#JornalismoSemFakeNews

22 de julho de 2010 às 1:43

Edilson Nobre: “Para julgar precisamos unir a dureza da lei ao ideal de Justiça e liberdade”

[0] Comentários | Deixe seu comentário.

Da Assessoria de Imprensa do Tribunal Regional Fderal – Quinta Região, em Recife:

EDILSON PEREIRA NOBRE É O MAIS NOVO DESEMBARGADOR FEDERAL DO TRF5
Ele é o quarto membro da Corte vindo da Justiça Federal no Rio Grande do Norte

Na sessão solene do Pleno do Tribunal Regional Federal da 5ª Região (TRF5) desta quarta-feira, o magistrado Edilson Pereira Nobre Júnior foi empossado desembargador federal da Corte.
A cerimônia foi conduzida pelo presidente do TRF5, desembargador federal Luiz Alberto Gurgel de Faria, e contou com a presença do ministro do Superior Tribunal de Justiça (STJ), Francisco Falcão, dos governadores dos Estados de Pernambuco, Paraíba e Rio Grande do Norte, Eduardo Campos, José Maranhão e Iberê Ferreira, da chefe da Procuradoria Regional Federal – 5ª Região, Maria do Socorro Paiva e de outras autoridades.
No discurso de saudação ao novo desembargador, o presidente da Corte lembrou o período histórico da Insurreição Pernambucana e a luta dos Estados do Nordeste contra a invasão holandesa para frisar que, mais uma vez, as unidades federativas estavam juntas, agora com o objetivo de promover a Justiça.
Ele encerrou sua fala citando o poeta pernambucano Manuel Bandeira:
“Entre, a casa é sua e que Deus abençoe sua trajetória”.
Em seu primeiro discurso como desembargador federal, Edílson Nobre comparou a atividade jurisdicional aos noturnos de piano do compositor Chopin, nos quais o artista mistura o belo à tristeza:
“Para julgar precisamos unir a dureza da lei ao ideal de Justiça e liberdade” enfatizou.
O desembargador Edílson Pereira Nobre Júnior é o quarto membro do TRF5 oriundo da Justiça Federal no Rio Grande do Norte.
Os outros magistrados vindos daquele Estado são os desembargadores Luiz Alberto Gurgel de Faria (presidente da Corte), Marcelo Navarro (vice-presidente) e Francisco Barros Dias.

Por: Clarissa Falbo – Divisão de Comunicação Social do TRF5

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado.