#JornalismoSemFakeNews

5 de maio de 2008 às 0:01

Depois de conversar com Garibaldi, Lula deixou Wilma sem opção: ou PT, ou PT

[0] Comentários | Deixe seu comentário.

O problema é que assim que Robinson e Micarla deixaram Natal…
A governadora Wilma de Faria foi a Brasília.
Onde voltou a conversar com o senador Garibaldi Filho e o deputado Henrique Alves, num almoço no Clube de Golf da cidade.
E as conversas em torno da formação do chapão se tornaram mais interessantes.
Mas, ainda sem definição.
Os antigos adversários ainda teriam uma conversa em Natal.
Mas…
Quando saiu do almoço, o presidente do Senado Garibaldi Filho falou com o presidente Lula.
Disse que estava tudo certo e que os aliados da base dele em Natal haviam se afinado.
Lula pegou o telefone e ligou para a governadora.
Encontrou Wilma em trânsito, no aeroporto de Recife, quando voaria em seguida para Maceió.
O presidente Lula parabenizou Wilma pelo acordo.
Mostrou-se pra lá de satisfeito com a união da base e mais ainda com a decisão de apoio à candidatura da deputada Fátima Bezerra.
Wilma foi encurralada.
Não teve como dizer que ainda não era bem isso…a um presidente que vem tratando muito bem o seu governo.
E fechou o acordo ali mesmo.
Ao telefone com o presidente Lula.
Wilma desembarcou em Natal mais petista do que nunca depois do encontro de governadores e da reunião da Sudene, em Maceió, onde Lula estava, e mais uma vez a cumprimentou pela nova aliança.
Aí…
Dançou Micarla…
E Robinson ficou sem entender nadica.
Felizes os dois não ficaram.

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado.