#JornalismoSemFakeNews

14 de junho de 2008 às 23:06

Secretário de Comunicação rebate informação de que houve partilha de dinheiro na residência oficial

[0] Comentários | Deixe seu comentário.

Secretário de Comunicação do governo, o jornalista Rubens Lemos Filho encaminhou nota ao jornal Folha de São Paulo, que na edição deste sábado publicou que havia sido feita uma partilha de dinheiro de propina na residência da governadora.
No documento, o governo diz que tomará "todas as medidas administrativas necessárias" para apurar as suspeitas levantadas pela Polícia Federal contra alguns assessores de Wilma.
"O governo do Rio Grande do Norte repele com veemência e indignação as insinuações, veiculadas na imprensa, de que uma suposta partilha de propina tenha sido feita dentro da residência oficial da governadora Wilma de Faria", diz a nota assinada pelo secretário.
*
E eu, que li e reli o documento que pedia a prisão preventiva dos 13 acusados de desviar dinheiro público, (continuo lendo neste momento), não entendi de onde a Folha tirou a informação.
O documento fala em pagamento feito no apartamento do secretário adjunto de Esporte, João Henrique Bahia.
Sobre a casa da governadora, a peça jurídica fala apenas em uma reunião de Lauro Maia com o empresário Mauro Bezerra, que supostamente teriam tratado sobre renovação de contrato.
Sem falar em partilha de dinheiro.
Mas…como o povo tem mania de achar que jornal de São Paulo e do Rio não erra…
Tô aqui olhando de novo pro documento…

*
O esclarecimento de Rubens Lemos à Folha está na Folha Online.

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado.