#JornalismoSemFakeNews

2 de novembro de 2010 às 0:10

Sepultado nesta segunda-feira o ex-reitor da UFRN, Genário Fonseca

[0] Comentários | Deixe seu comentário.

O Reitor da UFRN, Ivonildo Rego, publicou nota, no site da Universidade, se solidarizando com a família do ex-Reitor Genário Fonseca, sepultado nesta segunda-feira.
Genário, que morreu no domingo em que o Brasil elegia sua primeira presidenta, foi o segundo Reitor da UFRN, e foi em sua gestão que o campus universitário foi construído, a TV-U foi implantada e a instituição começou a ser interiorizada.
Aos 87 anos, Genário Fonseca, que era casado com Sônia Fonseca, deixou 8 filhos, entre eles, o médico pediatra Ney Fonseca.
Eis a nota assinada pelo Reitor Ivonildo Rego

GENÁRIO: A OBRA QUE NÃO MORRE
O universo humano é feito de figuras cujas vidas ganham realce na medida em que delas fazem um constante exercício de lutar. O ex-reitor Genário Fonseca foi uma dessas figuras. Com a grave incumbência de substituir o reitor Onofre Lopes num momento em que a Universidade Federal do Rio Grande do Norte dava os primeiros passos em sua expansão, liderou a vinda dos diversos núcleos espalhados pela cidade para o atual Campus. E a despeito das dificuldades, próprias do período discricionário vivido pelo país e pelo estado, iniciou a implantação que certamente se soma à tarefa de criação dos pioneiros. Ante seu falecimento quero, em nome da Instituição, transmitir aos seus familiares e amigos o nosso mais sentido pesar e o reconhecimento da sua participação nessa obra.

Natal, 1º de novembro de 2010
José Ivonildo do Rêgo
Reitor da UFRN 

A foto abaixo foi clicada por Canindé Soares, no dia 25 de agosto de 2008, no período de comemorações pelo cinquentenário da UFRN.
Na exposição, Genário relembrava sua passagem pela Reitoria, entre 1971 e 1975.

Canindé Soares
                                  Genário conferindo exposição que abriu comemorações pelos 50 anos da UFRN

 

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado.