#JornalismoSemFakeNews

5 de dezembro de 2007 às 12:41

MP do Distrito Federal ajudou a localizar Fernando Freire em Brasília

[0] Comentários | Deixe seu comentário.

O Juiz de Direito Ivanaldo Bezerra Ferreira dos Santos, da 8ª Vara Criminal da Comarca de Natal, atendeu requerimento do Ministério Público Estadual e decretou a prisão preventiva do ex-governador Fernando Freire, que foi detido hoje (05/12), no início da manhã, em um hotel de Brasília. O ex-governador será recambiado ao Quartel Geral da Polícia Militar, na avenida Rodrigues Alves, onde ficará recolhido até nova deliberação da Justiça.
Fernando Freire foi denunciado pelo Ministério Público por desviar em proveito próprio recursos públicos da ordem de R$ 346 mil do Governo do Estado destinados para pagamento de gratificações de representação de gabinete, não vinha comparecendo aos interrogatórios aprazados pela Justiça, estava dificultando a instrução criminal na ação penal n° 001.06.028707-2 e teve sua prisão preventiva decretada.
“…o imputado vem reiteradamente obstaculizando a regularidade da instrução criminal e se ocultando para evitar a aplicação da lei penal, uma vez que citado para interrogatório, o mesmo não vem comparecendo, malgrado peticione o reaprazamento do ato processual por sucessivas vezes, através de advogado. No que pese as tentativas de sua intimação para apresentar as alegadas passagens aéreas, inclusive sendo avisados os seus empregados e filhos, o acusado não demonstrou qualquer interesse em prestar esclarecimentos ao Judiciário, sendo prudente a decretação da constrição de sua liberdade para o fim de salvaguardar eventual aplicação da LEI PENAL, visto que sua liberdade oferece sério risco de comprometimento para efetividade do processo”, justificou o Juiz em sua decisão.
O mandado de prisão foi remetido, além da DECAP/POLINTER de Natal, da 2ª Seção da Polícia Militar do Rio Grande do Norte, da Superintendência da Polícia Federal no Estado e da Delegacia do Patrimônio Público (DEDEPP), também à Delegacia de Capturas do Rio de Janeiro, ao setor de inteligência da Polícia Militar do Rio de Janeiro e à Superintendência da Polícia Federal no Rio de Janeiro, pois havia a informação de que o ex-governador, recentemente, pudesse ter fixado residência naquele estado.
Informações do Grupo de Atuação Especial de Repressão ao Crime Organizado (GAERCO), do Ministério Público do Rio Grande do Norte, foram repassadas ao Procurador-Geral de Justiça, José Augusto de Souza Peres Filho, que estava em Brasília para reuniões institucionais, e o chefe do MPRN acionou o Ministério Público do Distrito Federal para auxiliar na localização e providenciar junto à PM a possível prisão do ex-governador.
Fernando Freire foi preso no início da manhã desta quarta-feira, por volta das 8 horas, foi encaminhado para o Quartel do BOPE, em Brasília, e ficaria aguardando a chegada na capital federal do delegado Odilon Teodósio, da Polícia Civil do Rio Grande do Norte, para ser recambiado para o Quartel da PM, em Natal.

Fonte: Assessoria de Imprensa do MPRN

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado.