#JornalismoSemFakeNews

16 de junho de 2011 às 11:00

Geraldo Melo pede prazo para responder convite do presidente do PP

[0] Comentários | Deixe seu comentário.

Depois da conversa com o deputado Henrique Alves, no aeroporto, quando o peemedebista seguiu para São Paulo, onde se submete hoje a um check-up, Geraldo seguiu para o Senado.
Foi para o gabinete do presidente do PP, senador Francisco Dornelles.
Para uma conversa que teve como testemunha o vice-presidente do partido Ricardo Barros, que foi líder do governo na Câmara, à época em que Geraldo foi líder do presidente Fernando Henrique Cardoso no Senado.
"Eu disse a Dornelles que não iria a Brasília se não tivesse recebido o convite dele. Mas que precisava de um prazo até o final da próxima semana para eu botar meus pés no chão".
Geraldo quer tempo para conversar com seu grupo político.
"Não quero fazer com ninguém o que fizeram comigo no PSDB", disse o ex-senador, afirmando que não tem motivo para deixar o PPS.

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado.

  • Perfil