Thaisa Galvão

5 de setembro de 2013 às 23:49

SUS tem dois meses para começar tratamento de pacientes com câncer [0] Comentários | Deixe seu comentário.

Da Folha Online:

Justiça determina que SUS inicie tratamento contra câncer em até 60 dias

A Justiça Federal determinou que o tempo máximo de espera para o início do tratamento de câncer pelo SUS (Sistema Único de Saúde) seja de 60 dias após a data do diagnóstico da doença. A decisão do Tribunal Regional Federal da 1ª Região anula artigo da Portaria nº 876 do Ministério da Saúde, que usava a inclusão do diagnóstico no registro do SUS como ponto de partida para a contagem do prazo.

Ricardo Salviano, defensor público federal autor da ação que ensejou a decisão, explica que depois do exame que traz o diagnóstico da doença, o paciente precisa marcar uma consulta para que um médico possa prescrever o tratamento, o que pode levar meses.

“A gente sabe a dificuldade que as pessoas têm de marcar uma consulta”, disse. Salviano defende que a saúde das pessoas não pode ficar a mercê de questões burocráticas como a demora na marcação de consultas. A decisão determina que a data do resultado do exame é que vai ser o ponto de partida da contagem do prazo de 60 dias e não a consulta médica com a inclusão do diagnóstico no registro do SUS, como trazia a portaria.

A decisão mantém o texto original da lei que está em vigor desde maio. Segundo Salviano, o legislador estabeleceu o lapso temporal de 60 dias para que o médico possa avaliar o laudo e indicar o tratamento dentro deste prazo.

O presidente da Associação Nacional dos Defensores Públicos, Gabriel Faria Oliveira, ressalta que o acesso à saúde é uma das principais demandas da DPU (Defensoria Pública da União) em todo país. Segundo ele, processos relacionados a pedidos de medicamentos de alto custo e diversos procedimentos médicos representam grande parte dos processos movidos nas unidades da DPU em todo país.

O descumprimento da lei pode submeter os gestores responsáveis a penalidades administrativas. O Defensoria Pública da União frisa que o paciente que verificar qualquer irregularidade pode procurar uma unidade para pedir ajuda.

5 de setembro de 2013 às 23:42

Canindé Cidadão [0] Comentários | Deixe seu comentário.

O fotógrafo-parceiro Canindé Soares, cidadão do mundo, agora é cidadão macauense.
O título que lhe foi entregue foi proposto pela Câmara de Vereadores, na sua unanimidade.

Eis trechos do discurso do fotógrafo-falante:
*

Sou fotógrafo há mais de 35 anos, tenho 53 de idade, mas minha disposição posso afirmar sem sombra de dúvida ser a mesma de uma pessoa com a idade de 20 anos. Não sei dizer qual seria a idade certa para o tamanho do entusiasmo que tenho com o prazer de fotografar, tenham certeza que é dos maiores. Mas não poderia ser diferente.

A paixão pela fotografia, o prazer de mostrar e compartilhar com as pessoas esse meu trabalho, mostrar as coisas boas do RN, a exemplo do carnaval de Macau, tem gerado uma reação surpreendente e que jamais imaginei. É incrível e inacreditável como meu trabalho tem agradado de uma forma que é praticamente difícil ter um dia para que eu não receba elogios, seja, via e-mail, twitter, facebook, instagram e nas ruas pessoalmente.

Esse agradar e o reconhecimento é com certeza o sonho de qualquer profissional. É o combustível para entusiasmo para qualquer pessoa que goste do que faz.

Sou extremamente feliz, pois não tenho a fotografia como um trabalho, ela é um divertimento diário e onde estou fotografando é como se fosso um momento de lazer, independente de qualquer coisa, de está sendo contratado ou não, de estar sendo remunerado ou não.

Com certeza esse prazer pela fotografia me deu o luxo de escolher o trabalho que melhor me identifico”

20130905-234011.jpg

Foto: Elias Medeiros

5 de setembro de 2013 às 23:22

RN sem vírus da aftosa [0] Comentários | Deixe seu comentário.

Depois do ministro do Esporte, Aldo Rebelo, com quem abriu hoje os Jogos da Juventude, e depois jantou, e com quem visita a Arena das Dunas nesta sexta-feira, a governadora Rosalba Ciarlini cumpre agenda com o ministro da Agricultura, Antônio Andrade.

Rosalba e Andrade vão assinar, às 15 horas desta sexta, a instrução normativa que vai garantir ao Rio Grande do Norte o reconhecimento nacional como Área Livre de Febre Aftosa com Vacinação.

Processo iniciado em outubro do ano passado, pelo Idiarn, constatou que o vírus da aftosa não está circulando no Rio Grande do Norte.

5 de setembro de 2013 às 22:51

Nova liminar do TJ suspende decisão de juiz e libera publicidade do governo [0] Comentários | Deixe seu comentário.

Do site do Tribunal de Justiça do RN:

DECISÃO LIMINAR REVOGA NOVAMENTE PROIBIÇÃO DE PROPAGANDA DO GOVERNO

O desembargador Claudio Santos, do Tribunal de Justiça do Rio Grande do Norte, reformou novamente decisão de 1º grau que suspendia a publicidade do Governo do Estado.

Ao deferir pedido liminar feito pelo Estado do Rio Grande do Norte, por meio de Agravo de Instrumento n° 2013.014946-7, contra decisão do juiz da Vara Cível de Currais Novos, o integrante da Corte potiguar determinou a revogação da suspensão de todos os anúncios publicitários pagos em meios de comunicação do Estado do RN, seja a imprensa televisiva, de rádio, internet ou impressa; revogação da suspensão de todas as propagandas pagas, bem como das ações do Estado do RN na mídia.

Ainda, Claudio Santos determinou ao secretário estadual de Saúde Pública que mantenha em adequado funcionamento a UTI e o Pronto Socorro do Hospital Regional de Currais Novos, “utilizando todos os recursos humanos e materiais contextualmente possíveis e razoáveis sob pena de desobediência”.

Também determinou que seja o secretário de saúde, e não a governadora do Estado, o responsável por informar no prazo de 30 (trinta) dias, se foram tomadas as providências necessárias ao funcionamento permanente dos serviços de Pronto Socorro e da Unidade de Terapia Intensiva – UTI (adulto e infantil), no Hospital Regional de Currais Novos (24 horas), com a nomeação de médicos suficientes para cumprir todas as escalas de plantão, material a ser utilizado, bem como profissionais da área de saúde necessários para atender os necessitados.

FUNDAMENTOS
Sobre a suspensão da publicidade determinada pelo juiz de 1º grau, o desembargador entende “ter havido excesso na decisão combatida, porquanto, entre as medidas necessárias e adequadas visando ao cumprimento da decisão judicial (…) reputo como suficiente para a efetivação da tutela específica, concedida à Agravada anteriormente, o bloqueio de valores, e a renovação do Termo de Cooperação firmado entre o Estado do RN, e o Município de Currais Novos, restando garantido o funcionamento dos serviços de pronto socorro e Unidades de terapia Intensiva (adulto e pediátrica)”.

O integrante da Corte considera que não cabe ao julgador manter a suspensão da propaganda institucional do Governo, sob o argumento de ausência de garantia do direito à saúde em outros processos com idêntica matéria, que tramitam naquela Comarca, uma vez que a propaganda governamental tem previsão constitucional.
“Servem, pois, à cidadania a ampla divulgação dos atos de Governo, pois dão densidade aos princípios da legalidade moralidade, publicidade e eficiência, permitindo, assim, o controle das políticas públicas e estimulando a participação da cidadania na consecução e no controle dos programas governamentais. O que se veda, isto sim, é a promoção pessoal de autoridades e servidores”, destaca Claudio Santos.

Finalmente, o desembargador lembra o princípio da separação do poderes e afirma que “O Poder Judiciário não pode – por impedimento em balizas constitucionais – se arvorar do poder-dever de melhorar a gestão dos serviços públicos essenciais, assumindo a administração e o exercício de atribuições alheias, mas apenas corrigir eventuais ilegalidades ou desvios, repondo a paz social, na medida do possível”.

5 de setembro de 2013 às 18:47

Direção do hospital Deoclécio Marques mostra como foi prestado atendimento a paciente de 94 anos [0] Comentários | Deixe seu comentário.

Sobre a informação de um leitor do Blog, que não citei o nome, mas conheço, daí ter acatado, a direção do Hospital Deoclécio Marques, em Parnamirim, afirmou que a paciente de 94 anos, que o leitor disse ter esperado 8 horas para conseguir se internar, chegou ao hospital na quarta-feira, às 18 horas, em uma ambulância do Samu.

Dona Maria Socorro Farias, segundo o hospital, ‘tem recebido a devida assistência médica e alimentação adequada desde então’.

Após a realização de uma tomografia de crânio, foi detectado que a paciente havia sido acometida por um Acidente Vascular Encefálico (AVE), e foi “prontamente atendida pelo médico Edmilson de Albuquerque e, posteriormente, reavaliada pela doutora Rúbia Valéria, tendo permanecido inicialmente na Sala de Observação 2, e depois conduzida ao leito 04 da enfermaria da clínica médica, onde permanece até o momento”.

De acordo com o hospital, apesar dos atendimentos oferecidos pelo Hospital Deoclécio Marques terem sido prejudicados devido à paralisação de 33 dias, suspendendo as cirurgias eletivas, a unidade “vem concentrando todos os esforços para melhorar a qualidade e resolutividade dos serviços prestados”.

O hospital vem, inclusive, de acordo com a assessoria, se beneficiando com o mutirão de cirurgias ortopédicas iniciado em 1º de agosto pela Secretaria de Saúde, já tendo atendido nessa área, 99 pacientes.

5 de setembro de 2013 às 18:37

Debate atrasado na Câmara [0] Comentários | Deixe seu comentário.

Não entendi muito bem a discussão dos vereadores de oposição ao prefeito Carlos Eduardo, na sessão de hoje da Câmara, logo depois da passagem do prefeito pela Casa.
“Não queremos a Copa”, foi o que mais se ouviu….
Os vereadores querem trocar a Copa por querem saúde, melhorias no trânsito…

Mas…
Discussão bem atrasada…
Vamos combinar que não tem mais como se fazer isso.
Nem que a presidente Dilma queira.
Basta se informar sobre os procedimentos para realização da Copa do Mundo.

5 de setembro de 2013 às 17:59

Governadora Rosalba janta com o ministro Aldo Rebelo [0] Comentários | Deixe seu comentário.

A governadora Rosalba Ciarlini (DEM) e o ministro do Esporte, Aldo Rebelo (PCdoB), jantam juntos daqui a pouco.
Os dois participaram há pouco da abertura dos Jogos Escolares da Juventude, e amanhã visitam a Arena das Dunas, que falta menos de 20% para ser concluída.

5 de setembro de 2013 às 17:42

Para Carlos Eduardo, Arena das Dunas “não é nada para um legado da Copa” [0] Comentários | Deixe seu comentário.

Do prefeito Carlos Eduardo, em seu discurso na Câmara Municipal de Natal, onde foi tentar convencer a Casa a aprovar pedido de empréstimo para que a Prefeitura pague as contrapropostas das obras federais para a Copa:

“Até hoje, o que temos é a Arena das Dunas, o que não é nada para um legado da Copa”.

O prefeito lembrou que o Município teve 53 meses para começar as obras, mas estas só puderam ser iniciadas a 18 meses da Copa.

5 de setembro de 2013 às 16:04

Fecam reúne presidentes de Câmaras para discutir sobre voto aberto [0] Comentários | Deixe seu comentário.

A Federação de Câmaras do RN vai reunir presidentes de Câmaras do interior do Estado amanhã, às 9 horas, na sede da Fecam, em Natal.
Na pauta de dizcussões, o voto aberto.

“A Fecam orienta a modernização dos regimentos. E a exemplo da Câmara de Mossoró, primeira do país a abolir o voto secreto, outras Câmaras também estão optando pelo voto aberto em todas as votações”, afirma o vereador Francisco José Júnior, presidente da Federação e presidente da Câmara de Mossoró.

A Fecam vai prestar orientação a todas as casas legislativas interessadas.

*

Mas, vale lembrar, que o modelo que for aprovado para o Congresso, é o que valerá para as Assembleias Legislativas e Câmaras Municipais. Portanto, a discussão que vai valer será a de Brasília.

5 de setembro de 2013 às 15:43

Henrique Alves, Erick Pereira e Antônio Spinelli debaterão Reforma Política na ‘Quinta Jurídica’ [0] Comentários | Deixe seu comentário.

Estão abertas as inscrições para a próxima edição da Quinta Jurídica, promovida pela Justiça Federal do Rio Grande do Norte, através da Escola de Magistratura Federal, marcada para a quinta-feira, dia 12.

O tema será Reforma Política e os palestrantes serão o presidente da Câmara, deputado Henrique Alves, o advogado Doutor em Direito Constitucional, Erick Pereira e o professor de Ciências Sociais da UFRN, Antônio Spinelli.

As inscrições podem ser feitas direto no site www.jfrn.jus.br e concluídas na entrada do evento, com a doação de 2 quilos de alimentos não perecíveis.

5 de setembro de 2013 às 14:50

Eletrosax: show solo de saxofonista do Kid Abelha será atração da festa de Jota Oliveira [0] Comentários | Deixe seu comentário.

Já tem data e local a 19ª edição da festa Forever Young, promovida anualmente pelo colunista da Tribuna do Norte, Jota Oliveira.
A festa será na ‘Sexta-feira 13’, a partir das 22h, na nova casa da cidade, o Chaplin Recepções.

O saxofonista George Israel, da banda Kid Abelha, será a principal atração da noite, com o show solo “Eletrosax”.
Também animarão a festa a Banda D’Vibe, do cantor Valber Fernandes, do projeto Sax in the House, e o Dj Gabriel Sodré.

As senhas de acesso já podem ser adquiridas na Banca Cidade do Sol e nas loja Posologie e Donna Donna.

5 de setembro de 2013 às 11:39

STF pode discutir hoje o pedido de prisão imediata dos réus do mensalão [0] Comentários | Deixe seu comentário.

Do Estadão:

STF reafirma poder sobre mandato de deputados condenados pelo mensalão

Em sessão na qual voltaram a rejeitar a maioria dos recursos, ministros da Corte reforçaram que os 4 parlamentares terão de deixar cargo assim que a fase de embargos acabar

felipe Recondo e Mariângela Gallucci
O Estado de S. Paulo

BRASÍLIA – Na reta final da análise dos primeiros recursos do mensalão, os ministros do Supremo Tribunal Federal voltaram a rejeitar ontem a maior parte das demandas dos condenados, reafirmaram seu poder sobre a cassação dos mandatos dos quatro deputados federais envolvidos no escândalo e prepararam o terreno para decidir, hoje, se aceitam ou não os embargos infringentes, que podem levar a novos julgamentos em 12 casos.

*
Na análise dos embargos declaratórios de ontem – recursos que apontam incongruências na decisão -, a Corte manteve a pena de 9 anos e 4 meses imposta ao deputado João Paulo Cunha (PT-SP). Nesse contexto, se pronunciou mais uma vez sobre a questão dos mandatos: para os condenados do mensalão, as cassações deverão ocorrer automaticamente, sendo a Mesa da Câmara responsável só por confirmar burocraticamente a determinação de tirar os mandatos de João Paulo Cunha (PT-SP), Valdemar Costa Neto (PR-SP), José Genoino (PT-SP) e Pedro Henry (PP-MT).

Essa é mais uma decisão no imbróglio em torno da discussão sobre a quem compete cassar o mandato de parlamentares condenados judicialmente.

*

Após o julgamento do mensalão, no ano passado, a composição da Corte mudou, com a saída dos ministros Cezar Peluso e Ayres Britto e a entrada de Teori Zavascki e Luís Roberto Barroso. Com isso, o tribunal mudou o entendimento sobre o assunto. No mensalão, a Corte determinou a perda imediata do mandato. Depois, no julgamento de uma ação penal contra o senador Ivo Cassol (PP-RO), analisada recentemente pelos ministros, o STF decidiu que caberia ao Congresso abrir e votar o processo de cassação de mandato.

A querela jurídica pode ser decidida, terminado o caso do mensalão, quando o Supremo julgar a liminar concedida pelo ministro Barroso, que anulou a decisão da Câmara de absolver do processo de cassação o deputado Natan Donadon (sem-partido-RO), condenado a mais de 13 anos de prisão, e criando uma regra alternativa. No caso, o Supremo escolheria, enfim, uma das três decisões até agora tomadas sobre perda de mandato.

*

A sessão será retomada hoje, com apenas dois embargos de declaração ainda pendentes de julgamento – o do ex-assessor do PP João Cláudio Genu e o do advogado Rogério Tolentino.

Encerrada essa fase, os ministros devem julgar se aceitam ou não os embargos infringentes. Terminada essa nova etapa, se houver tempo, o tribunal deve discutir o pedido de prisão imediata dos condenados.

Os 12 condenados que poderão solicitar o recurso obtiveram pelo menos quatro votos a favor de sua absolvição.

O regimento interno do tribunal manteve a existência do recurso, mesmo a legislação sobre o assunto tendo excluído a possibilidade desses embargos.

*

Inicialmente, ministros calculavam que os embargos seriam aceitos e novo julgamento seria marcado. No entanto, a pressão da opinião pública e os conflitos internos provocados nesse processo levaram alguns ministros a recuar. Por isso, os novos prognósticos dos ministros e dos advogados que atuam no caso são de que os recursos serão rejeitados.

A sessão de ontem foi suspensa após o ministro Teori Zavascki mudar seu voto e decidir acompanhar Ricardo Lewandowski na proposta de redução das penas para todos os réus condenados por formação de quadrilha, inclusive o ex-ministro da Casa Civil José Dirceu.

Apesar da mudança de voto e a suspensão do julgamento para hoje, não haverá efeito prático. Isso porque sete ministros mantiveram os votos contra a redução das penas.

No entanto, segundo eles, ficará comprovado que parte dos recursos dos réus não teve o propósito de apenas protelar o cumprimento de penas.

Erros. O tribunal chegou a reconhecer erros. Na sessão, por exemplo, os ministros do Supremo reconheceram que houve uma contradição na fixação da pena para o Breno Fischberg, condenado originalmente a 5 anos e 10 meses. O sócio dele numa corretora, Enivaldo Quadrado, acusado dos mesmos crimes, foi condenado a pena menor, de 3 anos e 6 meses, que foi convertida em prestação de serviços. E pela primeira vez, os ministros reduziram a pena imposta de um dos 25 condenados, no caso a de Fischberg.

O julgamento do mensalão no começou em agosto e foi concluído em dezembro. A Corte afirma que o esquema utilizou dinheiro público e empréstimos bancários fraudulentos para comprar votos no Congresso entre 2003 e 2005, no primeiro mandato do ex-presidente Luiz Inácio Lula da Silva.

*

PARA ENTENDER : EMBARGOS INFRINGENTES

Tais embargos podem ser apresentados numa segunda fase de recursos, aberta somente após a publicação do julgamento dos embargos de declaração. Nesta segunda etapa, os advogados de defesa podem pedir a reavaliação das condenações em casos em que houve placar apertado – quando pelo menos quatro ministros da Corte votaram pela absolvição do réu no caso de um determinado crime.

Esses embargos não estão previstos no Código do Processo Penal brasileiro desde 1990, mas ainda constam do regimento interno do STF. Por isso, os ministros da Corte estão divididos sobre aceitar ou não esses recursos.

5 de setembro de 2013 às 10:32

Paciente de 94 anos espera 8 horas para ser internada em Parnamirim [0] Comentários | Deixe seu comentário.

Denúncia de leitor atento:

Esvaziaram os corredores do Walfredo Gurgel e encheram os do Hospital Deoclécio Marques, em Parnamirim.

Ele afirma que uma paciente de 94 anos permaneceu por 8 horas no corredor, aguardando ser internada.
Período em que ficou sem almoçar e sem jantar.

20130905-103013.jpg

5 de setembro de 2013 às 10:25

Juíza Eleitoral julga improcedentes ações que pedem cassação do mandato da prefeita Cláudia Regina [0] Comentários | Deixe seu comentário.

A juíza eleitoral Ana Clarisse Arruda Pereira, julgou improcedentes duas representações impetradas contra a prefeita de Mossoró, Cláudia Regina, pela coligação à qual pertencia, na campanha passada, a ex-candidata à prefeita e deputada Larissa Rosado.

A assessoria jurídica de Larissa pediu a cassação do diploma da prefeita e do vice-prefeito.

Os processos eram baseados na denúncia de que teria havido abuso de poder na conduta da governadora Rosalba Ciarlini (DEM), em favor da candidata Cláudia Regina.

Na ação, a assessoria de Larissa alegou que Cláudia teria sido beneficiada por compra de votos comandada pela governadora.

Em sua sentença, a juíza Ana Clarisse afirmou que não existe nos autos, provas de que teria ocorrido um fato concreto de compra de votos, já que o que foi apresentado como prova foi a gravação de um discurso da governadora, onde ela mencionava a surpresa por agricultores ainda não terem a propriedade das terras onde vivem, e sinalizado com a possível regularização.

Segundo a sentença, o discurso não cita a então candidata Cláudia Regina.

Eis o trecho do discurso da governadora, incluído no processo:

“Não consigo entender porque depois de quase três décadas, vocês não tem, ainda, o título da terra. Vou levar esse problema ao ministro da reforma Agrária e, se preciso, pedir o apoio da presidente Dilma Roussef”.

A juíza ainda explica em sua sentença que “o discurso da Governadora contem compromissos assumidos por esta enquanto agente político, desprovido, no entendimento desta Magistrada, de conteúdo ofensivo à objetividade da norma insculpida no art. 41-A, posto que externados sem menção direta ou vinculação ao voto dos eleitores à candidata por ela apoiada”.

*

Já no processo em que a assessoria jurídica da campanha de Larissa Rosado pede a cassação do mandato de Cláudia Regina, por entender que a participação de Rosalba na campanha eleitoral, através de discursos e a citação de obras do Governo do Estado durante suas falas nos comícios, desequilibrou o pleito em favor da prefeita de Mossoró, a juíza Ana Clarisse explicou em sua sentença, que a conduta vedada existe quando a publicidade paga com dinheiro público é usada em favor de um candidato, mas que a citação de obras e realizações feita dentro do pleito, a título de prestação de contas, não fere a legislação.

“Não há proibição de filmagens dos prédios e monumentos públicos, nem de obras públicas, para serem as imagens usadas em campanha eleitoral, porque aí não haverá utilização ou cessão do bem em sentido próprio, que tenha qualquer teor de ilicitude”, justificou a juíza.

5 de setembro de 2013 às 10:12

Festa do voto aberto dura pouco [0] Comentários | Deixe seu comentário.

E a festa do Voto Aberto vai durar pouco.
Aprovado à unanimidade do plenário, na Câmara Federal, o projeto deverá ser engessado pelo Senado.
E os 452 votos dos deputados serão subestimados pelos 81 – se todos votarem – do Senado.
O presidente do Senado, Renan Calheiros, não anda ouvindo a voz do povo.
Continua defendendo interesses, e se mostrou irritado com a decisão do presidente da Câmara, Henrique Alves, de ter votado a proposta mais ampla.

Mas a decisão de Henrique também durou pouco…ou foi para inglês ver.
O presidente da Câmara passou a concordar com Renan e já admitiu que o voto só deverá ser secreto em casos de cassação de mandato.

Então…pra quê a cena na Câmara?

5 de setembro de 2013 às 10:01

Conselheiro do CNMP participa de reunião no Ministério Público do RN [0] Comentários | Deixe seu comentário.

O conselheiro Cláudio Henrique Portela do Rego, do Conselho Nacional do Ministério Público, virá a Natal na próxima quinta-feira, dia 12.
Ele vai participar da reunião do Colégio de Procuradores do Ministério Público do Rio Grande do Norte.

O conselheiro é relator de um processo que mantém poderes ao Colégio de Procuradores do MP.
E como Procuradoria Geral e Colégio de Procuradores andam divergindo, no Rio Grande do Norte, o conselheiro deverá tentar hastear a bandeira da Paz no MP.

5 de setembro de 2013 às 9:24

Ministro Aldo Rebelo abre hoje em Natal, os Jogos Escolares da Juventude [0] Comentários | Deixe seu comentário.

Atletas de todo o Brasil já estão em Natal para os Jogos Escolares da Juventude, que será aberto hoje às 17 horas, no Ginásio Nélio Dias, na zona Norte, com presença do ministro do Esporte, Aldo Rebello.

O espetáculo ‘Gonzagando’, da Escola de Dança do Teatro Alberto Maranhão, será a atração da abertura. que terá o ex-jogador de vôley Carlão, campeão olímpico, como mestre de cerimônia.

Também estarão presentes hoje a governadora Rosalba Ciarlini e atletas olímpicos como o potiguar Vicente Lenílson (atletismo), Mayra Aguiar (judô), Fabíola Molina (natação), Mariany Nonaka (tênis de mesa), e Antônio Carlos Moreno (vôlei), que vão atuar como embaixadores das competições.

O evento é realizado pelo Comitê Olímpico Brasileiro (COB), Ministério dos Esportes e Organizações Globo, com apoio do Governo do Estado do RN.

5 de setembro de 2013 às 9:15

Carlos Eduardo quer convencer Câmara a aprovar empréstimo para contrapartida de obras que já tem data para serem entregues [1] Comentários | Deixe seu comentário.

Líder de si mesmo.
Sem liderança na Câmara, desde que o vereador Júlio Protásio (PSB) entregou a missão, por discordar de ações do governo municipal, o prefeito Carlos Eduardo vai hoje à Câmara.
A partir das 14 horas, vai tentar convencer os parlamentares, através de um pronunciamento, a aprovarem um pedido de empréstimo para garantir as contrapartidas das obras para a Copa de 2014.
Carlos Eduardo já anunciou prazos para conclusões das obras…mas, o dinheiro das contrapartidas, ainda vai depender desse empréstimo.

O prefeito vai à Câmara a convite do presidente da Casa, vereador Albert Dickson.

5 de setembro de 2013 às 9:04

Arcebispo Emérito de Natal, Dom Heitor vai concelebrar com o Papa Francisco, em Roma [0] Comentários | Deixe seu comentário.

O Arcebispo Emérito de Natal, Dom Heitor de Araújo Sales; o diretor-administrativo da Faculdade de Filosofia e Teologia Dom Heitor Sales, Padre Valquimar Nogueira, e o assessor jurídico da Arquidiocese de Natal, Diácono Francisco Teixeira, estarão em Roma agora de 9 a 12 de setembro.
No dia 10, terça-feira próxima, às 7h30, horário de Roma, eles concelebrarão com o Papa Francisco, na capela da Casa Marta.
O pedido foi feito por Dom Heitor e foi confirmado pelo secretário particular do Santo Padre, Monsenhor Alfred Xuereb.