#JornalismoSemFakeNews

10 de fevereiro de 2010 às 12:10

Lei que proíbe carnaval de rua em Martins não botará ninguém na cadeia

[0] Comentários | Deixe seu comentário.

Vem do mossoroense Giorgione Mendes, o esclarecimento sobre a participação da polícia em Martins, em casos de descumprimento à lei sancionada às pressas pela prefeita Mazé, proibindo “terminantemente” a realização de carnaval de rua na cidade dita turística da região Oeste.
Segundo Giorgione, que considera a lei “absurda e inconstitucional”, ninguém será preso de decidir brincar o carnaval na rua.
O que ocorrerá, segundo Giorgione, que terminou o curso de Direito e se prepara para fazer o Exame da ordem, a participação da polícia é para fazer a lavratura de um Boletim de para assegurar o pagamento da multa, estipulada pela prefeita em 20 mil reais, caso a lei ditatorial seja descumprida.
“A polícia seria para parar o evento ou manifestação, mas ela não pode prender ninguém. Nem essa lei absurda prevê isso.
O aparato policial seria mais para certificar o ocorrido para a posterior cobrança judicial de multa”, explicou Giorgione.

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado.