#JornalismoSemFakeNews

30 de agosto de 2007 às 4:38

Durante sabatina na CCJ, senadores defendem voto aberto para cassar Renan

[0] Comentários | Deixe seu comentário.

Pegando carona na votação aberta para indicação do novo ministro do Supremo, Carlos Alberto Direito, alguns senadores, que integram a Comissão de Constituição e Justiça defenderam, no plenário do Senado, que a votação que definirá a punição ou não ao senador Renan Calheiros, também deveria ser também aberta.

Eles alegam que só assim a democracia será exercida na sua plenitude. já que o sentimento de muitos brasileiros é que o presidente do Senado seja cassado.

O líder do DEM no Congresso, senador José Agripino, orientou que os Democratas que integram o Conselho de Ética, defendessem o voto aberto.

Carlos Direito, que daria o sexto voto no julgamento que definirá o futuro político da senadora Rosalba Ciarlini, teve o nome aprovado para o STF por 61 senadores e reprovadospor 2.

Um senador se absteve de votar.

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado.