Thaisa Galvão

25 de julho de 2013 às 7:02

Na reforma do prefeito de Macau, ele demite de uma só vez a atual e a ex-mulher [1] Comentários | Deixe seu comentário.

Sucupira perde…

Em Macau, onde o prefeito Kerginaldo Pinto, de uma canetada só, exonera 250 cargos comissionados, que estão com prazo de validade na Prefeitura até o dia 30, a surpresa: uma pequena reforma administrativa também entrou no rol das mudanças.

E também, de uma vez só, o prefeito demitiu a atual esposa e a ex.

 

-Luciana Alves, a ex- mulher de Kerginaldo, mãe dos seus dois filhos, é a secretária de Assistência Social. No final da tarde desta quarta-feira, foi comunicada da demissão.

Para o lugar dela, dois nomes cotados: Deusa e Kely Teodósio.

Evangélica, Luciana passou a tarde recebendo a solidariedade dos ‘irmãos’ da igreja, que acusam o prefeito de traidor…duplamente.

 

-Aline Kely, a atual, é Ouvidora do Município. Mas, como a Ouvidoria nunca saiu do papel, cabe à Prefeitura apenas pagar o salário da mulher do prefeito.

 

A reforma anunciada por Kerginaldo Pinto tem como justificativa cortar gastos…mas, com mulher e ex sem emprego, as despesas do prefeito aumentarão…e muito.

 

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

*