida pelo rio Piancó/Piranhas-Açu.
“Serão dezenas de carros-pipa que chegarão nesta quarta-feira com o objetivo de garantir água para a população e também fazer com que os serviços essenciais não parem. Por isso daremos prioridade a locais como hospitais e escolas”, explicou o governador, que deixou de ir a Brasília tratar da questão financeira do Estado junto ao Ministério da Fazenda e demais governadores, para ir a Caicó anunciar à população as medidas tomadas pelo Estado.
A água será distribuída em 40 caixas d’água e retiradas por chafarizes disponibilizadas pela Caern e instalados em locais definidos pela Defesa Civil.

“Decidi vir com a minha equipe para mostrar que o Governo do Estado está trabalhando para atender o povo”, justificou o governador.

O deputado estadual Nélter Queiroz (PMDB) também foi a Caicó participar da audiência pública na Câmara Municipal.

“O governador e sua equipe vieram aqui e mostraram que estão fazendo tudo que é possível para não deixar a população sem água”, disse o deputado. 
Segundo o prefeito Roberto Germano (PMDB), a medida adotada pelo governo evita que a Prefeitura decrete estado de emergência no município.

Durante a audiência, o governador explicou a polêmica sobre a adutora que deveria ser de engate rápido, mas que vem se arrastando há 4 anos.

“A obra seria feita pela Caern em cinco meses. Já tínhamos o projeto e todas as licenças. Estaríamos entregando a adutora este mês, mas por decisão do Ministério da Integração Nacional foi repassada para o DNOCS, o que atrasará a chegada de água”, apontou Robinson, lembrando que em vez de novembro ou dezembro, a adutora só deverá ficar pronta, se não houver atraso, em fevereiro de 2017.
Fotos Rayane Mainara

22 de novembro de 2016 às 16:28

MPF ingressa com ação para água a humanos e animais e lembra que regras são descumpridas desde 2014 [0] Comentários | Deixe seu comentário.

O Ministério Público Federal em Caicó ingressou hoje com ação civil pública contra a Agência Nacional de Águas (ANA), o Instituto de Gestão das Águas do Rio Grande do Norte (Igarn) e contra a Agência Executiva de Gestão das Águas do Estado da Paraíba (Aesa). 
A ação visa garantir a fiscalização, pelas três entidades, do curso do rio Piancó Piranhas-Açu, evitando desvios e irrigações clandestinas.
Desde 2014 vigoram regras que restringem o uso da água ao consumo humano e animal, proibindo a irrigação, inclusive por meio de resoluções conjuntas da ANA, Igarn e Aesa. 

O próprio MPF também já havia emitido duas recomendações para intensificar a fiscalização. 
Porém, as regras e recomendações não foram suficientes e o uso irregular da água continuou sendo praticado, provocando o caos em que a região se encontra hoje.
O MPF pede ainda que ANA, Igarn e Aesa apreendam qualquer equipamento utilizado para promover captações e desvios irregulares de água no corpo do Rio Piancó Piranhas Açu, desde a cidade de Coremas/PB até Jardim de Piranhas/RN, trecho no qual vigora uma proibição de uso de água para fins diversos do consumo humano e animal.
As três entidades devem apresentar ao MPF e à Justiça Federal, relatórios quinzenais sobre as atividades desempenhadas, os trechos cobertos, as irregularidades apontadas e as providências adotadas. 
O MPF pede aplicação de multa diária de R$ 5 mil por descumprimento. 

A ação tramita junto à 9ª Vara da Justiça Federal sob o número 0800809-33.2016.4.05.8402.

22 de novembro de 2016 às 12:55

Depois do poder de Eduardo Cunha, o poder de Geddel Vieira Lima [1] Comentários | Deixe seu comentário.

Do presidente da Câmara Federal, deputado Rodrigo Maia (PDT) sobre a polêmica em torno do super-super-super ministro Geddel Vieira Lima (PMDB):

“Nós precisamos que o ministro Geddel continue no governo”.

 

Maia não está preocupado se a polêmica envolvendo Geddel envolve corrupção ou não, como declarou o ex-ministro da Cultura, Marcelo Calero.

 

Eita Brasil desgovernado…

Se no tempo da presidente Dilma Rousseff (PT) se dizia que quem mandava no Brasil era o ex-deputado Eduardo Cunha (PMDB), se pode dizer que no tempo de Michel Temer (PMDB), o todo-poderoso é Geddel.

22 de novembro de 2016 às 12:39

Afastado da liderança do prefeito sem ser comunicado, Raniere Barbosa rompe com Carlos Eduardo [0] Comentários | Deixe seu comentário.

Num discurso agora há pouco na Câmara Municipal, o vereador Raniere Barbosa anunciou que não integra mais o grupo do prefeito de Natal, Carlos Eduardo.

Filiado ao PDT do prefeito, e líder de Carlos Eduardo na Câmara, Raniere foi atropelado no final de semana, quando, pelo telefone, o prefeito convidou o vereador Júlio Protásio (PDT) para ser seu líder nesse final de gestão.

Júlio foi convidado, mas Raniere não foi desconvidado.

O rompimento quebra anos de fidelidade e parceria entre os dois.

Raniere sempre teve espaço privilegiado ao lado de Carlos Eduardo.

Sempre foi o vereador ou secretário municipal que mais privava da intimidade do prefeito.
Reeleito em outubro como o mais votado de Natal, Raniere vem trabahando sua candidatura à presidência da Câmara e já conta com o apoio de outros 18 vereadores que assinaram um manifesto.

O prefeito quer como presidente da Casa o vereador eleito para o primeiro mandato, Kleber Fernandes (PDT) e para isso, entrou de caneça na campanha e pediu votos, inclusive a parlamentares que já estão comprometidos através de uma assinatura, com a candidatura de Raniete.

Sem viabilizar o nome de Kleber, o prefeito Carlos Eduardo passou a trabahar seu Plano B: o atual presidente Franklin Capistrano (PSB).

Pelo menos foi o que ele disse à sua atual vice e vereadora eleita Wilma de Faria (PTdoB), ao pedir seu voto.

Wilma assinou o manifesto pró-Raniere.
A eleição para presidente da Câmara será no dia 1º de janeiro de 2017. Daqui a 40 dias.

Até lá muita água pode rolar.
O grupo do prefeito acredita que poderá mudar o quadro.

E a população vai saber quanto vale a assinatura de um vereador.

22 de novembro de 2016 às 12:00

Robinson cancelou ida a Brasília para encontro de governadores e foi a Caicó para se reunir com prefeitos e população [0] Comentários | Deixe seu comentário.

O governador Robinson Faria decidiu não ir a Brasília para a reunião com o ministro da Fazenda, Henrique Meirelles, e possivelmente com o presidente Michel Temer.

Acompanhado do presidente da Caern, Marcelo Toscano, dos secretários de Recursos Hídricos, Maírton Azevedo, e de Articulação Institucional, Getulio Ribeiro, e do presidente do Igarn, Josivan Cardoso, ele seguiu agora para Caicó.

Sem água nos reservatórios e enfrentando uma seca há mais de 4 anos, o município é um dos que, a partir de hoje, não terá mais como ser abastecido pela Caern.

O governador vai conferir as medidas que estão sendo tomadas para convivência com o colapso d’água e às 15h se reunirá na Câmara Municipal com autoridades locais e a população.

22 de novembro de 2016 às 11:34

Suspensão não afastará a deputada Zenaide Maia dos trabalhos nas Comissões da Câmara  [0] Comentários | Deixe seu comentário.

A suspensão do PR à deputada federal Zenaide Maia, pelo fato dela ter votado contra a PEC que limita gastos, por achar que contrariava direitos da população, mas contrariando o governo Temer, foi por um período de 12 meses, e não dois anos.

E só impedirá que ela vote como líder ou vice-líder nas comissões.

Mas a parlamentar não ficará nem afastada das Comissões às quais pertence.

A suspensão também não atrapalhará o processo de reeleição da deputada em 2018.

22 de novembro de 2016 às 7:04

Conheça as pegadinhas do Whats App que podem lhe dar prejuízo [0] Comentários | Deixe seu comentário.

Do G1

 

Golpes no WhatsApp podem elevar conta do celular; veja lista e fuja deles

Fraudes via app podem ‘zerar’ bateria e fazer celular enviar propaganda.

Veja dicas para fugir dos golpes pelo popular serviço de mensagem

 

Altieres Rohr

Especial para o G1

 

Quem busca descontos em passagens aéreas ou descobrir com quem os amigos conversam no WhatsApp pode acabar pagando caro na conta de telefone ou ver a bateria durar menos.

O G1 lista seis fraudes que circularam pelo WhatsApp em 2016 e já foram motivo de alerta feito pelas empresas de segurança Kaspersky Lab e PSafe.

O funcionamento dos ataques é parecido: uma oferta de um aplicativo, serviço ou promoção chega até um usuário via mensagem pelo WhatsApp; antes de aproveitar a dica, ele tem de compartilhá-la com contatos.

Só que, mesmo fazendo tudo corretamente, não há recompensa. No melhor dos cenários, o celular dele acaba com um app indesejado sendo instalado, que consome bateria e exibe propagandas.

Nos piores casos, a conta vai sair mais cara no fim do mês por causa de serviços de SMS e gastos com pacote de dados.

Embora o modo da operação não mude, é importante ficar atento: os criminosos sempre criam novas iscas.

 

1- VEJA QUEM VISITOU SEU PERFIL

Isca: Mensagem no WhatsApp com link promete mostrar quem “xeretou” ou visualizou seu “perfil” no WhatsApp.

Funcionamento: A fraude tenta convencer a vítima a acessar um link e depois compartilhar esse mesmo link para os seus contatos.

Por isso, a mensagem da fraude também deve chegar de um contato conhecido. Caso a vítima siga as orientações da página no link, ela vai acabar vendo diversas propagandas para serviços “premium”, possivelmente cadastrando o celular em serviços via SMS.

A fraude foi descoberta pela Kaspersky Lab.

Prejuízo: Os serviços via SMS cadastrados pela vítima têm custo e o valor será cobrado na fatura do celular ou descontado dos créditos.

*

2- POKÉMON GO PRO

Isca: Versão “melhorada” do jogo Pokémon Go

Funcionamento: Segundo a Kaspersky Lab, a vítima recebe uma mensagem no WhatsApp prometendo o download de uma versão inexistente do jogo Pokémon Go. O link deve vir de um dos contatos da vítima. Ao clicar no link, a página pedirá que a vítima compartilhe o mesmo link para os seus contatos antes de permitir o download. Em vez do suposto aplicativo do Pokémon Go, porém, o usuário acaba baixando um “adware” – um programa que exibe propagandas.

Prejuízo: Aplicativos que exibem propagandas podem aumentar o consumo da bateria e pacote de dados, bem como prejudicar a utilização dos aplicativos com telas indesejadas de propaganda. Em alguns casos, essas propagandas podem oferecer serviços de SMS premium e o custo cobrado direto na fatura ou descontado dos créditos.

*

3- COMO ESPIONAR CONVERSAS NO WHATS APP

Isca: Descobrir com quem seus contatos no WhatsApp estão conversando com o “WhatsEspião”

Funcionamento: De acordo com o alerta da fabricante de antivírus PSafe, a vítima poderia fazer o download do programa “WhatsEspião” para espionar contatos e descobrir com quem estão conversando. Antes do download, porém, o link precisa ser compartilhado com outros contatos do WhatsApp e a vítima precisa fornecer suas informações. O aplicativo baixado não possui a função prometida e exibe propagandas no celular.

Prejuízo: Aplicativos que exibem propagandas podem aumentar o consumo da bateria e pacote de dados do celular, bem como prejudicar a utilização dos demais aplicativos com telas indesejadas de propaganda. Em alguns casos, essas propagandas podem oferecer serviços de SMS premium com custo cobrado direto na fatura ou descontado dos créditos.

*

4- VÍDEO CHAMADA DO WHATS APP

Isca: Realizar chamadas em vídeo pelo WhatsApp

Funcionamento: Antes de habilitar o suposto recurso, o usuário precisa encaminhar o link malicioso para dez amigos no WhatsApp. Depois, é preciso informar o número de telefone. No fim, a vítima verá mensagens que relatam problemas falsos no celular e que oferecem “atualizações de sistema” para “consertar” os danos, tentando assustar a vítima a ponto de ela efetuar o download. Segundo a Kaspersky Lab, essa tática é usada para promover “software suspeito de benefício limitado”.

Prejuízo: Ter um programa suspeito instalado no celular. O aplicativo pode introduzir falhas, mostrar mensagens mentirosas sobre problemas no celular e até fazer cobranças para solucionar problemas que não existem.

*

5- DESCONTOS E PROMOÇÕES DE PRODUTOS E SERVIÇOS

Isca: Cupons de desconto em restaurantes ou passagens aéreas de graça

Funcionamento: A vítima recebe de um contato o link para uma página com supostos cupons de desconto para produtos e serviços. Para ter acesso, ela precisa compartilhar o link com dez amigos ou três grupos. A vítima também precisa fazer o download de um aplicativo fraudulento – a página pode dizer que a promoção vai acabar dentro de poucos minutos para que se apresse para baixar o app falso -, além de fornecer o número do celular para que ele seja cadastrado em serviços “premium”. A Kaspersky Lab detectou essa fraude oferecendo cupons de R$ 600 para passagens áreas da TAM. A fabricante de antivírus Eset encontrou ofertas para vales de R$ 50 em lanches no Burger King. As duas promoções são falsas.

Prejuízo: A vítima pode acabar com programas indesejados no celular, o que acarreta em redução de desempenho e bateria do celular, além de ser cadastrado em serviços pagos que de SMS que são cobrados na fatura ou descontados dos créditos.

*

6- CRÉDITO PARA O CELULAR

Isca: R$ 25 em créditos grátis para o celular pré-pago

Funcionamento: Você recebe uma mensagem (provavelmente encaminhada por um amigo) oferecendo R$ 25 em crédito para o seu celular. Caso clique no link, você terá que encaminhar a mensagem para os seus amigos ou grupos, exatamente como nas outras fraudes. No fim, é preciso informar o número do celular, o que pode resultar em um cadastro em serviços de SMS. O crédito, claro, jamais é ganho. Segundo a fabricante de antivírus PSafe, que descobriu o golpe, os golpistas criaram até um vídeo no YouTube para orientar as vítimas a realizar todos os passos corretamente.

Prejuízo: Perder ainda mais créditos com gastos com serviços de SMS indesejados.

*

DICAS

Qualquer oferta que exija que você compartilhe um link com seus contatos, seja no WhatsApp ou no Facebook, é suspeita. Embora algumas ofertas sejam legítimas, é um truque muito comum entre os golpistas para que as próprias vítimas divulguem a fraude. Verifique bem a página, consulte o conteúdo dela e, no caso do Facebook, se ela possui a marca de “página verificada” ao lado do nome.

Fique também atento a qualquer SMS que informe que seu celular foi cadastrado em serviços. Como aplicativos em seu celular podem ter permissões para enviar e ler SMS, apps maliciosos podem realizar o cadastramento de maneira automática. Esses serviços podem ser cobrados na sua conta ou debitados dos seus créditos. Consulte sua operadora o quanto antes para evitar transtornos. Alguns desses serviços têm cobrança diária.

Finalmente, não instale aplicativos fora da loja oficial do seu aparelho celular e, mesmo que o aplicativo esteja cadastrado na loja, é muito raro que um desconto ou serviço necessite da instalação do referido aplicativo para funcionar. Se não tiver certeza, não instale o aplicativo. Seu pacote de dados e a bateria do seu celular agradecem.

22 de novembro de 2016 às 5:07

“Podemos” será o novo partido do deputado Antônio Jácome a partir de dezembro [0] Comentários | Deixe seu comentário.

O deputado federal Antônio Jácome vai mudar de partido…

Ou melhor, o partido de Jácome, o PTN, é que vai mudar.

A partir de dezembro o PTN passará a se chamar “Podemos”.

Nenhuma relação com o “Podemos” da Espanha.

A presidente da legenda, Renata Abreu (SP), que diz que o”Podemos” não será de direita nem de esquerda, justifica que se inspirou no slogan da campanha de Barack Obama em 2008, “yes, we can” (sim, podemos).

22 de novembro de 2016 às 4:45

Temer pode receber governadores hoje mas adianta que só ajudará estados mediante contrapartidas [0] Comentários | Deixe seu comentário.

Da Folha:
Governadores vão a Brasília em busca de saída para crise fiscal
VALDO CRUZ
O ministro Henrique Meirelles (Fazenda) vai negociar nesta terça-feira (22) com governadores um plano de recuperação dos Estados com a adoção de contrapartidas que garantam o fim em definitivo da crise fiscal.
Entre as medidas do cardápio que será analisado, estão a privatização de estatais, limite para o crescimento dos gastos de pessoal, autorização para captação de empréstimos no exterior e antecipação de receitas para os Estados (como a repatriação de recurso de brasileiros lá fora).
Também está prevista uma reunião dos governadores com o presidente Michel Temer para tentar fechar o plano de recuperação fiscal dos Estados. Este encontro dependerá da evolução das negociações com Meirelles.
Temer e seu ministro da Fazenda vão dizer aos governadores que qualquer ajuda não poderá comprometer o ajuste fiscal da União e que serão cobradas contrapartidas dos Estados em troca do socorro.
Segundo assessores presidenciais, não há espaço para ajuda caso os governadores não se comprometam com um cardápio de medidas fiscais que terão de adotar.
O presidente decidiu negociar o socorro aos Estados para evitar um crise grave neste final de ano, com cerca de 20 governadores sem recursos para pagar aos servidores o 13º salário.

22 de novembro de 2016 às 4:39

Órgão de fiscalização que questionou parecer do Iphan baiano sobre edifício foi extinto [0] Comentários | Deixe seu comentário.

Assim como o triplex de Lula, a polêmica sobre o duplex de Geddel Vieira também é antiga….

Como mostra a Folha de hoje:

JOÃO PEDRO PITOMBO

DE SALVADOR

A superintendência do Iphan (Instituto do Patrimônio Histórico e Artístico Nacional) na Bahia autorizou em 2014 a construção do edifício “La Vue” com base em um estudo interno, ainda sem valor legal, que traçou uma área de proteção do patrimônio no bairro da Barra, em Salvador.
Erguido numa das áreas mais nobres da capital baiana, o empreendimento virou alvo de polêmica após o pedido de demissão do ministro da Cultura, Marcelo Calero.
À Folha, Calero disse entregou o cargo porque o ministro Geddel Vieira Lima o pressionou para o Iphan emitir um parecer favorável ao empreendimento em Salvador, onde Geddel comprou um apartamento.
Em nota enviada nesta segunda-feira (21), o superintendente do Iphan na Bahia, Bruno Tavares afirma que liberou a construção do edifício “Le Vue” com base em critérios técnicos.
Tavares foi quem assinou o parecer em 2014 liberando a construção do prédio de 30 andares próximo a monumentos tombados, como a Igreja de Santo Antônio e o Forte de São Diogo.
Na época, ele era coordenador-técnico do Iphan baiano.
Segundo Bruno Tavares, ele autorizou a obra com base em uma poligonal de proteção do patrimônio da Barra concebida por técnicos do órgão na qual não constava o terreno do “La Vue”.
Na mesma nota, contudo, Tavares afirma que o estudo usado como base para autorizar o empreendimento ainda não havia recebido o crivo do Departamento de Patrimônio Material do Iphan Brasília.
Ou seja, era um estudo interno e ainda não tinha valor legal.
A palavra de final de Brasília sobre a delimitação da área de patrimônio da Barra aconteceu apenas em 2016, mais de um ano depois da autorização das obras o “Le Vue”.
Na ocasião, o Iphan discordou dos critérios usados na elaboração da área de proteção ao patrimônio da Barra e recomendou a paralisação de novos empreendimentos naquela região.
A Folha ainda apurou com servidores do Iphan na Bahia que já havia um estudo interno no órgão que determinavam uma área de proteção no bairro da Barra que incluiria o terreno onde começou a ser erguido o “Le Vue”.
Mesmo assim, um novo estudo sobre a proteção de patrimônio na área foi feito em 2013, poucos meses antes da constituição da empresa responsável pelo “Le Vue”, a Porto Ladeira da Barra Empreendimento.
PARECER
O IAB (Instituto dos Arquitetos do Brasil) ainda aponta irregularidade no parecer emitido em 2014 por Bruno Tavares.
Segundo a entidade, pelo fato de analisar o impacto paisagístico em uma área de bens tombados, o parecer de empreendimento deveria ser assinado por um arquiteto ou urbanista. Tavares é engenheiro civil.
“Entendemos que um engenheiro não tem habilitação para fazer esse tipo de análise, com base na legislação que regulamenta o exercício da profissão”, afirma Solange Araújo, presidente do IAB na Bahia.
O parecer de Tavares ainda foi de encontro a um outro parecer anterior assinado por duas arquitetas, uma do Iphan e uma da prefeitura, que deliberaram sobre o assunto do Etelfe (Escritório Técnico de Fiscalização), e recomendaram a readequação do projeto do empreendimento.
Meses depois de emitir o parecer contrário ao “Le Vue”, órgão colegiado tripartite com Iphan, Estado e prefeitura, o Etelfe foi extinto.
Segundo Bruno Tavares, a extinção do órgão “não guardou relação com a análise de nenhum empreendimento”.
Ele afirma que o órgão foi desativado por orientação da Procuradoria Federal do Iphan em Brasília, que teria verificado a existência de irregularidades em seu funcionamento.

22 de novembro de 2016 às 4:26

Comissão quer enquadrar o ministro Geddel Vieira [0] Comentários | Deixe seu comentário.

Da coluna Painel, na Folha de hoje:

Para Geddel, tudo já foi explicado.

Para o presidente Michel Temer, tudo já foi entendido.

22 de novembro de 2016 às 3:00

Geddel sumiu do twitter [1] Comentários | Deixe seu comentário.

Num perfil traçado pelo jornal O Globo de hoje, o super-super-super ministro de Temer, Geddel Vieira Lima (PMDB), é apontado por amigos e inimigos como “polêmico e verborragico”.
E é.

Basta alvuém dizer um tantinho assim sobre ele, que ele vai para o twitter soltar o verbo.

Igualzinho Eduardo Cunha, aliado muito-muito-muito próximo.
Mas…depois do caso do ‘duplex’ de Salvador, Geddel ainda não deu as caras no twitter.

Não parece querer ouvir o que o povo tem a dizer…
Polêmico, verborrágico, calado.

22 de novembro de 2016 às 2:42

Com Temer, Geddel é mais forte que Romero Jucá e Henrique Alves [0] Comentários | Deixe seu comentário.

Do Panorama Político, no jornal O Globo:


22 de novembro de 2016 às 1:32

Carnatal: Ingressos para camarotes e Arena já estão sendo vendidos [0] Comentários | Deixe seu comentário.

Já começaram, na Central do Carnatal, no Nstal Shopping, as vendas para as arquibancadas e Arena Carnatal.

Os ingressos também podem ser encontrados na loja Clínica do Shopping, localizada no setor de serviços do Midway Mall.
A Arena Carnatal será espaço de apresentações de grandes artistas que farão shows nos quatro dias do evento. 

Cada dia será uma atração:

Quinta-feira – Banda Psirico

Sexta-feira – Banda Eva

Sábado – Oito7nove4

Domingo – Cavaleiros do Forró.
O espaço Arena Carnatal é uma ampla área de convivência com ativações dos patrocinadores, praça de alimentação e banheiros, e com visão próxima dos trios, do percurso e do Palco Skol. 

Os foliões de blocos, arquibancadas, camarotes temáticos e camarotes particulares tem livre acesso ao espaço.
Outro espaço bastante acessível do Carnatal são as arquibancadas, com visão privilegiada do circuito de trios.
Para maior conforto do público, será oferecida total segurança e apoio com policiamento e monitoramento em todo o espaço da Arena Carnatal e arquibancadas. 

O acesso do público será por diversas entradas que estarão bem localizadas e de fácil acesso.

Confira a tabela de preços:

Arena Carnatal

Quinta (Psirico) – R$ 10,00

Sexta (Banda Eva) – R$ 10,00
Sábado (Oito7nove4) – R$ 15,00
Domingo (Cavaleiros do Forró) – R$ 10,00
Temporada – R$ 30,00

 Arquibancadas
Quinta – R$ 30,00
Sexta – R$ 40,00
Sábado – R$ 50,00
Domingo – R$ 40,00
Temporada – R$ 120,00

22 de novembro de 2016 às 1:21

Deputado Walter Alves viabiliza UTI Móvel para o Samu/RN [0] Comentários | Deixe seu comentário.

O deputado federal Walter Alves (PMDB), deixando de lado questões políticas, conseguiu viabilizar, junto ao Ministério da Saúde, a aquisição de uma UTI móvel para o Samu RN.
“É uma resposta à solicitação feita pelos coordenadores do serviço. O Samu desenvolve um trabalho extremamente importante para a população e a saúde é uma prioridade no nosso mandato”, justificou Walter.

A aquisição da ambulância foi viabilizada através de emenda impositiva do deputado no valor de R$ 200 mil. 
O Samu RN 192 cobre 80% do Rio Grande do Norte com uma estrutura que dispõe de 52 ambulâncias básicas e avançadas, 2 motos, suporte de 1 helicóptero e aproximadamente 600 servidores entre efetivos e terceirizados.

22 de novembro de 2016 às 1:11

Turismo Social Sesc encerra programação anual com passeio por Acari e Santa Cruz [0] Comentários | Deixe seu comentário.

No prócimo dia 11 de dezembro, o Turismo Social do Sesc realizará o passeio ‘Encantos da Fé’, finalizando a programação do ano. Dessa vez o destino será Acari e Santa Cruz, em um roteiro que contempla história, religião e belezas naturais do interior potiguar. 

As reservas podem ser feitas a partir da sexta-feira (18/11) na Central de Atendimento do Sesc Cidade Alta. 

Conhecida por ser a cidade mais limpa do Brasil, Acari abriga um importante acervo religioso do século 18, como a igreja de Nossa Senhora do Rosário e o Museu Histórico de Acari, ambos tombados pelo Patrimônio Histórico e artístico desde 1964. 
Uma das cidades mais antigas do Seridó, Acari foi aldeia de índios cariris e uma das principais atrações do município é o açude Gargalheiras construído em 1959 entre rochas e serra.

 

Outro destino será a cidade de Santa Cruz, conhecida pelo santuário de Santa Rita de Cássia. Inaugurada em 2010, a estátua de Santa Rita tem 56 metros de altura, e já é considerada a mais alta do mundo, desbancando o Cristo Redentor no Rio de Janeiro e a Estátua da Liberdade nos Estados Unidos.

 

O passeio Encantos da Fé será no formato bate e volta. Com saída prevista para as 6 horas do Sesc Potilândia, e conta com city tour por Acari, visitação ao Museu Sertanejo e ao açude Gargalheiras, almoço em Santa Cruz e visitação ao Santuário de Santa Rita de Cássia.

 

Estão inclusos o inclui kit lanche, seguro viagem, guia cadastrado, acompanhante Sesc, almoço e ônibus. Os valores podem ser divididos em até 10X nos cartões Visa, Hiper e Master, com tarifas reduzidas para crianças entre 02 e 10 anos. Bebês entre 0 e 1 ano e 11 meses não pagam. O número de vagas é limitado.

 

Turismo Social

 

O Sistema Fecomércio, por meio do Sesc promove passeios pelo RN e outros estados por meio do seu Turismo Social, retomado em 2016. Já foram realizadas excursões para João Pessoa, Festival Literário Sesc Infantojuvenil em São Miguel do Gostoso, Riquezas Minerais (Currais Novos, Santa Cruz e Sítio Novo), Serras do Meu RN (Martins e Portalegre), além de estarem previstos os passeios Caminhos do Frio (Alagoa Grande, Areia e Bananeiras, na Paraíba), Pipa das Letras (FliPipa) e Paraíso das Pedras (Passa e Fica, Serra de São Bento e Monte das Gameleiras).

 

O Turismo Social visa proporcionar novas oportunidades de lazer, integração e enriquecimento cultural por meio de viagens a custos acessíveis, democratizando o acesso aos passeios e hospedagens.

22 de novembro de 2016 às 1:04

Olimpo Recepções vai comemorar 15 anos [0] Comentários | Deixe seu comentário.

O Olimpo Recepções vai completar 15 anos.

E no dia 30 de novembro vai comemorar a data com um festão.

22 de novembro de 2016 às 0:37

Lava jato: Começam depoimentos e testemunhas confirmam esquema de propina mas não sabem dizer nada contra Lula [0] Comentários | Deixe seu comentário.

Da Folha:

 

Moro e advogados de Lula batem boca em audiência

ESTELITA HASS CARAZZAI

DE CURITIBA

 

Começaram a ser ouvidas nesta segunda (21) as primeiras testemunhas da ação contra o ex-presidente Luiz Inácio Lula da Silva, na Justiça Federal do Paraná.

A audiência foi marcada por bate-bocas entre a defesa de Lula e o juiz Sergio Moro, que conduz o processo e tem sido acusado de parcialidade pelos advogados do ex-mandatário.

Um dos defensores, José Roberto Batochio, chegou a afirmar que “o juiz não é o dono do processo” e sugeriu que Moro queria “suprimir a defesa” com suas atitudes.

“Eu imaginei que isso tivesse sido sepultado em 1945, e vejo que ressurge aqui, nesta região agrícola do nosso país”, afirmou.

O juiz rebateu: “A defesa está tumultuando a audiência, levantando questão de ordem atrás de questão de ordem. É inapropriado”.

 

Nos primeiros 30 minutos de audiência, enquanto o ex-senador Delcídio do Amaral era ouvido, os advogados do ex-presidente interromperam as perguntas por cinco vezes, argumentando que o Ministério Público tentava induzir a testemunha ao “colocar palavras na sua boca”, ou pedindo que o político se abstivesse de opiniões pessoais.

O ex-parlamentar, preso pela Operação Lava Jato e atual delator, depôs como testemunha de acusação, e falava sobre o processo de indicação política e de arrecadação de propinas em diretorias da Petrobras.

Para ele, Lula tinha “conhecimento absoluto de todos os interesses que rodeavam a gestão” da estatal.

Moro acolheu algumas das colocações e pediu que o Ministério Público refizesse as questões. Mas, diante da insistência, acabou encerrando o debate.

 

Para o juiz, as perguntas sobre o processo de indicação dos diretores da Petrobras eram “uma questão de contexto”.

“Mas qual é o contexto? Só existe na cabeça de vossa excelência. O contexto, para nós, é a denúncia”, afirmou o advogado Juarez Cirino.

“Eu entendi a questão, está indeferido. Existe um contexto. Não é possível que continuemos com essa audiência com a defesa adotando esse comportamento inadequado”, rebateu Moro.

 

FIM DA AUDIÊNCIA

 

Mais adiante, os advogados questionaram o fato de Moro fazer perguntas ao final da audiência, levantando novas questões que não seriam confrontadas pela defesa.

O juiz afirmou que eram esclarecimentos sobre o depoimento, e que isso estava previsto em lei.

Batochio reclamou e afirmou que essa interpretação “aberra da Constituição e da lei processual penal”.

 

PEDIDO DE PRISÃO

 

Na semana passada, a defesa de Lula chegou a pedir a prisão de Moro por abuso de autoridade. A queixa-crime contra o juiz está sob análise da PGR (Procuradoria-Geral da República).

Na ação, Lula é réu sob acusação de corrupção e lavagem de dinheiro na aquisição de um tríplex no Guarujá. Segundo o Ministério Público Federal, os bens foram pagos com propina oriunda da Petrobras, em contratos com a empreiteira OAS.

O ex-presidente nega e diz ser perseguido politicamente pela Lava Jato.

 

DEPOIMENTOS

 

Além de Delcídio, também foram ouvidos os executivos Eduardo Leite e Dalton Avancini, da Camargo Corrêa, e Augusto Mendonça, do grupo Setal —todos delatores.

Nenhum deles afirmou saber se o tríplex havia sido cedido e reformado para Lula com dinheiro oriundo de propina.

Também disseram nunca ter pago vantagens indevidas diretamente ao ex-presidente.

Eles reforçaram, porém, que havia um esquema de arrecadação de propinas na Petrobras, e que o dinheiro se destinava aos partidos responsáveis pelas diretorias.

“Ninguém soube dizer algo sobre a acusação. Todos foram unânimes em dizer que não conhecem nenhuma vantagem indevida [ao ex-presidente], nenhuma propriedade no Guarujá”, declarou o advogado de Lula, Cristiano Zanin Martins. “Nenhuma testemunha confirmou a tese acusatória.”

 

Ao longo da semana, ainda serão ouvidos os ex-diretores da Petrobras Paulo Roberto Costa e Nestor Cerveró, o ex-deputado Pedro Corrêa e o pecuarista e amigo de Lula José Carlos Bumlai, entre outros.

As audiências ocorrem na quarta (23) e na sexta (25).

22 de novembro de 2016 às 0:27

Efeitos do fechamento de agências do Banco do Brasil no RN [0] Comentários | Deixe seu comentário.

Com a decisão do Banco do Brasil de fechar 402 agências em todo o Brasil, já se sabe quais unidades do BB serão fechadas ou reformuladas no Rio Grande do Norte.

 

Serão fechadas as seguintes agências:

Avenida Ayrton Senna (Natal)

Base Naval (Natal)

Hospital Universitário Onofre Lopes (Natal)

Midway Mall (Natal)

Norte Shopping (Natal)

Base Aérea em Parnamirim

 

 

Serão transformadas em postos de atendimento as seguintes agências:

Município de Afonso Bezerra

Município de Florânia

Município de Governador Diz-Sept Rosado

Município de Martins

Agência da Petrobras, em Mossoró

Município de Pedro Avelino

Agência do Tribunal Regional do Trabalho, em Natal.

 

Transformadas em postos de atendimento, as agências terão o horário de funcionamento reduzido em uma hora, e o número de funcionários também será reduzido.

  • dezembro 2016
    S T Q Q S S D
    « nov    
     1234
    567891011
    12131415161718
    19202122232425
    262728293031