#JornalismoSemFakeNews

22 de julho de 2009 às 18:44

Para Agripino, envolvimento de Sarney em ato secreto é “quebra de decoro parlamentar”

[0] Comentários | Deixe seu comentário.

O senador José Agripino disse agora ao Blog que, até o fim do recesso, vai conversar com a bancada democrata para avaliar a possibilidade de representar contra o presidente do Senado, José Sarney, no Conselho de Ética da casa.
Para Agripino, até então não se tinha provas contra Sarney…
Mas a gravação feita pela Polícia Federal, onde se ouve o senador negociando um cargo para o namorado de uma neta…”foi um flagrante”, disse Agripino.
Que espera que os nomes envolvidos – Sarney, Agaciel, etc – façam sua defesa até o final do recesso.
“Isso pra mim é quebra de decoro. O fato é grave porque demonstra claramente a intimidade da conversa com o diretor-geral do Senado. Que é reprovável, já que trata-se de um assunto proibido por lei”, afirmou Agripino, referindo-se ao nepotismo.
Hoje Agripino já foi procurado pela TV Globo – que deverá exibir sua declaração no Jornal Nacional – pelo Estadão e pela coluna Painel, da Folha de S. Paulo.

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado.

  • Perfil